Programa oferece bolsas de 12 mil reais para alunos da Unifap estudarem fora do Brasil

O programa de Bolsas Ibero-Americanas Santander 2020 está oferecendo duas bolsas para alunos da Universidade Federal do Amapá (Unifap) que queiram fazer estudos de idioma e cultura espanhola, participar de programas de estágio ou projeto de extensão em universidades de países ibero-americanos como Argentina, Chile, Colômbia, Espanha, México, Peru, Portugal, Porto Rico e Uruguai por um semestre letivo.

Cada bolsista selecionado terá direito a quantia de R$ 12.630,90 (doze mil, seiscentos e trinta reais e noventa centavos), correspondente a cerca de € 3.000,00 (três mil euros) para ajudar a custear as despesas da viagem. O intercâmbio tem duração mínima de dois meses e deve ser realizado, preferencialmente, no primeiro semestre de 2020, podendo ser adiado em casos justificáveis, até o segundo semestre de 2020.

Para concorrer as bolsas de mobilidade internacional, os interessados devem, primeiramente, se inscrever no aplicativo Santander Universitário até 07 de agosto deste ano e realizar o cadastro indicando a universidade de origem (Unifap) e a universidade pretendida. Depois da inscrição no aplicativo, o candidato deverá completar e finalizar sua inscrição encaminhando, via e-mail, os documentos exigidos pelo edital no formato PDF para: [email protected].

Pré-requisitos

Os candidatos interessados devem estar regularmente matriculados em qualquer curso de graduação na Unifap, sendo obrigatoriamente brasileiro nato ou naturalizado, ser maior de idade, ter cursado, no mínimo, 15% e no máximo 80% da graduação e não estar em fase de conclusão do curso, no prazo de vigência da bolsa.

Também é necessário ter Índice de Rendimento Acadêmico igual ou superior a 7, não ter sido beneficiário de bolsas de programas de intercâmbio ou mobilidade internacional promovido por edital da Pró-reitoria de Relações Interinstitucionais (Procri) e ter realizado atividades na Unifap como publicação de artigos, ter sido monitor, feito cursos de língua disponibilizados na universidade ou ter participado de exposição de trabalhos.

Onde estudar

O edital do programa recomenda que, desde já, o acadêmico busque por instituições que tenha interesse nos países ibero-americanos através de sites, e-mails e telefones para que consiga a carta de aceite ou a inscrição no curso que deseja no exterior. Os servidores da Procri podem orientar os interessados. A Pró-reitoria tem atendimento ao público das 08:00 as 18 horas, de segunda a sexta-feira.

Atualmente, a Unifap tem acordos de cooperação com várias universidades estrangeiras, entre elas estão: a Universidade de San Pablo – Tucumán – USPT (Argentina), Universidad de Alicante (Espanha), Universidad de Salamanca (Espanha), Universidade de Lisboa (Portugal), Universidade de Coimbra (Portugal), Universidade de Évora, Universidad Nacional de Colômbia (Colômbia) e o El Colegio de la Frontera Norte – COLEF (México).

O resultado

Os candidatos serão classificados de acordo com a pontuação total, em ordem decrescente e será divulgado o resultado preliminar do processo seletivo no site da PROCRI (www2.unifap.br/procri), no dia 13 de agosto, cabendo ao candidato, o acompanhamento, pela internet, da publicação do resultado. O resultado final também será publicado no site da Procri, no dia 16 de agosto, de acordo com o cronograma apresentado no edital.

Acompanhe outras informações no edital: http://www2.unifap.br/procri/files/2019/05/EDITAL-N%C2%BA-03-2019-PROCRI-UNIFAP-IBERO-AMERICANAS-ALUNOS-2019.pdf

Texto com colaboração de Inara Lopes
Assessoria de comunicação da Unifap

CPT Amapá apresenta relatório Conflitos no Campo Brasil 2018

A Comissão Pastoral da Terra (CPT/AP) realiza dia 16 de julho, terça-feira, às 15 horas, no auditório do Centro Diocesano de Pastoral, no bairro Jesus de Nazaré, o lançamento local da publicação anual, Conflitos no Campo Brasil 2018. É a 34ª edição do relatório que reúne dados sobre os conflitos e violências sofridas pelos trabalhadores e trabalhadoras do campo brasileiro em 2018, neles inclusos indígenas, quilombolas e demais povos tradicionais. O lançamento nacional ocorreu no mês de abril, na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília (DF).

A abertura da programação local será feita por representantes da CPT/AP, das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs), Programa de Pós Graduação em Geografia (PPGEO/Unifap), Fórum de Acompanhamento dos Conflitos Agrários (Facade), Sindicato dos Docentes da Universidade Federal do Amapá (Sindufap). Em seguida haverá a mesa sobre Resistência na e pela terra, com a participação de Sâmia Picanço, do Quilombo do Ambé; Jairo Palheta, da Frente Nacional de Lutas (FNL); Irineu Padilha, do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Afuá/PA, e do Padre Sisto Magro, da CPT/AP. Na ocasião serão destacados os números dos conflitos no Amapá e na Amazônia.

O Relatório Conflitos no Campo Brasil 2018 registrou 1.489 conflitos em 2018 ante os 1.431 de 2017, o que representa um aumento de 3,9%. A maioria destes conflitos, segundo Antônio Canuto, jornalista e colaborador da CPT, estão concentrados na região amazônica. Eles somam um total de cerca de 1 milhão de pessoas envolvidas, um aumento de 35,% em relação a 2017 que registrou o envolvimento de 708.520 pessoas envolvidas.

O relatório mostra que 2018, com 276 casos registrados, é o ano com o maior número de conflitos por água desde que a CPT começou o registro em separado dos conflitos por terra no ano de 2002. 73.693 famílias estão envolvidas nesses 276 conflitos por água; 85% delas são comunidades tradicionais. O número de conflitos é 40% maior do que em 2017 e o de famílias envolvidas, 108% maior.

Outros dados que chamam a atenção – 2.307 famílias foram expulsas do território. Esse número é 59% maior que o de 2017. Para a metodologia da CPT, expulsão é o ato de retirar da terra seus ocupantes, sem ordem judicial (despejo). Nesses casos, os responsáveis pela expulsão são, geralmente, fazendeiros, empresários, o suposto dono que, por conta própria, obriga as famílias a sair, principalmente através da pressão de jagunços e, muitas vezes, com a participação ilegal da própria polícia. Em grande parte, a expulsão se dá em terras griladas.

Contatos: 981322003 – Higor Pereira – CPT/AP
Com informações da CPT, CNBB e Pascom/AP (Oscar Filho)

De Janeiro a Dezembro será apresentado no Laurindo Banha e na programação do Macapá Verão 2019

Neste mês de julho (mês de férias) o grupo AGIR Produções Artísticas apresentará o espetáculo de literatura e teatro “De janeiro a dezembro” nos dias 20 e 28. No dia 20 (sábado) será na Avenida 25 de julho, nº 1010 localizado no Laurindo Banha, a partir das 19h. No dia 28 (domingo) a atração fará parte da programação do Macapá Verão 2019 e será na Estação Criança localizada na Praça Floriano Peixoto.

Sobre o sarau/espetáculo

Um grande encontro para se divertir, encontrar os amigos, conversar sobre a vida, conhecer novas pessoas, quem sabe uma paixão? Em “De janeiro a dezembro” dois artistas (e quem mais quiser) celebram o ano passando por datas e eventos especiais do calendário brasileiro e amapaense. Com cenas teatrais repletas de declamações poéticas, o espetáculo homenageia eventos como A Banda, o Equinócio, o dia do Índio, das Mães, do Folclore e outros, agregando contação de histórias, encenação, teatro de bonecos, artes visuais e interação com a plateia, que pode (e deve) participar recitando poesias, cantando uma música, dançando, atuando, expondo sua arte, etc.

