Amapá tem cinco vagas para Agentes Territoriais de Cultura

O Programa Nacional de Comitês de Cultura (PNCC), fruto da parceria entre o Ministério da Cultura (Minc) e a Rede Federal de Educação Profissional, dispõe de cinco vagas para Agentes Territoriais de Cultura no Amapá. Cada agente receberá um auxílio-inclusão digital, em parcela única, no valor de R$ 1.000, mais auxílio mensal de inclusão digital de R$ 25 e uma bolsa, também mensal, de R$ 1.200, no período de 12 meses. As inscrições iniciaram no dia 8 de maio e foram prorrogadas até 10 de junho (HOJE).

Leia o edital completo em https://ifpa.edu.br/PNCC

Clique aqui para se inscrever

O processo seletivo, no qual o Instituto Federal do Amapá (Ifap) é responsável pela coordenação estadual, prevê a distribuição de 601 vagas de Agentes Territoriais de Cultura para atuarem nas mais diversas regiões do país visando a mapear os territórios culturais brasileiros para promover de forma mais eficiente o acesso à cultura.

O Instituto Federal do Pará (IFPA), que tem a coordenação regional, lançou o edital com a oferta de 64 vagas para a região Norte, distribuídas entre Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. A seleção dos candidatos será feita conforme as regras da chamada pública lançada pelo Instituto Federal do Pará, através do Edital nº 3 IFPA/Proex, de 30 de abril de 2024.

Os ATCs precisarão dispor de uma carga horária de 20h para realização das atividades descritas em edital. A capacitação dos agentes ocorrerá por meio de cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC). A formação será realizada no formato EaD e o acompanhamento das demais atividades será realizado pela coordenação local. O edital terá a validade de dois anos

Dúvidas em relação ao edital poderão ser sanadas por meio do e-mail [email protected]

Por Suely Leitão, jornalista da Reitoria
Diretoria de Comunicação – Dicom
Instituto Federal do Amapá (Ifap)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *