Banda Mano Hoots lança seu 1º disco, ‘Estrada de Mazagão’

A banda musical amapaense, ‘Mano Roots, lançou nas plataformas digitais o seu 1º disco denominado ‘Estrada do Mazagão’.

O cantor da banda, músico e compositor, Dylan Rocha, disse que por causa da pandemia, do novo coronavírus, o grupo ficou impossibilitado de realizar seus projetos, o que gerou crise geral com consequências nada boas na economia, na sociedade e na vida cotidiana.

Em 2003, um grupo de amigos se reuniu criando a banda que logo despontou no cenário amapaense. Eles transitaram pela MPB, choro, rock, carimbó, baião, mas se identificaram mesmo com o reggae, que foi mesclado com as batidas do Marabaixo, ritmo originalmente tucuju.

A banda apresenta um repertório inspirado na realidade da região, como identificado na música ‘Negrinha do Curiaú’, que retrata a beleza e cultura negra remanescente no quilombo do Curiaú, localizado na zona norte de Macapá. Também na canção ‘Estrada do Mazagão’ (título do disco), que aborda o conflito religioso entre mouros e cristãos durante a ocupação da região e a manutenção da tradição perpetuada na encenação na festa católica de São Tiago.

Na música ‘Gueto’, expressa os problemas sociais que atingem a cidade e o país, citando as drogas: “o crack se levanta/ te afasta da família, te escraviza e você cai/a precariedade do saneamento básico e a prioridade da preservação da natureza”. Nas letras ainda se vislumbra a declaração clara dos temas sociais que atingem humanidade: “O lixo enxotando as garças e a água declarando a falência da cadeia alimentar…”.

Fonte: O Canto da Amazônia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.