O trabalho conta com declamação e atuação de Ingrid Ranna e Allan Gomes, textos de Allan Gomes, figurinos e adereços de Ingrid Ranna, Allan Gomes e Welliton Moura, direção cênica e iluminação de Sandro Brito, equipe de apoio formada por Juliana Monteiro e Marco Viníciu, exposição de artes visuais de Aline Pacheco e poesias do grupo Pena e Pergaminho.

Sobre a AGIR Produções Artísticas

AGIR Produções Artísticas é um grupo fundado por Allan Gomes e Ingrid Ranna com o objetivo de produzir experimentos cênicos e literários próprios e levá-los a todos os locais possíveis de serem apresentados. Desde 2015 vem desenvolvendo trabalhos artísticos pelo Amapá. Suas montagens já foram apresentadas em diversos bairros da cidade de forma independente, e também já foram selecionados nos editais dos seguintes projetos: Expofeira (2015) do Governo do Estado do Amapá; Macapá Verão (2017 e 2019) da Prefeitura Municipal de Macapá; Vamos Comer Teatro (2017) e Caravana das Artes (2018) do SESC-AP.

Serviço:

Sarau De Janeiro a Dezembro
Data: 20 de julho (Sábado)
Horário: 19 horas
Local: Av. 25 de julho, nº 1010 – Laurindo Banha
Colaboração: Pague quanto puder

Data: 28 de julho (Domingo)
Horário: 17:30 horas
Local: Estação Criança (Na Praça Floriano Peixoto)
Programação do Macapá Verão 2019

Informações: 99101-7831 (AGIR Produções Artísticas)

Sine Amapá oferta mais de 200 vagas de emprego para o dia 15 de julho

O Sistema Nacional de Emprego no Amapá (Sine-AP) oferece vagas de empregos para Macapá. O número de vagas está disponível de acordo com as empresas cadastradas no Sine e são para todos os níveis de escolaridade e experiência.

Os interessados podem procurar o Sine, localizado na Rua General Rondon, nº 2350, em frente à praça Floriano Peixoto. Em toda a rede Super Fácil tem guichês do Sine e neles é possível obter informações sobre vagas em Macapá e Santana. Outras informações e oferta de vagas são pelo número (96) 4009-9702.

Para se cadastrar e atualizar os dados, o trabalhador deverá apresentar Carteira de Trabalho, RG, CPF e comprovante de residência (atualizado).

Veja as vagas disponíveis de acordo com as solicitações das empresas:

Consultor de vendas – 10 vagas
Médico veterinário – 1 vaga
Vendedor pracista – 1 vaga
Mesista para acabadora de asfalto – 1 vaga
Operador de motoniveladora pavimentação – 2 vagas
Operador de rolo compactador (pé de carneiro) – 3 vagas
Operador de rolo chapa asfalto – Tanden – 1 vaga
Operador de rolo pneu para asfalto/base – 1 vaga
Operador de gerico grande – 3 vagas
Operador acabadora de asfalto – 1 vaga
Operador de espargidor/imprimação – 1 vaga
Operador de compactador manual – 4 vagas
Operador de minicarregadeira – 1 vaga
Operador de minicarregadeira (bob cat) – 2 vagas
Auxiliar de recursos humanos – 1 vaga
Chefe de recursos humanos – 1 vaga
Chefe em administração – 1 vaga
Conferente – 4 vagas
Chefe de seção (RN) – 1 vaga
Operador de empilhadeira – 6 vaga
Chefe de seção prevenção – 2 vagas
Chefe de seção frente de caixa – 2 vagas
Chefe de seção perecíveis – 2 vagas
Chefe de seção mercearia – 4 vagas
Chefe de seção FLV (frutas legumes e verduras) – 1 vaga
Chefe de seção (depósito) – 1 vaga
Cartazista – 1 vaga
Assistente de TI – 1 vaga
Chefe de manutenção – 1 vaga
Nutricionista – 1 vaga
Atendente de loja – 6 vagas
Operador de loja pleno (fiscal de loja) – 18 vagas
Auxiliar de depósito (ajudante de carga e descarga) – 14 vagas
Líder de setor (mercearia) – 2 vagas
Líder de setor (perecíveis) – 1 vaga
Líder de setor FLV (frutas legumes e verduras) – 1 vaga
Auxiliar de manutenção – 1 vaga
Chefe de atendimento – 1 vaga
Televendas (auxiliar comercial) – 2 vagas
Fiscal de caixa – 7 vagas
Cozinheiro – 1 vaga
Operador de loja pleno – 7 vagas

