“Amapá Solidário” faz doação de mais de 4 mil litros de água em Macapá

Diante do “Apagão” que vive o Amapá, a plataforma de solidariedade Amapá Solidário reuniu voluntários e já fez a doação de mais de 4 mil litros de água para a população mais carente de Macapá.

Em três dias de arrecadação de doações os voluntários conseguiram atender os moradores dos bairros Buritizal, São Lázaro, Igarapé da Fortaleza, Pedrinhas e pontes do Congós. “Com o apagão nos mobilizamos novamente para tentar minimizar os efeitos da falta de energia e água. Tem sido uma luta diária levar um pouco de dignidade ao povo”, explicou o voluntário Lucas Abrahão.

Ainda essa semana, o movimento irá distribuir mais 9 mil litros de água mineral em comunidades.

Mobilização Nacional

O movimento nacional de artistas 342 Artes, à pedido do Senador Randolfe Rodrigues, lançou sua vakinha virtual Ação342 Solidariedade ao Amapá para atingir o total de R$50 mil em doações que serão revertidas en benefícios do povo do Amapá. Até o momento mais de R$31 mil já foram arrecadados.

Qualquer pessoa pode fazer doação pelo link: http://vaka.me/1521460.

O movimento

O Amapá Solidário surgiu dos esforços de uma rede de voluntários em favor da conscientização acerca da prevenção e de medidas de combate à Covid-19, como forma de conter os avanços da doença no estado, considerando fundamentalmente que as medidas preventivas devem ser acompanhadas de políticas assistenciais emergenciais de combate à fome e à desinformação.

A plataforma congrega 45 entidades e atendeu mais de 6 mil famílias em todo o Amapá com a distribuição de cestas básicas, kits de higiene e EPIs. Entre os voluntários estão integrantes de comunidades diversas, associações de bairros, de periferias, de várias denominações religiosas (evangélicas, povos de terreiro e católicas), coletivos sociais, profissionais liberais, artistas estudantes, professores e pesquisadores das universidade públicas.

Texto: Carla Ferreira
Fotos: Everton Fernando
Assessoria de comunicação do Amapá Solidário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *