Com apoio da PMM, paratleta torna-se primeira no ranking brasileiro no lançamento de dardo na categoria F37

A paratleta Claudiane Melo, aluna da Escola Municipal Prof. Neusona, é campeã da fase Norte/Nordeste do Circuito Caixa de Atletismo, que aconteceu em João Pessoa (PB), no período de 15 a 17 de março. A paratleta torna-se a primeira no ranking brasileiro do circuito no lançamento de dardo, na categoria F37. Claudiane competiu em três categorias e conquistou 3 ouros (um no lançamento de dardo, um na Corrida de 400m e outro na corrida de 200m).

Claudiane recebeu apoio da Prefeitura Municipal de Macapá (PMM), que forneceu as passagens para a atleta participar da competição. “Ficamos felizes em apoiar nossos alunos atletas e muito orgulhosa em ver cada conquista que eles alcançam por meio do esporte. Ano passado, quando conhecemos a Claudiane, nos colocamos à disposição para ajudar e articular a participação da atleta em competições. Apoiamos este ano e estamos vendo aí essa conquista, que muito nos alegra e que motiva novos atletas a buscar esse sonho”, ressaltou a secretária de Educação, Sandra Casimiro.

A aluna esteve na manhã desta quinta-feira, 28, na Secretaria de Educação, acompanhada da diretora da Escola Neusona, Vera Maria Favacho e do técnico da Federação de Paradesporto do Amapá, Marlon Gomes, para agradecer a parceria. Ela destacou a relevância do feito e do apoio da gestão municipal. “Esse apoio foi a melhor coisa que poderia me acontecer nesse momento. Na verdade, eu não ia participar do circuito deste ano, mas, nos últimos minutos, decidimos pedir apoio da prefeitura, que, no mesmo instante, mostrou interesse em me apoiar e me forneceu as passagens. Eu só tenho a agradecer esse apoio. O Município tem sido um grande parceiro para nós atletas. Ano passado, me ajudou a participar de outra competição e este ano novamente recebi esse apoio”.

Karla Marques
Assessora de comunicação/Semed

Projeto social do conjunto Macapaba recebe doações do Juizado da Infância e Juventude de Macapá

O programa Juventude em Movimento, do Juizado da Infância e Juventude – Área de Políticas Públicas e Medidas Socioeducativas da Comarca de Macapá, contemplou o projeto “Ginga para a Vida” com doações de materiais para a prática da Capoeira, como calças e instrumentos musicais (Tabaca, Berimbau, Agogô e Pandeiro). A entrega aconteceu na noite de sexta-feira (22), no Conjunto Macapaba I, quando 100 crianças foram beneficiadas.

O juiz Esclepíades Neto, titular do Juizado, participou da entrega do material e disse que “desde o início do ano a Unidade possui um portifólio de projetos por meio do qual é organizada a atuação da unidade”. São nove projetos que dão apoio à rede socioeducativa. “O projeto Juventude em Movimento engloba todas as ações relativas às práticas esportivas. Passamos o primeiro trimestre buscando parceiros executores. Por hora o projeto está distribuído em 5 pólos, incluindo o Bailique”, explicou o magistrado.

O projeto do Mestre Fabiano, que ora foi beneficiado com a doação, “passou por análise criteriosa quanto à sua atuação, e quanto à importância da região onde ele ocorre, o conjunto Macapaba”, disse o juiz Esclepíades.

A parceria tem por parte do TJAP apoio institucional com recursos do Fundo de Apoio ao Juizado da Infância e Juventude (FAJIJ), aportes financeiros e humanos para fortalecer o projeto, que já existe há 15 anos. Por sua vez, o projeto de Capoeira passa a ser receptor de socioeducandos.

“Na hipótese em que o adolescente está no meio fechado, como o CESEIN, sendo morador da zona norte, ao progredir de regime e terá um encaminhamento para ser integrado ao projeto do Mestre Fabiano. Mesmo quando a medida ocorre em meio aberto, como liberdade assistida, também pode ser cumprida no projeto, porque esta é a contrapartida da entidade social”, detalhou o juiz Esclepíades.