Vagas disponíveis para pessoas com deficiência física

Fiscal de caixa – 7 vagas
Chefe de seção (RM) – 1 vaga
Chefe de seção (prevenção) – 2 vagas
Chefe de seção frente de caixa – 2 vagas
Chefe de seção (perecíveis) – 2 vagas
Chefe de seção (mercearia) – 4 vagas
Chefe de seção FLV (frutas legumes e verduras) – 1 vaga
Chefe de depósito – 1 vaga
Cartazista – 1 vaga
Chefe de atendimento – 1 vaga
Operador de loja pleno – 4 vagas

Fonte: G1 Amapá

Inscrições para mestrado acadêmico em educação começam no dia 6 de agosto

A Universidade Federal do Amapá (Unifap) começará a receber inscrições para o processo seletivo de ingresso no Curso de Mestrado Acadêmico em Educação a partir do dia 6 de agosto. O processo seletivo terá duas linhas de pesquisa: Políticas Educacionais e Educação, Culturas e Diversidades. São 34 vagas, 28 para o público geral e 6 destinadas aos docentes e técnico-administrativos efetivos da Unifap.

As inscrições serão realizadas exclusivamente via Internet, no site do Departamento de Processos Seletivos e Concursos (Depsec) até o dia 15 de agosto. Para concorrer os candidatos devem ter concluído curso de licenciatura ou bacharelado, reconhecido pelo órgão competente do respectivo sistema de ensino, com no mínimo 2.800 horas para Licenciatura e de 2.400 horas para Bacharelado.

A seleção terá as seguintes fases: prova escrita no dia 04 de setembro, avaliação do pré-projeto de pesquisa, entrevista de caráter eliminatório e classificatório, entre 27 de novembro e 06 de dezembro e prova de títulos (classificatória). Todas as fases ocorrerão no Campus Marco Zero, em Macapá. As bancas examinadoras de cada uma das etapas serão compostas por docentes doutores (as) do quadro do Programa de Pós-graduação em Educação da Unifap.

O curso tem duração de 24 meses, com dedicação em tempo integral (manhã, tarde e noite). O resultado final sai no dia 17 de dezembro. Os classificados irão ingressar no primeiro semestre letivo do ano de 2020, conforme calendário acadêmico da Unifap. Para mais informações, os interessados devem acessar o site do Depsec: https://depsec.unifap.br/index.php?c=ppged20

Assessoria de comunicação da Unifap

Estudantes quilombolas e indígenas do Ifap podem inscrever-se no Programa Bolsa Permanência

O Instituto Federal do Amapá (Ifap) está com inscrições abertas até o dia 30 de agosto para estudantes do Ensino Superior autodeclarados indígenas e quilombolas que desejem ingressar no Programa Bolsa Permanência cujo objetivo é minimizar as desigualdades sociais, étnico-raciais e contribuir para a permanência e a diplomação dos estudantes de graduação.

As inscrições dos estudantes interessados devem ser feitas em duas etapas: a primeira consiste no preenchimento dos dados solicitados pela página do Sistema de Gestão da Bolsa Permanência na internet até 30 de agosto. Em seguida, o estudante deve apresentar, no Setor de Assistência Estudantil do campus ao qual seu curso é vinculado, os documentos de comprovação solicitados no edital, o Termo de Compromisso impresso e assinado, o Formulário de Solicitação de participação, cópia da Carteira de Identidade, CPF, comprovante de matrícula em curso do Ifap e uma foto 3X4.

