Cantor Amadeu Cavalcante lança novo CD, em Macapá

RTEmagicC_amadeu3.jpg

Por Paula Monteiro, do Portal Amazônia (com fotos de Andreza Sanches, da Agência Amapá)

As riquezas da Amazônia também são fontes de inspiração para poetas e músicos, especialmente em Macapá -única capital banhada pelo imponente rio Amazonas. As belezas foram inspiração ao mais novo trabalho do cantor e compositor Amadeu Cavalcante. O CD ‘Equinócio’ será lançado no dia 5 de dezembro no Teatro das Bacabeiras, Centro da capital.

‘Equinócio’ reúne 11 composições com ritmos regionais com toque de marabaixo, batuque e MPA (Música Popular Amapaense). O trabalho conta com canções autorais e com a participação de outros grandes nomes do estilo musical, entre eles o cantor e compositor Joãozinho Gomes. As músicas convidam a um passeio sonoro pelos trilhos que levam a Serra do Navio, ao belo rio Araguari, e a explosiva pororoca.RTEmagicC_amadeu-2.jpg

A apresentação do CD, também contará com o lançamento do clipe da música ‘Equinócio’; que dá nome ao disco. O vídeo foi gravado enquanto acontecia o fenômeno da natureza, no Monumento Marco Zero do Equador, durante o Equinócio da Primavera; em setembro deste ano. O fenômeno marca o início das estações, em que tanto o dia como a noite têm a mesma duração.

a linha imaginária do Equador- onde é possível observar o fenômeno no ‘meio do mundo’, entre os hemisférios Norte e Sul- surgiu a inspiração para compor sobre a passagem do Sol pelo obelisco e as demais belezas do Amapá. “O CD foi feito com muito carinho. A proposta é trabalhar a musicalidade através do folclore, batuque e marabaixo; que são nossos ritmos. Os maiores cantadores são aqueles que levam no peito o cheiro e a cor de sua terra, e eu sou um deles”, disse.

PerfilRTEmagicC_amadeu.jpg

O cantor e compositor Amadeu Cavalcante tem 53 anos e 35 destes dedicados a música amapaense. Ele iniciou a carreira profissional cantando nos bares de da capital em 1980. Já em 1989, lançou o primeiro disco da carreira, na época, um LP chamado ‘Sentinela Nortente’. Em 1991, lançou o segundo disco ‘Estrela do Cabo Norte’, ‘Tarumã’ (1996).

Carreira

No ano seguinte, em 1997, Amadeu passou a integrar o quarteto Senzalas, junto com os músicos Zé Miguel, Val Milhomem e Joãozinho Gomes, quando lançaram o CD ‘Dança das Senzalas’. Desde então, não parou mais. Agora, o cantor e compositor lançará seu décimo trabalho intitulado ‘Equinócio’.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *