Aprendizes do Senac Amapá fazem visita supervisionada ao Abrigo São José

Com alegria, abraços e sorrisos foi realizada a visita supervisionada ao Abrigo São José, em Macapá, na manhã desta quarta-feira (11). Com o tema “Seja luz na vida de alguém”, a visita faz parte do projeto Natal Solidário e mobilizou a turma 05 da Aprendizagem Comercial do curso de Serviços de Vendas a organizar o momento com café da manhã, bingo e distribuição de brindes. Além disso, os aprendizes puderam socializar com os idosos, ouvir boas histórias e receber conselhos dos mais experientes.

O Abrigo São José é uma instituição que acolhe idosos em vulnerabilidade social e atualmente está com mais de 60 idosos. O projeto da visita ao abrigo nasceu a partir de uma iniciativa que visa oferecer aulas de extensão para alunos da aprendizagem comercial. Os aprendizes participaram ativamente da organização da visita, arrecadando produtos de higiene, brindes, preparando o café da manhã e organizando o brinde.

“O Senac, juntamente com os aprendizes, está procurando realizar esse trabalho de ação social, que também faz parte da educação profissional que a gente trabalha”, ressaltou o professor Rodrigo de Souza, instrutor do Senac/AP.

Durante a ação, os idosos receberam os jovens com muito carinho e aproveitaram o momento para compartilharem um pouco da trajetória de vida de cada um. A visita foi marcada com muitos sorrisos e felicidade, além de muita dança, jogos de dominó, bingo e confraternização.

O instrutor do Senac Amapá, Rodrigo, afirma que o momento foi de muito aprendizado para os jovens e que ações como essa são ferramentas importantes para uma boa educação profissional e social. “Às vezes, as pessoas acham que educação profissional é só sala de aula, é só aprender profissão, quando na verdade é muito mais do que isso. É você procurar de fato contribuir com a sociedade, com os projetos que são desenvolvidos pela sociedade”, declarou o instrutor.

O aprendiz, Alexandre Lobato, de 21 anos, participou ativamente da ação, conversando e dançando com os idosos. Para ele, a experiência acrescentou muitos valores na sua vida, que serão aplicados na sua vida familiar, com seus avós. “A gente está vendo que esses idosos aqui só estão precisando de um abraço, eles só estão precisando de uma conversa, de um ombro amigo. Então está sendo uma coisa única pra nós”, relatou o aprendiz.

De acordo com o psicólogo do Abrigo São José, André Costa, a visita contribui ativamente para a melhora na autoestima dos idosos, colaborando para que não tenham uma decadência para a depressão. “Quando se traz pessoas de fora, principalmente as pessoas de cursos, pessoas mais novas, eles conversam, se emocionam, eles gostam de dar conselhos e isso faz com que se sintam mais valorizados”, afirmou o psicólogo.

Mostrando os valores do Natal, que vão muito além das compras de fim de ano, o projeto busca levar alegria, diálogo, um ombro amigo e gentileza para as praças, abrigos e hospitais de Macapá e Santana. A visita ao abrigo São José agregou valores à vida dos aprendizes e idosos e se estendeu, com outra turma, no horário da tarde. Dando continuidade ao projeto Natal Solidário, os aprendizes ainda visitaram o Hospital de Emergência de Macapá e a Casa da Hospitalidade, instituição localizada no município de Santana.

Assessoria de comunicação do Senac

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *