Amapá promove programações diversificadas na 12ª Semana Nacional de Museus

Por Dorislene Muniz
Da Redação – Agência Amapá

“Museus: as coleções criam conexões” é o tema da 12ª Semana Nacional de Museus, que ocorrerá no período entre 12 e 18 de maio. Os museus Joaquim Caetano da Silva, Fortaleza de São José de Macapá, da Imagem e do Som (MIS), de Arqueologia e Etnologia do Amapá (MAE) e o Centro Cultural Franco Amapaense (CCFA) participam do evento com uma vasta programação em homenagem ao Dia Internacional do Museu, 18 de maio.

A 12ª Semana é coordenada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), que incentiva as unidades museológicas a desenvolverem projetos que explorem não só o aspecto cultural, mas também o social e o educacional.

Os museus do Amapá, em suas especificidades, preparam programações constituídas por exposições, oficinas, palestras e outras atividades, sempre orientadas através da temática estabelecida pelo Ibram.

O Museu Histórico Joaquim Caetano da Silva apresentará uma ação educativa com a mostra fotográfica “Compartilhar”, banner sobre a estrutura arquitetônica da instituição, visitação à área interna e externa da instituição e palestras sobre o uso do prédio, com o tema “Intendência do Museu: os diversos usos de um prédio no século XIX e as Estruturas Arquitetônicas”.

O MIS promoverá encontros para a montagem da exposição de colecionadores durante a Semana de Museus e, no último dia, realizará uma rodada de conversa entre os expositores e convidados.

Na Fortaleza de São José de Macapá, a programação inclui atividades artísticas e culturais; ciclos de palestras; exposição e comercialização de artesanato, além de exposição fotográfica, mesa-redonda e exposição dos artefatos arqueológicos da Fortaleza.

O CCFA realizará cursos de conexões performáticas, produção de roteiro e oficina de cinema. Também serão exibidos filmes de produção independente do Cine Juventude, em parceria com o Cineclube do CCFA, e a exposição “Memória (In)comum”, com Silzamara Santos, Rosiane Oliveira, Benedita Enilda, Alessandra Ataíde e equipe de arte.

O Museu de Arqueologia e Etnologia do Amapá também programou um concurso sobre coleções, de temas variados, com a participação de cinco escolas públicas e premiações dos três primeiros colocados. Também fará uma exposição temporária de peças arqueológicas, denominada “Gruta do Jabuti”, com visitação monitorada para escolas e comunidade.

A exposição estará aberta a visitações no período de 12 de maio a 30 de julho, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, e aos sábados, das 9h às 13h. O MAE fica na Rua São José, 1500-A, Centro.

A sociedade e profissionais das instituições públicas e privadas estão convidadas a participar, a interagir com a história e a fazer uma viagem à cultura museológica do Estado.

Programação

Centro Cultural Franco Amapaense

Avenida General Gurjão, 32 – Praça do Coco – Centro – Tel: (96) 9179-8680 (96) 8124-8410

De 12 a 14 de maio
Hora: 14h30 às 17h30
Curso – Conexões Performáticas
Ministrantes: Mapige, Noemi, Suzanne /Coletivo Psicodélico

De 12 a 17 de maio
Hora: 8h às 21h
Exposição – Memória (In)Comum: Silzamara Santos, Rosiani Olivia, Benedita Enilda Carvalho, Alessandra Ataíde e equipe de arte

Dias 14 e 15 de maio
Hora: 14h30 às 17h30
Curso – Produção de Roteiro para Cinema

Ministrante: Rayane de Almeida Penha (Cine Juventude/Sejuv/AP)

Dia 16 de maio
Hora: 14h às 18h
Oficina de Cinema

Ministrante: Uliclelson Pereira (Cine Juventude/Sejuv/AP)

Dia 17 de maio
Hora: 19h às 22h
Exibição de filmes – Produção Independente do Cine Juventude ,em parceria com o Cineclube do CCFAE
Equipe: Uliclelson Pereira, Daynne Ferreira e Rita Ferreira

Museu de Arqueologia e Etnologia do Amapá (MAE)

Rua São José, 1500-A – Centro  – Tel: (96) 3223-5441

De 12 a 18 de maio
Hora: 8h às 18h
Concurso sobre coleções com temas variados e participação de cinco escolas públicas. Regulamento de acordo com o tema

De 12 a 18 de maio
Hora: 8h30 às 18h
Exposição temporária de peças arqueológicas encontradas na “Gruta do Jabuti”, com visitação monitorada para escolas e comunidade

Escolas participantes:

Dia 12 (segunda-feira) – Escola Estadual Princesa Isabel (manhã/tarde)

Dia 20 (terça-feira) – Escola Estadual Paulo Melo

Dia 14 (quarta-feira) – Escola Estadual Guanabara (manhã/tarde)

Dia 15 (quinta-feira) – Escola Estadual Azevedo Costa (manhã)

Museu da Imagem  e do Som

Rua Cândido Mendes, 638 – segundo piso do Teatro das Bacabeiras – Centro – Tel:(96) 8144-4358 (96) 8137-0978

De 12/ a 17 de maio

Hora: 8h às 18h
Encontro para montar a exposição de colecionadores durante a Semana. No último dia, roda de conversa entre os expositores e convidados
Local: Biblioteca Pública Estadual Elcy Lacerda, Rua São José, 1800 – Centro

Museu Fortaleza de São José de Macapá

Rua Cândido Mendes, s/n – Centro – Tel:(96) 9120-0213 (96) 8135-2811

Dia 12 de maio
Hora: 9h às 10h
Abertura – Mesa-redonda: A Importância dos Museus para a Cultura Amapaense

De 12 a 18 de maio
Hora: 9h às 18h
Exposição dos artefatos arqueológicos da Fortaleza de São José de Macapá

De 13 a 18 de maio
Hora: 9h às 18h
Exposição e comercialização de artesanato regional

De 13 a 18 de maio
Hora: 9h às 18h
Exposição fotográfica

De 13 a 18 de maio
Hora: 16h às 18h
Apresentações culturais

De 13 a 15 de maio
Hora: 9h30 às 11h
Ciclo de Palestras no auditório do MFSJM

Museu Histórico Joaquim Caetano da Silva

Travessa Mário, s/n – Centro
Tel: (96) 3223-5432 (96) 9123-5560

Dia 13 de maio
Hora: 9h às 10h

Abertura – Solenidade com a presença dos gestores das instituições: Governo do Amapá, Secretaria de Estado da Cultura; Coordenadoria de Preservação do Patrimônio Histórico; Gerente do Museu Histórico

De 13 a 18 de maio
Hora: 9h às 18h

Ação Educativa – Mostra fotográfica com o tema “Compartilhar” e ação educativa e visita guiada

Dia 15 de maio
Hora: 10h às 11h30
Palestras sobre o uso do prédio, com o tema “De Intendência a Museu: os diversos usos de um prédio do século XIX”

Dia 17 de maio
Hora:14h às 15h30
Palestras sobre Estruturas Arquitetônicas. Tema: “Restauração e Adaptação de uma edificação Histórica para o uso museológico”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *