Alinhamento de ações: Procuradores do município de Oiapoque visitam Coordenadoria Estadual da Infância e Juventude do TJAP

A Coordenadoria Estadual da Infância e Juventude da Justiça do Amapá (CEIJ/TJAP) recebeu, nesta segunda-feira (12), na sede do TJAP, a visita institucional da procuradora e do sub-procurador do município de Oiapoque, Helena Monteiro e Jozielson Valente, respectivamente. Eles foram recebidos pela equipe da CEIJ-TJAP, formada pelos servidores Diogo Castro, Elcio Ferreira, Ladilson Moita e Ana Beatriz. Entre os assuntos debatidos no encontro, possíveis parcerias em projetos sociais para crianças e adolescentes e o reforço no trabalho de integração social com os jovens da fronteira.

A Coordenadoria, que tem a frente o desembargador e decano do TJAP, desembargador Gilberto Pinheiro, é responsável por promover a articulação externa e interna na área da Infância e Juventude e assegurar os direitos dessas faixas etárias em todas as situações que se fazem necessário. Também está a cargo da CEIJ promover o aperfeiçoamento da estrutura e da atuação do Judiciário na área, por meio de projetos inovadores e capacitações, dando suporte aos magistrados, servidores e equipes multidisciplinares.

Os procuradores de Oiapoque agradeceram a receptividade, as orientações e informações sobre a atuação da Coordenadoria e seus projetos desenvolvidos. Na oportunidade, a equipe da CEIJ-TJAP se colocou à disposição dos visitantes e ressaltaram a importância deste estreitamento de laços institucionais para futuras ações positivas.

Mais sobre a CEIJ-TJAP

A unidade especializada tem como prioridade as políticas de atendimento à infância e juventude, com base na Resolução n° 94, de 27 de outubro de 2009, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ); e a Lei Complementar Estadual n° 077/2012, de 26 de outubro de 2012. A CEIJ/TJAP possui cerca de 35 projetos sociais, sendo o maior percentual nas áreas de esportes, onde assiste atualmente cerca de 350 crianças e adolescentes em quatro projetos em execução efetiva.

Até o final do ano de 2023, chegará a ter aproximadamente 1000 (mil) atendimentos, através dos demais projetos em andamento e, também com a integração de ações inclusivas para deficientes e portadores do espectro altista nos diversas iniciativas esportivas paraolímpicas já alinhavadas com a Universidade Federal do Amapá e a Escola Estadual São Lázaro.

– Macapá, 13 de junho de 2023 –

Secretaria de Comunicação do TJAP
Texto: Elton Tavares
Central de Atendimento ao Público do TJAP: (96) 3312.3800

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *