Campanha Setembro Amarelo mobiliza servidores do Município de Macapá

A campanha Setembro Amarelo – pela valorização da vida, diga não ao suicídio – mobilizou servidores da Prefeitura de Macapá, na manhã desta segunda-feira, 10, no Dia Mundial de Prevenção ao suicídio. A mobilização foi feita pelas técnicas da Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres, que distribuíram laços com a cor da campanha (amarela) e mensagens de prevenção nos setores localizados nos prédios central da prefeitura, na Avenida FAB; e administrativo, localizado na Avenida General Osório, bairro Laguinho.

“Hoje [10 de setembro] é o Dia Mundial de Prevenção e Combate ao Suicídio. Estamos fazendo essa mobilização porque, às vezes, acontece que alguns dos nossos colegas estão sofrendo tipos de dores emocionais, problemas, depressão. Apesar de estarem trabalhando no meio de várias pessoas, acabam se sentindo sozinhos. Essa ação de hoje é pela valorização, que é uma causa muito nobre”, destaca a coordenadora de Políticas Públicas para as Mulheres, Jairene Lima.

“Destaco primeiro a prevenção, e a segunda é levar o conhecimento, porque tem muitas pessoas que desconhecem a importância de fazer essa ação de prevenção ao suicídio por não conviverem com amigos ou familiares que já passaram por esse tipo de situação”, conta o servidor Andjei Remus.

A data

Foi criada em 2003 pela Associação Internacional para a Prevenção do Suicídio e pela Organização Mundial de Saúde (OMS), com o objetivo de prevenir o ato do suicídio. De acordo com dados da OMS, todos os anos morre um milhão de pessoas por suicídio no mundo e ocorrem entre 10 a 20 milhões de tentativas de suicídio por ano.

A cada pessoa que morre, outras vinte tentam o mesmo caminho. A Organização Mundial de Saúde também estima que o suicídio é a 13ª causa de morte no mundo, sendo uma das principais entre adolescentes e adultos até aos 35 anos. A taxa de suicídio é maior nos homens do que nas mulheres.

Cliver Campos
Assessor de comunicação/PMM
Contatos: 98126-0880 / 99175-8550

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *