Até mais, Leonai

Leonai Garcia
Faleceu ontem (5), em Belém (PA), o médico, jornalista e escrito, Leonai Garcia. Ele estava internado há cerca de um mês no Hospital Guadalupe, na capital paraense, onde lutou contra um quadro infeccioso.
Ele formou em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, na mesma turma que eu. Fazíamos trabalhos juntos (eu, ele, Eduardo Neves e Letícia Lara) nos tempos de Seama. Claro que tivemos nossos embates, pois ele também era crítico, mas eu respeitava Leonai.
Garcia era paraense, mas apaixonado pelo Amapá. Era pneumologista por especialidade médica, porém dizia que se apaixonou pelo Jornalismo. Sacava de crônica esportiva e também era comentarista político. Em 2009, lançou o livro Bola da Seringa, obra que homenageou ex craques do Futebol amapaense.
Além de medicina, jornalismo e futebol, Léo era apaixonado por carnaval, principalmente pela escola Boêmios do Laguinho, agremiação que ele presidiu.
Garcia chegou a me convidar, em 2009, para ajudar na produção de seu programa de rádio, mas recusei a proposta, pois eu não conseguiria conciliar com minhas atividades no Portal Amazônia, onde trabalhava na época.
Mais um amigo que se vai neste fim de ano. Triste, muito triste.  Meus pêsames aos familiares e amigos do grande médico, comunicador e parceiro. Deus ilumine seu caminho. Até mais, Leonai.
Elton Tavares

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*