Segundo o sargento Fabiano Barros, do Gabinete Militar do TJAP à disposição do Juizado da Infância, o objetivo é atender os bairros implementando boas práticas e utilizando o esporte como meio de inclusão social. “Os adolescentes serão incluídos em um dos pólos, de acordo com a localização territorial da sua residência. A ideia é traçar o eixo Norte, Sul e Centro-Oeste da cidade para contemplar outros projetos”, anunciou o sargento.

Além da parte esportiva, o gerente do programa, Tenente Marcelo Moraes, explicou que também são realizadas palestras nas escolas para conscientizar crianças e jovens sobre os perigos das drogas, das armas de fogo e da violência. “Esse projeto Juventude em Movimento também abraça as escolas públicas onde nós vamos trabalhar a prevenção ao tráfico e ao consumo de drogas”, finalizou.

Assessoria de Comunicação Social

CEU das Artes oferecerá 40 vagas para projeto Despertando Atletas

CEU das Artes realiza oficinas de políticas e mapeamento culturais em Macapá — Foto: Abinoan Santiago/Arquivo G1

O CEU das Artes abrirá inscrições para o projeto Despertando Atletas. Serão 40 vagas, divididas entre as modalidades de futsal e voleibol. O programa é voltado para crianças e adolescentes, com idades entre 10 e 17 anos.

As inscrições acontecerão no período de 25 a 30 de março. Elas devem ser feitas no CEU das Artes, no bairro Infraero, das 8h30 às 12h e das 14h30 às 20h. Na categoria futsal, poderão se inscrever crianças e adolescentes na faixa etária de 10 a 14 anos. No voleibol, adolescentes de 14 a 17 anos. O início das aulas está programado para 1º de abril.

O futsal será dividido em duas turmas, no turno da tarde. A primeira das 15h às 16h30; e a segunda das 16h30 às 18h. As aulas acorrerão em dois dias da semana, segundas e quartas-feiras. As turmas de voleibol serão as terças e quintas-feiras, uma das 15h às 16h30, seguida da turma das 16h30 às 18h.

Sávio Almeida
Assessor de comunicação/PMM

Como foi o pedal retrô? – Via blog do @giandanton (com fotos do @PedraDeClariana )

Por Ivan Carlo

Aconteceu ontem (20) o Pedal retrô em homenagem a São José, Padroeiro de Macapá e do Amapá e aos 337 anos da Fortaleza de São José – esta é a quinta edição do evento. A ideia era que todo mundo fosse com trajes de época.

Nós improvisamos trajes steampunk e fomos.

A variedade de roupas e bicicletas era incrível. Havia até uma bike de 1948, totalmente reformada.

Confira as fotos (a maioria do amigo Flávio Cavalcante): 

Fonte: Ideias Jeca Tatu

 

Para celebrar o Dia de São José, padroeiro de Macapá, rola mais uma edição do Pedal Retrô

Em homenagem a São José, padroeiro de Macapá, celebrado anualmente no dia 19 de março, na próxima terça-feira (19), a partir das 15h30, mais uma edição do “Pedal Retrô”. A concentração dos ciclistas será na Praça Floriano Peixoto. De lá eles sairão, com trajes de época, pelas ruas da capital amapaense.

O passeio ciclístico, organizado por amantes do esporte, consiste em dezenas de pessoas vestidos com roupas antigas, pedalando pela cidade, numa bonita brincadeira de voltar ao tempo. Para participar, os interessados deverão estar caracterizados com vestimentas que eram moda nas décadas de 20 a 80.

O percurso do Pedal Retrô é todo no centro da cidade, com a saída ao lado da Fortaleza de São José de Macapá, com passagem pela Beira Rio, Museu Joaquim Caetano, frente do Teatro das Bacabeiras, Igreja Matriz, entre outros pontos do bairro central.

Bike Retrô

O evento surgiu em Londres, em 2009, e se espalhou por diversas cidades do mundo. A proposta é um retorno ao passado, com carinho e saudosismo. Em Macapá será a quinta edição do evento, idealizado pelos ciclistas Leandro Coutinho e Jair Borges.

De acordo com Leandro Coutinho, a brincadeira promoverá o esporte e homenageará o padroeiro de Macapá, além de ser uma grande confraternização entre os ciclistas amapaenses.

Elton Tavares, com informações de Leandro Coutinho.
Fotos: Flávio Cavalcante.

Programa Despertando Atleta abre inscrições para polo do CEU das Artes

A prefeitura da capital abrirá inscrições para o polo CEU das Artes do programa Despertando Atleta. Os interessados podem se inscrever no período de 25 de fevereiro a 8 de março. Serão 40 vagas ofertadas para a modalidade de futsal, nos turnos da manhã e tarde, para crianças e adolescentes de 10 a 14 anos. O projeto tem como objetivo oferecer a prática esportiva a crianças e adolesceste em vulnerabilidade social. As aulas estão previstas para começar dia 12 de março.

Documentação necessária: Carteira de Identidade; comprovante de residência e declaração escolar.

Serviço

Período de inscrição: 25/02 a 08/03/2019
Local: CEU das Artes
Horário: 8h30 às 12h e das 14h30 às 20h
Endereço: Avenida Carlos Lins Cortes, s/nº, Infraero II

Cliver Campos
Assessor de comunicação/Comel
Contatos: 98126-0880 / 99175-8550

Mulheres aderem ao programa Estação Saúde

Por meio da Coordenadoria Municipal de Esporte e Lazer (Comel), a Prefeitura de Macapá iniciou na quarta-feira, 6, a aula inaugural do projeto Estação Saúde 2019. A atividade busca chamar a atenção da população para a importância da prática de atividades físicas.

A programação aconteceu no entorno do Estádio Municipal Glicério de Souza Marques, no Trem, com a participação de aproximadamente trinta pessoas, e contou com aula funcional, zumba, ginástica, avaliação física e caminhada, tudo com a orientação de profissionais da coordenadoria.

Segundo o coordenador de Esportes e Lazer, Henrique Lemos, o projeto funcionará as segundas, quartas e sextas-feiras, das 17h às 18h30. “Todos gostaram. Acreditamos que, progressivamente, aumentará o número de participantes. Desde já, convidamos a população a aderir junto com a gente a esta qualidade de vida e integração da sociedade”, disse.

O projeto retorna com as práticas de atividades físicas nesta sexta-feira, 8, na parte interna do estádio.

Karina Vasconcelos
Assessora de comunicação/PMM
Contato: 998409-4778
Fotos: Max Renê

No aniversário de Macapá, Tralhoto e Flamingo faturam título do Torneio Cidade de Macapá de Futlama

Tendo como cenário o maior rio de água doce do mundo, o Amazonas, o Torneio Cidade de Macapá de Futlama atraiu centenas de torcedores à orla da capital amapaense. O Tralhoto (masculino) e Flamingo (feminino) foram os campeões em partidas bastante disputadas.

A competição reuniu 16 equipes no masculino e 8 no feminino. Adelson Trindade, do time Tubarão, que representou a comunidade de Ipixuna Miranda e participou do torneio pela primeira vez, acabou sendo eliminado na primeira fase. Mesmo assim, Adelson aprovou a competição. “Foi a primeira vez que trouxemos o Tubarão e, sem dúvida, que foi muito bom. Infelizmente, saímos no primeiro jogo”, disse.

As mulheres também não deixaram a desejar e muitos gols deram um charme aos jogos. A maioria das partidas foi decidida nas penalidades. O Flamingo venceu a competição. “Conseguimos com muita força de vontade vencer nos pênaltis. Já estávamos cansadas e, bem no final, deu tudo certo”, afirmou a goleira do time. Na decisão do masculino, o Tralhoto não tomou conhecimento do Flor de Lis e venceu por 2 a 0.

Para a Coordenadoria de Esporte e Lazer (Comel), outras competições estão previstas. Além disso, a coordenadora Naldima Flexa enfatizou a importância da data. “Parabéns a todos os envolvidos e, principalmente, a nossa querida Macapá. Com certeza, outras competições do futlama virão. Parabéns aos campeões”, finalizou.

Jonhwene Silva
Assessor de comunicação/PMM
Fotos: Max Renê

SESI e SENAI vão realizar cerimônia de graduação para alunos dos projetos Jiu-Jitsu Corporativo e Corpo Vivo

No próximo sábado, 26, a partir das 16h, o Serviço Social da Indústria (SESI) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) do Amapá realizarão cerimônia para graduação e entrega de faixas para os alunos do Projeto Jiu-Jitsu Corporativo e Corpo Vivo. A solenidade, que acontecerá na quadra do SESI é voltada para os colaboradores das instituições e para as crianças e adolescentes que participam das atividades, que promove a qualidade de vida e a inclusão, por meio do esporte.

O evento contará com a presença do tri campeão mundial Master pela International Brazilian Jiu Jitsu Federation (IBJJF) e professor do SESI do Rio de Janeiro, Gabriel Willcox, cedido pela parceria com a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (FIRJAN), para participar do momento.

O mestre Jean Alves destaca o esforço dos alunos e o quanto o desempenho de cada um tem melhorado. “O jiu-jitsu é uma arte marcial que trabalha tanto o corpo quanto a mente. Consiste na autodefesa e em movimentos de imobilização do oponente, trabalhando ainda aspectos ligados à concentração, disciplina e respeito ao próximo”, ressalta Alves.

Aulão

Na manhã de sábado, das 9h às 12, o Mestre Gabriel Willcox, dará uma aula gratuita e exclusiva para os alunos do SESI e do SENAI

Serviço:

Assessoria de Comunicação Corporativa SESI/SENAI – AP
Contato: (96) 3084-8944
E-mail: [email protected]

Piscina Olímpica divulga calendário de matrícula para novos alunos em 2019

Foto: Irineu Ribeiro/Secom

Por Ailton Leite

Com o objetivo de inclusão social, descobrir novos talentos para a natação amapaense e dar qualidade de vida para as pessoas, o Centro Didático Capitão Euclides Rodrigues – conhecido como Piscina Olímpica – divulga o calendário de matrículas para interessados em praticar natação.

De acordo com o vice-presidente da Federação Amapaense de Desportos Aquático, Marcos Bandeira, a rematrícula inicia nesta quarta-feira, 16, e segue até o dia 1º de fevereiro. A partir do dia 5 de fevereiro, será aberta a matrícula para alunos novos e segue até preencher o número de vagas.

No ano passado, aproximadamente 1800 alunos realizaram atividades que são divididas nos três turnos. “Oferecemos vagas para diversas turmas, desde os iniciantes, que são aquelas pessoas que ainda não sabem nadar, até adultos e pessoas da terceira idade”, ressaltou Marcos Bandeira, acrescentando que as atividades do centro devem iniciar no começo do mês de março.

Para fazer a rematrícula, basta o aluno apresentar o atestado médico. Já para alunos novos, é necessária a apresentação da cópia da Carteira de Identidade, comprovante de residência, declaração escolar (para alunos da rede de ensino), uma foto 3×4 e atestado médico.

Os alunos participam de 50 minutos de aulas, sendo duas vezes por semana. “Dependendo do nível do aluno, essas aulas poderão ser estendidas para todos os dias”, acrescentou Bandeira.

Os interessados devem procurar o Centro Didático Capitão Euclides Rodrigues das 8h às 12h e das 14h às 18h, na Avenida Procópio Rola, no bairro Santa Rita, em Macapá.

Prefeitura de Macapá promoverá Torneio da Integração dos Conjuntos Habitacionais

O Município irá promover um Torneio de Integração dos Conjuntos Habitacionais nesta quinta-feira, 29, às 14h, na Quadra Poliesportiva do Centro de Ensino Profissionalizante do Amapá (Cepajob). O evento reunirá 20 equipes de futsal masculinas, faixa etária entre 10 e 14 anos dos residenciais São José, Açucena, Mucajá e Mestre Oscar. O objetivo da competição é realizar a integração entre os moradores dos habitacionais, coordenados pela prefeitura.

Serviço:

Data: 29/11 (quinta-feira)
Hora: 14h
Local: Centro de Ensino Profissionalizante do Amapá (Cepajob)
Endereço: Avenida Maria Quitéria, 316, bairro Santa Rita

Cliver Campos
Assessor de comunicação/PMM
Contatos: 98126-0880 / 99175-8550

Igarapé Amazonas e PSV são campeões do 42° Torneio Interdistrital de Futebol

O time PSV, da localidade de Tracajatuba I, foi o grande campeão da categoria feminina no 42º Torneio Interdistrital de Futebol, realizado no domingo, 25, no Estádio Glicério de Souza Marques, o Glicerão, vencendo o adversário nos pênaltis (3×2). Na categoria masculina, o título ficou com a equipe Igarapé Amazonas, do distrito do Carapanatuba. A competição foi uma realização da Prefeitura de Macapá.