É importante que os estudantes que desejem receber o benefício leiam atentamente o edital e preencham de maneira correta os anexos para que a documentação necessária para o deferimento da inscrição no programa não fique incompleta.

Os estudantes que tiverem sua inscrição aprovada receberão mensalmente bolsa no valor de R$ 900,00 pagos pelo Ministério da Educação (MEC) com recursos provenientes do Fundo Nacional de Educação (FNDE). Cada estudante contemplado receberá um cartão de benefício emitido pelo Banco do Brasil para poder movimentar seus recursos.

O Ifap, através de sua Pró-reitoria de Ensino (Proen), é responsável por enviar mensalmente ao MEC relatórios com dados sobre o rendimento escolar dos estudantes beneficiários do programa. Cada estudante contemplado deve atingir o rendimento de, no mínimo, 75% de frequência e pontuação nas avaliações dos componentes curriculares para continuar recebendo a bolsa. Qualquer dúvida relacionada ao processo de inscrição no Programa Bolsa Permanência pode ser encaminhada ao e-mail: [email protected].

Departamento de Informação, Comunicação e Eventos – Deice
Instituto Federal do Amapá (Ifap)
E-mail: [email protected]

Projeto de audiovisual em escolas do Amapá precisa de votos populares para conseguir financiamento de edital

O projeto Cine Perifa, desenvolvido no Estado do Amapá, está entre os 100 selecionados de um total de mais de 2 mil inscritos no Edital do “Movimento Bem Maior”. O certame visa apoiar projetos de ONGs e Coletivos de todo Brasil e, assim, possibilitar financeiramente as suas execuções. A seleção nessa primeira fase do projeto amapaense os habilitou a passar para a próxima etapa de votação popular.

Para votar só é necessário fazer o cadastro no site do Movimento Bem Maior (https://movimentobemmaior.org), confirmar a inscrição via e-mail e votar no projeto CINE PERIFA. As inscrições vão até o dia 14 de julho (domingo), qualquer pessoa pode participar.

O Cine Perifa é o único projeto do Amapá entre os 100 selecionados. Desse número, os 50 mais votados receberão o patrocínio para a sua realização. De acordo com a idealizadora da iniciativa, “essa é a oportunidade de investir em equipe, estrutura e logística para atender aos demais municípios do estado do Amapá”, explicou Jhenni Quaresma.

O projeto amapaense

O projeto iniciou no ano de 2015, a partir do trabalho desenvolvido pela jornalista e fotógrafa Jhenni Quaresma, quando a mesma ministrava oficinas de fotografia e cinema em escolas públicas de Macapá. Em 2016, foi montada uma pequena equipe, onde foram definidos os caminhos da iniciativa que levou o nome de “Cine Perifa”.

O objetivo é ofertar aos professores e estudantes de escolas públicas das periferias de Macapá formação em audiovisual, permitindo assim que trabalhem o cinema dentro da sala de aula em conjunto com outras disciplinas. Além de permitir uma nova forma de contar suas histórias.

Ainda em 2016, o grupo obteve o apoio da Universidade Federal Fluminense (UFF) através da II Chamada Pública do Inventar com a Diferença, o que permitiu a aquisição de equipamentos e a manutenção do projeto até o início de 2018.

Daniel Alves
Assessor de Comunicação
(96) 98131-8844

Feliz aniversário, Carlos Magno!

Hoje é aniversário do laguinense, boemista, pai dedicado e cinegrafista gente fina, Carlos Magno.

Trabalhei por cinco meses com Carlos. Tempo o bastante para construir uma amizade com o figura.

De ótimo caráter, o cara sempre teve muita boa vontade para com os colegas. Hoje em dia, o brother trampa na Assembleia Legislativa.

Tive o prazer de encontrá-lo na Aleap, há um ano e alguns meses. O cara, como sempre, uma usina de energia boa e alto astral.

Magno, mano velho, que tenhas sempre saúde, sabedoria e sucesso junto aos seus amores. Tu és um baita cara porreta. Meus parabéns pelo seu dia e feliz aniversário!

Elton Tavares

Pacto pelo fortalecimento de startups e inovação são tema de encontro em Macapá

Desenvolvimento tecnológico e soluções inovadoras pautaram o encontro ocorrido neste sábado, 13, no Sebrae Amapá, onde estiveram presentes o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, o senador Randolfe Rodrigues, o prefeito de Macapá, Clécio Luís e representantes de empresas de tecnologias e instituições de ensino.

Na ocasião, o senador Randolfe Rodrigues apresentou o Projeto de Lei 3466/2019, que cria o fundo de financiamento às empresas startups, e anunciou o valor de R$ 300 mil, via emenda, à Prefeitura de Macapá, para a implantação do Centro de Aceleração de Startups. “Esse é um momento onde juntos poderemos tornar o Amapá referência na inovação”, ressaltou.

Segundo Clécio Luís, a capital já aderiu em seus serviços programas desenvolvidos por startups como o OrçaFacil e Proesc. “São iniciativas que facilitam todo o trâmite necessário em processos que, às vezes, durariam meses, e hoje, por intermédio desses produtos, não passam de dois a três dias. Pretendemos avançar ainda mais com a criação do Centro de Aceleração das Startups”, explicou.

A capital também desenvolve, em parceria com a Universidade Federal do Amapá (Unifap), Instituto Federal do Amapá (Ifap) e Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU/AP), o projeto Macapá Rumo aos 300 Anos, que inclui entre as ideias aulas de robótica e xadrez para crianças da rede municipal.

O presidente do Senado avaliou como positiva a iniciativa de aproximação entre poder público e empresa, onde a palavra-chave é a tecnologia. “São os empreendedores do século XXI. O fortalecimento dessas iniciativas é importante, pois a modernização por meio dessas ferramentas é um passo necessário para aproximar o setor público do setor produtivo, privado, e tornar os serviços mais eficientes e com mais qualidade para a população”, enfatizou o senador Davi Alcolumbre.

O representante das startups, e CEO da Proesc, Felipe Ferreira, apontou o momento como um marco histórico para o avanço no desenvolvimento tecnológico no Amapá.

Participaram também do encontro o vice governador Jaime Nunes; os deputados estaduais Paulo Lemos, Edna Auzier, Paulinho Ramos, Jesus Pontes; a diretora técnica do Sebrae/AP, Marciane Costa; o superintendente do Sesi/Senai, Moisés Aguiar; o coordenador de Mestrado de Inovações do Profinit, Daniel Alves; a vice-reitora da Unifap, Simone Leal; a reitora da Ueap, Kátia Paulino; a representante do LevaCiência, Danielle Pereira; coordenador do Serviço de Tecnologia e Inovação do Senai, Everaldo Vasconcelos; a representante do Aprova EAD, Evely Auzier; o secretário de Estado da Ciência e Tecnologia, Rafael Pontes; o representante da Embrapa/AP, Adilson Lopes e os secretários municipais de Saúde, Silvana Vendovelli, Obras, David Covre, Comunicação, Ilziane Launé e de Governadoria, Edivan Barros.

Amelline Borges
Assessora de comunicação/PMM
Fotos: Gabriel Flores

Neste domingo (14), rola Roda Bandaia no Norte das Águas

Neste domingo (14), a partir das 17h, no bar e restaurante Norte das Águas, será realizada mais uma edição da Roda Bandaia. Idealizado pelo Grupo Bandaia de Batuque e Marabaixo, em novembro de 2015 e com direção musical de João Amorim, o evento visa o fortalecimento de ritmos, musicalidade e cultura locais. Os encontros sempre foram sucesso de público e crítica. A entrada será gratuita.

Vai rolar o som do Grupo Bandaia e convidados; Saião para as açucenas, Gengibirra e cerveja gelada.

