“A adolescência é o melhor momento para fazer turismo educacional’, diz representante da NR no Amapá

Onze entre a cada dez jovens têm o sonho em ganhar o mundo, conhecer lugares, gente e culturas diversas, estudar fora do Brasil. Quem Nunca? “E a adolescência é o melhor momento para fazer turismo educacional educacional”, é o que afirma a consultora de viagem Kiara Guedes, representante da NR Intercâmbio aqui no Amapá.

Essa experiência de conhecer outros países, outras culturas, contribui muito para a formação dos jovens, em especial os adolescentes. Isso os ajuda a olhar o mundo sob outra perspectiva, pois quando viajam, trazem na bagagem conhecimento e culturas diferentes da sua, que enriquece o processo de formação e maturidade dos jovens”, define Kiara.

Fazer um intercâmbio cultural hoje em dia ficou mais fácil se compararmos a algumas décadas atrás. Apesar da crise, o setor cresce consideravelmente e se adequa às condições econômicas das famílias, seja facilitando o pagamento, oferecendo destinos mais em conta ou apostando em públicos segmentados. Embora tenha pacotes para todas as idades, a NR, por exemplo, se especializou no público jovem e adolescente.

Em janeiro deste ano, o macapaense Bruno Dias, 15 anos, retornou de um intercâmbio que fez para a África do Sul, pela NR. Ele classificou o destino como sensacional, e conta que a atenção que recebeu dos monitores especializados da NR – treinados, justamente, para lidar com o público jovem,com o foco na identificação de valores fundamentais tais como comunicação, planejamento, organização, liderança circular, entre outros.– fez a grande diferença na viagem.

Tudo é muito lindo, paisagens de cair o queixo. O curso é com professores nativos, que fazem você praticar bastante. A acomodação e a alimentação, além de boas, tudo já estava incluso no pacote. Achei barato por tanta coisa incluída. Foi um passeio melhor que o outro, e ficávamos tão cansados que, às vezes, até agradecíamos pelo ‘toque de recolher’, sempre às dez da noite. Os monitores fizeram a viagem ficar três vezes melhor do que já é. São muito atenciosos, gente como a gente; as melhores pessoas do rolê”, conta.

Ficou agora a fim de programar uma viagem para ganhar o mundo como o Bruno? A NR Intercâmbio tem pacotes especial para inúmeros destinos tão sensacionais quanto aprazíveis, principalmente para o bolso dos pais. Para o ano que vem, por exemplo, a NR já definiu que, em 2019, os preços dos programas de férias para adolescentes continuarão os mesmos de 2018. É o mercado se ajustando à crise econômica porque passa o país.

Kiara destaca que a NR não comercializa viagens em si, mas uma experiência única em turismo educacional, tendo como princípio básico, segurança e monitoramento constante com profissionais qualificados,

Nós garantimos uma experiência das mais fantásticas para jovens, com total segurança, e para os pais, muita tranquilidade, para que não se preocupem com absolutamente nada durante toda a viagem, sabendo que seus filhos estão tendo 24h de acompanhamento e o melhor de cada programa, indicados de acordo com o perfil de cada adolescente e escolas parceiras”, garante a representante da NR em Macapá.

Ela ressalta que as escolas e universidades internacionais que são parceiras da NR Intercâmbio são consideradas de alto nível, prontas para receber jovens e adolescentes sob os cuidados de monitores NR e do próprio destino, assim como pedagogos. “Todos esses monitores passam por treinamento rigoroso da NR, capacitados para transformar a vida desses jovens a partir da melhor viagem de suas vidas”, garante Kiara.

SERVIÇO:

Os contatos com a agência regional da NR Intercâmbio podem ser feitos no local, à Av. Padre Júlio Maria Lombaerd, 2545, sala H, no Santa Rita; por e-mail: [email protected] ou telefone e Whatsapp (99120-1780).  Para saber mais, acesse: www.nrintercambio.com.br e boa viagem!

Júnior Nery
D1 COMUNICAÇÃO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *