Hoje é Dia Nacional do Reggae (em homenagem à Bob Marley , que partiu em 11 de maio de 1981)

13177153_1077685318970924_5362958685860281075_n

Hoje é Dia Nacional do Reggae e como temos uma sessão chamada “datas curiosas”, é claro que não deixamos passar batido. A data foi instituída oficialmente, pela presidente Dilma Rousseff , no dia 15 de maio de 2012. É uma homenagem ao cantor jamaicano Robert Nesta Marley ou Bob Marley, que faleceu no mesmo dia, há 38 anos atrás, aos 36 anos de idade em um hospital de Miami, nos Estados Unidos.

Se vivo, Bob Marley teria 74 anos, completados em 6 de fevereiro deste ano. Apesar de não ser fã de Reggae, gosto dos clássicos. E nada é mais clássico em Reggae do que as canções do extraordinário artista jamaicano.

A música do cantor e compositor foi influenciada pelas questões sociais de sua terra natal. Ele deu visibilidade política e cultural a Jamaica, muitas vezes cantando seus problemas, angústias ou em protesto.

Bob foi brilhante. Uma daquelas almas iluminadas que marcaram presença, deixaram uma mensagem e seguiram a luz. Não somente na música, mas também como figura política. Marley saiu de um país pobre e ganhou o mundo ao cantar a paz, o amor e ideais do rastafári. A sua imagem e a sua música com letras contra a opressão e a injustiça são influencia direta no comportamento das pessoas de bem ao redor do planeta.

Marley foi uma das figuras mais importantes da música mundial, considerado internacionalmente um dos melhores compositores do século XX, comparado a nomes como Bob Dylan e Lennon/McCartney. Ele morreu no dia 11 de maio de 1981, vitima de câncer. O cara deixou um legado musical fantástico e uma mensagem de amor eterna.

Portanto, viva Marley, viva o Reggae e sua mensagem de paz.

“Emancipem-se da escravidão mental. Ninguém além de nós mesmos pode libertar nossa mente” – Bob Marley, na canção Redemption Song.

Elton Tavares

Hoje é o Dia do Artista Plástico – Minha homenagem aos profissionais

Hoje, 8 de maio, é o Dia do Artista Plástico. A data foi escolhida em homenagem ao pintor José Ferraz de Almeida Júnior, um dos artistas brasileiros mais importantes – século XIX. Nasceu em Itu (SP), no dia 8 de maio 1850. Aos 19 anos entrou para a Academia Imperial de Belas Artes, no Rio de Janeiro, onde foi aluno de Jules Lê Chevrel, Victor Meirelles e Pedro Américo. Em 1876, recebeu uma bolsa de estudos do Imperador dom Pedro II e seguiu para Paris, onde participou da exposição arte mais badalada da época, o Salon Offíciel dês Artistes Français.

O pintor produziu cerca de 300 obras, e entre seus quadros mais famosos estão Violeiro, Picando Fumo e Caipiras Negociando, que retratam o dia-a-dia do homem do campo. Almeida Júnior morreu assassinado dia 13 de novembro de 1899, em Piracicaba (SP). Em 1950, 8 de maio foi oficializado como Dia do Artista Plástico Brasileiro.

Admiro gente inventiva e esses profissionais são verdadeiras usinas de criatividade. Portanto, parabéns aos pintores, escultores ou qualquer um que consegue manipular e produzir arte por meio materiais que revelem uma concepção estética ou poética.

Me vanglorio de ser amigo de músicos, escritores, jornalistas, poetas e artistas em geral, entre eles, os plásticos. Gente que foge da mesmice e não vivem vidas ordinárias.

Destaque para os artistas talentosos que também são brothers deste editor. Em nome deles, parabenizo todos os artistas plásticos do Amapá. Congratulações!

Elton Tavares

Fonte: Jambo

Hoje é o Dia Nacional da Matemática – Crônica de calendário de hoje

Dia Nacional da Matemática

Hoje, 6 de maio, é o Dia Nacional da Matemática e dos matemáticos. Lei aprovada pelo congresso brasileiro em 2004, a data é celebrada por conta do nascimento de Malba Tahan, pseudônimo do professor de matemática Júlio César de Mello, em 1895. Ele é o autor de um dos maiores sucessos literários do assunto no nosso país, inclusive o romance “O Homem que Calculava”, já traduzido para 12 idiomas.

Segundo o conceito: “A matemática é a ciência do raciocínio lógico e abstrato. Ela matemática estuda quantidades, medidas, espaços, estruturas e variações. Um trabalho matemático consiste em procurar por padrões, formular conjecturas e, por meio de deduções rigorosas a partir de axiomas e definições, estabelecer novos resultados. A matemática vem sendo construída ao longo de muitos anos. Resultados e teorias milenares se mantêm válidos e úteis e, ainda assim, a matemática continua a desenvolver-se permanentemente”. Enfim, ninguém vive sem a Matemática, os números e tals.

Mas, além de encher linguiça para a sessão “datas curiosas” deste site, este post é pra contar uma coisa: odeio matemática. Sempre odiei. Aliás, fui reprovado algumas vezes e nas outras passei raspando, isso na recuperação.

É, foi um longo Ensino Médio, que na época chamávamos de Segundo Grau. Sem falar nas dificuldades de molequinho. Me achava o burro dos burros. Nem as aulas particulares com o professor Edésio (gostava muito daquele coroa) e Gurjão (outro amigo que não vejo há tempos) fizeram com que este jornalista aprendesse a fazer contas direitinho.

Além de gostar de escrever, a Matemática Financeira foi um incentivo e tanto para eu largar o curso de Administração e Marketing. Graças a Deus, tudo deu certo. Afinal, a vida não é, como a Matemática, uma ciência exata. Nós é que sabemos o que soma e o que nos subtrai. É isso!

Elton Tavares

Hoje é o Dia Internacional da Liberdade de Imprensa – A verdade precisa ser livre!

Hoje é o Dia Internacional da Liberdade de Imprensa. Eu, como jornalista, primo pela divulgação da verdade, afinal, o cidadão precisa saber o que acontece, seja no mundo, país ou sua cidade. O direito de saber a verdade é uma das bases da Democracia.

O Dia Mundial da Liberdade de Imprensa foi criado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), em 1993. A data visa alertar sobre as impunidades cometidas contra centenas de jornalistas que são torturados ou assassinados como consequência de perseguições por informações apuradas e publicadas por estes profissionais.

De acordo com o conceito, Liberdade de Imprensa é um dos princípios pelos quais um Estado democrático assegura a liberdade de expressão aos seus cidadãos e respectivas associações, principalmente no que diz respeito a quaisquer publicações que estes possam pôr a circular.

Perfeito, pois a Imprensa é a denominação do trabalho informativo pelos veículos de comunicação que desempenham o Jornalismo e outras funções de comunicação. Posso me gabar de nunca ter inventado nenhuma linha do que escrevi (a não ser em contos, claro). Nunca ganhei sequer um centavo no jornalismo que eu não tivesse trabalhado para tal e muito menos puxei o saco para conseguir algo. Também já fiz denúncias e peitei figurões neste site aqui. Nem todos podem dizer isso.

Sou fã de muitos bons jornalistas do Amapá e do resto do Brasil, que investigam, apuram e publicam informações de forma livre e sem censura.

Dizem que ofendo as pessoas. É um erro. Trato as pessoas como adultos. Critico-as. É tão incomum isso na nossa imprensa que as pessoas acham que é ofensa. Crítica não é raiva. É crítica, às vezes é estúpida. O leitor que julgue. Acho que quem ofende os outros é o jornalismo em cima do muro, que não quer contestar coisa alguma. Meu tom às vezes é sarcástico. Pode ser desagradável. Mas é, insisto, uma forma de respeito, ou, até, se quiserem, a irritação do amante rejeitado” – Paulo Francis.

O jornalismo não sabe que há o abatimento moral, o cansaço, a fadiga, o repouso. Se ele repousasse, quem velaria pelos que dormem?” – Eça de Queirós.

Enfim, vida longa a Liberdade de Imprensa. Que com ela nós continuemos a informar o povo, combater injustiças, fiscalizar, denunciar, contrariar interesses de grupos, instituições ou qualquer agente danoso para a sociedade, dar informações exclusivas, fazer análises sérias. E sem medo de processos, com o direito de ocultar a fonte.  É isso!

Elton Tavares

Hoje é Dia do Trabalhador

Hoje, 1º de maio, é o Dia do Trabalhador. A data é comemorada desde o final do século XIX, em homenagem aos oito líderes trabalhistas norte-americanos que morreram enforcados em Chicago (EUA), em 1886. Eles foram presos e julgados sumariamente por dirigirem manifestações que tiveram início justamente no dia 1º de maio daquele ano.

No Brasil, a data é comemorada desde 1895 e virou feriado nacional em setembro de 1925 por um decreto do presidente Artur Bernardes. Aponta-se que o caráter massificador do Dia do Trabalhador, no Brasil, se expressa especialmente pelo costume que os governos têm de anunciar neste dia o aumento anual do salário mínimo. Outro ponto muito importante atribuído ao dia do trabalhador foi a criação da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, em 01 de maio de 1943.

Vale ressaltar que os direitos dos trabalhares estão ameaçados pelas reformas do Governo Federal. Portanto, é preciso união para resistir e derrubar essa administração do mal.

Hoje parabenizo minha mãe, que trabalhou muito, muito mesmo para nos criar com conforto e segurança, além de ajudar sua mãe e irmãos. Também aos que trabalham com afinco e possuem uma história de sucesso. Homenageio também os amigos que batalham para viver com dignidade.

Parabéns aos perseverantes que trabalham com afinco e crença que o amanhã será melhor. Congratulações a todos nós, trabalhadores honestos, muitas vezes taxados de burros por não aceitarmos nada além do que é nosso.

Enfim, feliz Dia do Trabalhador a todos que fazem valer o suor, que podem andar de cabeça erguida e dormir sem o peso da culpa. Parabéns para nós, que trabalhamos muito e honestamente.

Elton Tavares

Hoje é o Dia Mundial da Dança

dia-internacional-da-danc3a7a

Hoje é o Dia Internacional da Dança, uma das três principais artes cênicas da Antiguidade, ao lado do Teatro e da Música.

Criado em 1982, pelo Comitê Internacional da Dança da Organização das nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), a data homenageia o mestre francês Jean-George Noverre (29/4/1727 – 1810), considerado o precursor do balé moderno, que sistematizou o seu método revolucionário, em um conjunto de cartas sobre esta manifestação artística, intitulado Letterssurladanse (amálgama de palavras, cujo significado é “cartas sobre a dança”).

Por feliz coincidência, a data é também a do nascimento de Márika Gidali, a revolucionária bailarina, nascida em Budapeste – Hungria, radicada em São Paulo, que, com Décio Oteo, fundou o Ballet Stagium em 1971, em São Paulo, que inaugurou no Brasil, em plena ditadura militar, uma nova maneira de se fazer e apreciar a dança.

Apesar de ser um grande perna de pau, admiro quem sabe dançar. Falando nisso, só Deus sabe o quanto sofri com as festas de escola, no auge na famigerada “Lambada”, era osso! Só de lembrar me dá asco.

Falo dos que sabem dançar o nosso Marabaixo, Samba, Salsa, Bolero, Balé, aquela parada que os russos dançam, Valsa, Dança de Salão, Break, Dança do Ventre e até o Forró (apesar de não ser tão fã do estilo, reconheço a importância dele para a cultura nordestina). Tango então? Apesar de achar os argentinos uns boçais, aquilo é bonito de se ver. Ah se é.

Lembro-me de uma antiga história da família, que é natural do município de Mazagão. Meus tios contam que o meu saudoso pai vinha para Macapá, nos anos 60, passar o fim de semana (ele era o mais velho de cinco irmãos) e voltava para a cidade natal dizendo que dançava Twist na capital, só para se gabar para as meninas de lá. O negão era figura mesmo.

Enfim, quem for de dança, que dance. E quem for de apreciar, como eu, tome sua cerva e observe. Tenham todos uma ótima semana. É isso.

Elton Tavares

Hoje é o Dia da Empregada Doméstica – Meus parabéns para essas guerreiras

collage_1

Hoje (27) é comemorado o Dia da Empregada Doméstica, a profissional que presta serviços de limpeza, arrumação, entre outros, em residências. Nesta mesma data é celebrado todas as ramificações e ofícios similares como governanta, mordomo, caseiro, etc.

A data é uma homenagem à padroeira das domésticas, Santa Zita, que nasceu em 1.218, na cidade de Lucca (ITA) e trabalhou como empregada para uma família de nobres. Ela foi canonizada em 1696.

SelmaRocha
Nossa querida Selma Rocha, empregada doméstica na casa da mamãe há 12 anos.

Na casa da minha mãe, tivemos várias empregadas, mulheres de todas as cores e jeitos. Sempre as tratamos com respeito e dignidade. Umas não muito legais (minoria) e outras marcantes como a Noca, que foi minha bábá, a Josi, que aguentou muitas travessuras minhas e do meu irmão Emerson e a Nete, com seu tempero sensacional e inesquecível.

Há uns 10 anos, a querida Selma Rocha é nossa secretária. Tomara que permaneça por décadas, pois ela é de confiança, discreta gente fina, além de boa de trampo, claro.

É importante reconhecer essa profissional que, em muitos lares, é injustiçada das formas mais covardes imagináveis. Muitas patroas abusam das profissionais, pois acham que as domésticas são máquinas, como a Rosie, empregada robô do desenho animado “Os Jetsons”, exibido nos anos 80. Uma tremenda idiotice (que ilustre esta publicação).

Também conheço vários casos de pessoas que praticamente se integraram20120926150503_660_420 à família para qual trabalham, é o caso da querida Sila, que mora há 42 anos com a minha tia Sanzinha e a Oscarina, com mais de uma década trampando na casa do meu tio Paulo. Pessoas 100% confiáveis e excelentes profissionais que já são da família.

A estas guerreiras, que vencem uma porrada de adversidades e ainda conseguem auxiliar nossas famílias, a minha singela homenagem. É isso!

Elton Tavares

*Datas curiosas

Só uma coisinha, essa sessão de Datas Curiosas deste site incomoda alguns, que chegaram a reclamar de tais registros. Ainda bem que todo dia é dia de alguma profissão ou atividade. Desse jeito dá pra elogiar os familiares e amigos. Acreditem, tem gente que não gosta. Mas são somente os amarguinhos que encontramos pela vida.

Hoje é o Dia do Goleiro – meu saudoso foi/é o meu goleiro preferido

No Brasil, em 26 de abril é comemorado como o Dia do Goleiro. A data foi criada há quase 40 anos para fazer uma homenagem para aqueles atletas que por muitas vezes não tem o reconhecimento devido do seu trabalho. A ideia foi do tenente Raul Carlesso e do capitão Reginaldo Pontes Bielinski, que eram professores da Escola de Educação Física do Exércitopapaifutebo do Rio de Janeiro, e começou a ser comemorada a partir da metade dos anos 70, segundo relata Paulo Guilherme, jornalista que escreveu o livro “Goleiros – Heróis e anti-heróis da camisa 1”.

Como eu já disse aqui, por diversas vezes, amo futebol. Goleiro é posição maldita do esporte bretão (chamado assim por ter sido inventado na Grã-Bretanha). Meu saudoso e maravilhoso pai, José Penha Tavares, era goleiro. Posso afirmar, sem paixão (talvez com um pouquinho dela), que ele foi muito bom.

Papai agarrou pelos times amapaenses (quando o futebol aqui era amador) do São José e Ypiranga Clube. Também foi amigo de um monte de conhecidos boleiros locais. Infelizmente, meu amigo Leonai Garcia (que também já virou saudade), esqueceu-se dele no seu livro “Bola da Seringa”.tumblr_static_9eba61d4970b4b3f53a3b42882880ef8

Quando moleque, acompanhei papai em centenas de peladas. Torcia e sofria quando ele levava gols, principalmente quando falhava. Aprendi a admirar goleiros com ele. Lembro bem de expressões como: “Olha essa ponte!”, “Que defesa, catou legal!” ou algo assim, bons tempos aqueles.

Bem que tentei jogar em todas as posições, inclusive o gol (sempre era o último a ser escolhido), mas nunca consegui me destacar pela bola, mesmo antes de engordar. Não sei se as crianças de hoje ainda escolhem o pior dos meninos (ou meninas) para agarrar, aquilo é burling (risos). Digo isso com conhecimento de causa.

Goleiro-Barbosa-254x300Quando me refiro ao goleiro como “posição é maldita”, falo de uma série de injustiças que vi goleiros sofrerem ao longo dos meus 42 anos, mas uma é mais marcante, a crucificação do arqueiro Barbosa, da seleção de 1950. Há alguns anos, assisti a um documentário sobre a derrota para o Uruguai na final daquele mundial. Aquele homem foi estigmatizado até o fim de sua vida.

Em 2010, durante uma entrevista, Zico (não preciso dizer quem é, né?) declarou que o Barbosa, no fim da vida, disse a ele: “desculpe, mas gostei de ver você perder aquele pênalti em 1986, pelo menos me esqueceram um pouquinho”. Imaginem como o velho goleiro sofria pela falha de 1950? É a maldição do goleiro.

Vi grandes goleiros jogarem. Raçudos e classudos, voadores, pegadores de pênaltis. Foram tantos que é difícil enumerar, mas lembro bem do Buffon, Gilmar, Taffarel, Raul, Dida, entre tantos outros arqueiros que nos encantaram com a segurança debaixo da trave. Mas para mim, meu pai foi o melhor de todos eles.

Este texto é uma homenagem aos goleiros profissionais e peladeiros, que se machucam em saltos destemidos, levam chutes meteóricos, além de divididas violentas. Em especial ao meu pai, meu goleiro preferido para sempre. Amo-te, Zé Penha. Um beijo pra ti, aí nas estrelas!

Elton Tavares

Hoje é o Dia Internacional do Livro – É preciso ler para ser!

livro

Gosto de ler. Mas não li nem metade dos livros que gostaria. Também gosto de escrever, claro, senão não teria escolhido ser jornalista. Hoje (23) é o Dia do Livro. Amo livros. Apesar de, às vezes, passar por momentos de “letargia literária”. Ou se917p8XYKs-L._SL500_AA300_ja, tempos sem ler. Aliás, nas últimas duas semanas li todos o que estavam pendentes.

De volta a data, ela foi escolhida na Espanha, em 23 de abril de 1930, por conta do falecimento do escritor espanhol Miguel de Cervantes, em 1.616. (anteriormente era celebrado em 7 de outubro, por causa do nascimento do referido autor).

Em 1996, a UNESCO instituiu 23 de abril como o Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor, em virtude de 23 de abril se assinalar o falecimento de outros escritores, como Josep Pla, escritor catalão, e William Shakespeare, dramaturgo inglês.

Quem sabe um dia eu escreva um livro. Confesso que é um velho sonho. Mas, por enquanto, vou postando meus pontos de vista e devaneios neste espaço mesmo. Quem sabe uma copilação desses mesmo textos, só o futuro dirá.

thConheço gente que só leu o Pequeno Príncipe, isso pra ser miss caipira no colégio ou algo assim. Ainda tem aqueles que leram um só livro (Crime e Castigo lidera na preferência dos pseudo-safos, mas após a morte de Gabriel Garcia Marques, Cem Anos de Solidão tá na moda dos mentirosos) e querem discutir Literatura em mesas de bar.

Conheço muita gente que lê bastante, admiro isso. Aos amigos, leitores e alguns colegas jornalistas (que não leem nem bula de remédio), vos digo: leiam. A velha máxima de “ler para ser” é imbatível e atemporal.

Sempre vivi no mundo de ação e de mentira, e eu penso sinceramente que o escritor não tem que dar colher de chá para o sobrenatural. Tampouco para a realidade.” – Marcelo Mirisola, em seu livro “Charque”.

Elton Tavares

Hoje é o Dia Mundial da Terra (data para reflexão sobre o nosso lar no Universo)

Hoje é o Dia Mundial da Terra. A data foi criada em 1970, pelo senador norte-americano Gaylord Nelson que resolveu realizar um protesto contra a poluição da Terra, depois de verificar as consequências do desastre petrolífero de Santa Barbara, na Califórnia, ocorrido em 1969.

Desde então, no dia 22 de abril, milhões de cidadãos em todo o mundo manifestam o seu compromisso na preservação do ambiente e da sustentabilidade da Terra. Neste dia de cariz educativo escrevem-se frases e poemas sobre a importância do planeta Terra nas escolas, entre outras atividades.

É possível juntar-se a atividades existentes, criar eventos próprios, doar dinheiro, ou tomar simples atos como plantar uma árvore ou separar o lixo, por exemplo. Para o ano de 2017, o tema das atividades é “Instrução ambiental e climática” (Environmental and Climate Literacy).

O Dia Mundial da Terra conta já com mais de mil milhões de atos realizados em prol do ambiente ao longo da história. É o maior dia do ano para o planeta Terra, desejando que todos os habitantes do mundo realizem algum ato que o proteja. Este ato será uma espécie de semente para regar durante o resto do ano.

Nesta data são debatidos temas como aumento da temperatura global da Terra; extinção de espécies animais; aumento do nível dos oceanos; escassez de água potável; maior número de catástrofes naturais, como tempestades, secas e ondas de calor.

Há muitos anos, quando eu era ignorante sobre a importância do assunto, jogava lixo nas florestas, no Rio Amazonas ou em qualquer lugar inapropriado. É essencial que tenhamos sensibilidade, educação e consciência sobre a preservação do nosso lar no Universo. O mundo está morrendo, aos poucos, mas está. E a fragilidade do nosso planeta precisa ser explicada para podermos adiar a extinção dele e, consequentemente, a nossa.

Senhor cure a nossa vida, para que possamos proteger o mundo e não o depredemos, semeando beleza e não poluição e destruição” – Papa Francisco.

Elton Tavares
Fonte: Calendar 

Hoje é o Dia do Índio – Meu texto em homenagem aos verdadeiros e discriminados donos do Brasil

Foto: Aog Rocha

Que nosso país é uma mistureba de raças, todos estamos cansados de saber. Hoje (19) é o Dia do Índio, uma das raças mais presentes na miscigenação nacional e principalmente da população da Amazônia.

A data foi criada em 1943, pelo então presidente Getúlio Vargas e relembra o dia, em 1940, no qual várias lideranças indígenas do continente resolveram participar do Primeiro Congresso Indigenista Interamericano, realizado no México. Durante este evento foi instituído o Instituto Indigenista Interamericano, também sediado no México, que tem como função zelar pelos direitos dos indígenas na América.

Foto: Marcelo Lima

O Brasil não aderiu imediatamente à entidade, mas após a intervenção do Marechal Rondon apresentou sua adesão e instituiu o Dia do Índio no dia 19 de abril. A data tem como função relatar os direitos indígenas e faz com que o povo brasileiro saiba da importância que eles têm na nossa história.

É verdade que, mesmo nos dias de hoje, ainda existe muito preconceito contra índios, que são os verdadeiros donos do Brasil.

Quando eu era mais novo e ignorante, tinha preconceito com índios. Fui emprenhado pelos ouvidos, pois desde moleque ouvia que eles eram preguiçosos. Como dizia o sábio Renato Russo: gente que “fala demais por não ter nada a dizer”.

Eu no trampo na aldeia indígena Aramirã, da etnia Waiãpi- 2011- Foto: Adryany Magalhães.

Graças a Deus, com um pouco de leitura, deixando de lado tais pontos de vista idiotas, me toquei. Hoje vejo os índios com outros olhos e respeito seu modo de vida e peculiaridades. Afinal, eles lutam pela conservação de sua identidade e isso é nobreza.

A influência indígena na Cultura nortista é forte demais. Conhecimentos acumulados através dos séculos. São Remédios caseiros, como a Andiroba, nosso poderoso anti-inflamatório e mais uma porrada de ervas benéficas para o tratamento de doenças.

Sem falar nas comidas típicas como maniçoba, tacacá, farinha de mandioca, açaí entre tantos outros elementos que compõem nossos costumes e tradições.

Então, queridos leitores que possuem algum tipo de sentimento escroto em relação aos indígenas, como racismos e preconceitos, é melhor aprenderem a respeitar a raça e valorizar sua Cultura, pois ela é fortíssima em nossas tradições, costumes e culinária. E no final das contas, somos todos índios. Pensem nisso!

EunaAldeia
Eu no trampo na aldeia indígena Aramirã, da etnia Waiãpi- 2011- Foto: Adryany Magalhães.

Parabéns aos indígenas, eles merecem nosso respeito e como merecem.

Elton Tavares

Hoje é o Dia da (o) Ex-namorada(o) – Um abraço pra essa galera!

Esse pessoal inventa cada coisa, inclusive dias comemorativos, se é que se pode chamá-los assim. E este site possui uma sessão “datas curiosas”. Bom, hoje, 18 de abril, é o Dia da(o) Ex-Namorada(o)? A ideia de comemorar a data surgiu do Exército da Salvação, que foi fundado na Inglaterra, em 1865, por William Booth e sua esposa Catherine.

Para colocar a ideia em prática, a agência WMcCann criou uma campanha na tentativa de incentivar doações de tudo aquilo que lembre um ex-namorado. A Campanha do Exército da Salvação foi intitulada de “Que pena que acabou, mas já que acabou, doe”.

Bom, eu já namorei mulheres legais e outras não tão legais. Como tudo serve de experiência de vida, está valendo (com o perdão do gerúndio). Afinal, aprendemos com nossos erros e acertos (eu fui o erro de muitas delas). Não que eu me preocupe com a vida das mesmas e tals. Claro que não, tô muito feliz solteiro, é só um post sobre a curiosidade de hoje.

Com algumas até vivi como marido e mulher, ou seja, vivendo a rotina de casado e tals. Foi legal. Só me arrependo de ter namorado umas três meninas. Não desejo mal algum a elas, mas as quero bem longe. Acho que três ou quatro também não gostariam de ter se relacionado comigo, mas faz parte. Tenho a consciência que limpa sobre isso, pois sempre as tratei bem.

Então, não tenho contato nenhum com a maioria das minhas ex, acho que três são minhas “amigas” no Facebook e só. Meu plano agora é não namorar tão cedo, bora ver se consigo.