Foto: Márcio Ferreira

Norte das Águas

O Norte das Águas é um dos mais conceituados pontos turísticos de Macapá, que fica situado às margens do rio Amazonas, no Complexo Marlindo Serrano (Araxá). O estabelecimento serve boa comida, cervejas enevoadas e drink’s variados. Além do atendimento porreta. Tudo às margens ventiladas do Amazonas, o nosso riozão bonito.

Enfim, quem curte Batuque, Marabaixo, Zouk, Bandaia e Cacicó vai curtir. Recomendo!

Serviço:

Roda de Batuque Bandaia – Complexo do Araxá
Local: Norte das Águas, localizado no Complexo do Araxá, na zona Sul de Macapá.
Data: 14/07/2019
Hora: a partir das 17h.

Elton Tavares

Programação do Macapá Verão tem 3 estações neste domingo

A programação do Macapá Verão 2019 segue neste domingo, 14, com mais estações e domingueiras em vários balneários e espaços públicos do município. Haverá atrações para a criançada, na Praça Veiga Cabral; e demais públicos, nos distritos da Fazendinha, Curiaú, Maruanum e Pedreira.

Confira a programação:

Praça Veiga Cabral – Estação Criança – 14 de julho (domingo)

Cortejo artístico “Carroça da Alegria” – 16h
Capoeira – Quilombo Brasil – 16h30
Semente da Capoeira – 16h30
A Fábula da Onça e bode – 17h
Coração de Paíaço – 17h30
Crew Star Break – dança – 18h
Os Saltimbancos – 18h30
Ops! Não quer pagar pra ver – 19h
Kayeb – work in process – 19h30

Fazendinha – Domingueira – 14 de julho

Cia. De dança Aguinaldo Santos – 14h30
Grupo Axé Só Quebrança – 15h
Ramboldes Campos – 15h30
Nivito Guedes – 16h30
Banda Yes Banana – 17h30

Curiaú – Domingueira – 14 de julho (domingo)
Rosa Amaral – 15h

Estação Distritos

Carmo do Maruanum – domingueira – 14 de julho (domingo) – 12h
Lontra da Pedreira – domingueira – 14 de julho (domingo) – 12h

Cássia Lima
Assessoria de comunicação/Fumcult
Contato: 98104-9355

‘BTS Day’ tem jogos de dança e brincadeiras sul-coreanas para fãs do k-pop, em Macapá

Grupo BTS será homenageado em evento, em Macapá — Foto: Divulgação

Por Victor Vidigal

O BTS Day é um evento em homenagem ao grupo sul-coreano de mesmo nome que virou fenômeno mundial. A programação de k-pop acontece no domingo (28), em uma casa de eventos localizada no bairro Jesus de Nazaré, de 14h às 20h, Zona Central de Macapá.

A festa comemora os seis anos da estreia dos sete meninos no mundo musical, com o EP “2 Cool 4 Skool”. O evento também ocorre em outros 20 estados brasileiros, como explica Brenda Pires, uma das coordenadoras do evento na capital.

“É um evento que acontece nacionalmente, em outros 20 estados, com autorização da empresa que cuida da carreira do BTS. É uma homenagem que é para o grupo, mas ele é voltado também para a cultura k-pop como um todo”, disse a coordenadora.

Entre as atrações estão apresentações musicais, brincadeiras típicas da cultura sul-coreana, Random Play Dance – jogo de dança em que tocam partes de musicas aleatórias do estilo – e concurso de dance cover, com premiação em dinheiro para o 1º e 2º lugares.

Os ingressos estão sendo vendidos presencialmente e pela internet. Quem optar em fazer a compra pela segunda opção, poderá escolher entre três kits: com cards, pôsteres e camisas.

Serviço:

BTS Day 2019 em Macapá
Data: 28 de julho (domingo)
Hora: 14h às 20h
Local: altos da Sorveteria Jesus de Nazaré
Ingressos: R$ 10 (1º lote)
Postos físicos de venda: Norte Rock no Villa Nova Shopping (dinheiro e cartão de crédito); Melissa do Macapá Shopping (somente dinheiro)

Fonte: G1 Amapá

Dia Mundial do Rock é celebrado na Praça da Bandeira, neste sábado (13)

O Dia Mundial do Rock será comemorado em grande estilo neste sábado, 13, na Praça da Bandeira. A programação faz parte do Macapá Verão 2019 e reunirá apresentações das 19h à 1h. Serão 8 apresentações musicais no Palco do Rock no Amapá. Além da curtição, o espaço contará com feira artesanal e gastronômica. A segurança é por conta da Guarda Municipal e CTMac.

Atrações:

Banda Indigentes – 19h30
Skipp e Banda – 20h
Brenda Zeni – 20h30
Banda Dezoito – 21 21h
Banda Sislop – 21h30
Mini Box Lunar – 22h
Stereovitrola – 22h30
Banda Vennecy – 23h

Serviço:

Data: 13/07 (sábado)
Hora: 19h
Local: Praça da Bandeira
Endereço: Avenida FAB, Centro

Cássia Lima
Assessoria de comunicação/Fumcult
Contato: 98104-9355

Banda Negro de Nós comemora 20 anos de carreira com show dançante em Macapá

Por Ugor Feio

Ao som dos ritmos afro-caribenhos, do zouk love e batidas de tambor, a banda amapaense Negro de Nós faz um show neste sábado (13) em comemoração aos 20 anos de carreira, celebrados no mês de maio, em Macapá. O evento ocorre em um bar localizado no bairro Santa Inês, na orla, e será um baile dançante, com abertura do cantor Neivaldo Santos.

Segundo a vocalista do grupo, Silmara Lobato, agora que o verão chegou, junto com ele veio o “espírito de festa para celebrar a trajetória da banda em grande estilo”.

O local do show é especialmente estimado pela comunidade negra amapaense, o “Sankofa Bar, EcoCasa de arte e Cultura Africana”.

“É um local muito especial para a gente, pela história e do trabalho que vem exercendo na cidade. Esperamos o verão chegar para fazer esse super show, com o calor do público, cantando os clássicos já conhecidos e tão queridos por quem acompanha nossa trajetória”, contou, animada.

Silmara destaca ainda que a banda conta com a mesma formação desde o início. Além da cantora, integram o quarteto: Fábio Mont’Alverne (bateria), Ódilon Acácio (taronga e contrabaixo) e Walber Silva (teclados).

O grupo começou a carreira em 1999 e ficou conhecido por incrementar às músicas ritmos sonoros africanos. A inspiração do grupo vem da essência da música negra brasileira, afrodescendente e de todas as partes do mundo para suas composições.

As mesas para quatro pessoas serão vendidas, antecipadamente pelo telefone, no valor de R$ 100. Os ingressos individuais custam R$ 20 na hora da apresentação e diretamente no local.

Meu comentário: admiro a banda, formada por excelentes músicos e sua pela vocalista, uma das maiores interpretes que o Amapá tem, pois a Silmara consegue colocar a marca de sua voz e estilo em cada canção.Há, entre a cantora e os instrumentistas um ‘fio invisível’ de cumplicidade e uma alegria, um o orgulho de ser ‘coisa do norte’, e mais ainda de ser, a Banda Negro de Nós.

É um sentimento de identidade e pertencimento que faz a gente ter ainda mais orgulho de toda arte que nosso Estado tem potencial de produzir. A apresentação deles é sempre linda e emocionante, com mistura de influências negras, o repertório da banda é recheado de excelentes canções deles e de outros monstros sagrados da MPA. Recomendo! (Elton Tavares). 

Serviço:

Data: 13 de julho
Horário: a partir das 22h
Local: Sankofa Bar (Rua Beira Rio, 1488, no bairro Santa Inês, orla de Macapá)
Ingressos: R$ 20 (individual, somente na porta do evento) e R$ 100 (mesa antecipada)
Telefone: 99145-7544

Fonte: G1 Amapá