Brincadeiras à parte, gosto da maioria das minhas ex, ao todo são 11 mulheres com as quais dividi muitas alegrias, tristezas e aprendi muita coisa. Torço pelo sucesso de quase todas.

Já a minoria que não curto, nem quero saber, pois elas me odeiam e é recíproco. Valeu, meninas! Feliz Dia do Ex pra quem ainda rói essa pupunha. Que não é o meu caso (risos).

Elton Tavares

Hoje é o Dia Mundial do Desenhista – Minha homenagem aos talentosos do traço e rabisco

Hoje (15) , é o Dia Mundial do Desenhista. A data foi escolhida por conta do nascimento do mestre italiano Leonardo da Vinci, em 1452.

O desenhista pode ser um técnico, um desenhista industrial, programador visual ou aquele que simplesmente se dedica ao desenho livre. Trata-se de pessoas talentosas, que criam com papel e lápis.

Assim como cantou Toquinho, em sua Aquarela: “Numa folha qualquer eu desenho um sol amarelo e com cinco ou seis retas é fácil fazer um castelo. Corro o lápis em torno da mão e me dou uma luva, e se faço chover, com dois riscos tenho um guarda-chuva…”, essas pessoas são genias!

Respeito e admiro profissionais como arquitetos e engenheiros, desenhistas fundamentais para a sociedade como a conhecemos. Entre estes, parabenizo minhas primas Silvana Sena e Ana Paula (arquitetas), o Antônio Malária (arquiteto), além dos amigos engenheiros Paulo Bittencourt  e Cleomar Almeida.

Mas sou fã mesmo é de artistas que desenham charges, pintam, tatuam, produzem caricaturas e criam coisas diferentes. Sem falar nos mágicos que produzem as ilustrações dos quadrinhos.

Nesta data, parabenizo os meus amigos ou chegados talentosos e inventivos, desenhistas que através de seus rabiscos e traços produzem verdadeiras obras de Arte. São eles: Karen Pimenta, Andrew Punk, J.J. Nunes, Rafael Louco, Edricy França, Adauto Brito, Rogério Araújo, Rogério Queiroz e Ronaldo Rony. Parabéns!

Elton Tavares

Hoje é o Dia Internacional do Café

541628_345799178879706_308763936_n

Hoje é Dia Internacional do Café. Não encontrei a origem da data. Produzido a partir dos grãos do fruto do cafeeiro, o café já foi, em 1980, ele era a segunda mercadoria mais vendida em todo o mundo, ficando atrás apenas do petróleo.

O café começou a ser produzido na Eiópia, mas foi no Egito e Europa que ele difundiu-se para o restante do mundo. Em 1727, o governador do Estado do Grão-Pará enviou o sargento-mor Francisco de Melo Palheta em uma viagem, encarregando o oficial de conseguir trazer algumas mudas de café para plantação. Na Guiana Francesa, o sargento conseguiu ganhar a confiança da esposa de um importante político de lá, e foi ela quem deu uma muda de café-arábico, trazida para o Brasil de forma clandestina.

Hoje em dia, os brasileiros são responsáveis pelo consumo anual de 20 milhões de sacas de café, o que equivale a 173 bilhões de xícaras. O volume de café torrado e moído exportado tem diminuído com o passar dos anos, e um dos principais motivos é o surgimento dos cafés “blends”, que misturam diferentes tipos de café.

EueMárcia
Foto de 2013, tomando um café com a ilustre fotógrafa Márcia do Carmo

O produto que, durante muito tempo foi o principal produto agrícola do Brasil, é o predileto de nove entre 10 jornalistas. Se a pessoa for fumante então, é café e cigarrete pra caramba!

Pois numa redação falta tudo, menos café. Eu, por exemplo, tomo litros no trabalho. Aliás, ele salva nos dias que a ressaca está feroz ou pra ajudar a ficar mais ligado no trampo. Enfim, café é sempre bom. É isso.