Ao todo, 42 times, divididos nas categorias feminina e masculina, disputaram a grande final do campeonato, durante três dias de jogos. Na categoria feminina, das 21 equipes participantes, São José do Tracajatuba ficou em segundo lugar, enquanto Igarapé do Meio, do Bailique, conquistou a terceira colocação. Já na categoria masculina, o segundo lugar ficou com o time Ramal do Joãozinho PSV, de Tracajatuba, e a terceira colocação ficou com a equipe São Pedro dos Bois, da região da Pedreira.

Este ano, a região do Tracajatuba foi a que mais levou títulos, ganhando o 1° e 2° lugares no feminino e o 2° lugar na categoria masculina. “Estamos felizes por termos conseguido vencer esse torneio. Desde que saímos da nossa localidade, estávamos confiantes, mesmo não tendo o mesmo apoio e incentivo por parte de algumas pessoas da nossa comunidade”, disse a capitã da equipe feminina do PSV, Daniele Quaresma.

O prefeito Clécio, durante a cerimônia de premiação, recebeu dos atletas uma placa de agradecimento pelo resgate, apoio e incentivo ao Torneio Interdistrital de Futebol. “Quando assumi a prefeitura, resgatamos o interdistrital, que estava há dois anos sem ser realizado. Este ano, por exemplo, proporcionamos, além da premiação dos times vencedores, a premiação das equipes lá nos distritos aonde aconteceram as rodadas”, ressaltou.

Clécio enfatizou ainda as melhorias que o Glicerão deverá receber em breve e que irá melhorar ainda mais a realização do torneio. “Este ano, retomamos o torneio para o Estádio Glicério Marques. Ano que vem, com certeza, estará muito mais bonito. Conseguimos, com a ajuda do senador Davi Alcolumbre, recursos para fazer um grande empreendimento esportivo no Glicério Marques. A tendência é consolidar ainda mais esse campeonato que mexe tanto, positivamente, com essas comunidades”, completou.

Durante os três dias de torneio, a Guarda Municipal de Macapá garantiu a segurança dos participantes, que também contaram com apoio do Samu Municipal. O 42° Torneio Interdistrital contou com a participação de 203 times de diversas localidades e reuniu aproximadamente 5.075 pessoas. As equipes vencedoras, tanto no masculino quanto no feminino, ganharam medalha, troféu e premiação de R$ 5 mil. O vice-campeão recebeu troféu e medalha, e mais R$ 3 mil. Já o terceiro lugar ganhou R$ 2 mil, mais troféus e medalhas.

O deputado estadual Paulo Lemos e o vereador Nelson Souza, além de líderes comunitários, participaram da premiação dos vencedores.

Karla Marques
Assessora de comunicação/PMM
Fotos: Nayana Magalhães

37 anos do soco de Anselmo Vingador – Um texto para flamenguistas

anselmo1
Como bom flamenguista, sempre leio, assisto e ouço tudo sobre o Flamengo. Entre os títulos conquistados pela máquina rubro-negra dos anos 80, comandada por Zico, um fato marcou a Libertadores de 1981, conquistada no dia 23 de novembro daquele ano: um soco. Sim, uma porrada desferida por Anselmo, atacante do Flamengo no zagueiro Mario Soto, do clube chileno Cobreloa.

lico-flamengo-cobreloa-santiago-1981
Vamos por partes. Depois de passar invicto até a final, o Mengão, campeão brasileiro de 1980, decidiu com o torneio com o Cobreloa. No primeiro jogo das finais, realizada no Maraca, o time da casa venceu por 2×1, com dois gols de Zico. Na partida de volta, no Chile, o time do Flamengo apanhou muito dos donos da casa (agressões mesmo), liderados pelo zagueiro Mario Soto (o brabão) e acabaram ganhando o jogo por 1×0.

hqdefault-1

Nessa partida, o Mengo ficou desfalcado dos jogadores Lico, com um corte na orelha e Adílio, ferido no olho. Ambos abatidos pelo defensor chileno. Li em algum lugar que ele agredia os jogadores brasileiros com uma pedra no punho fechado, se é fato, não sei dizer. Relatam jornais da época que o próprio Pinochet (um dos enviados de Satanás à Terra), nas tribunas, virou-se para um adepto e disse chocado: “Não está exagerando, o nosso Mario Soto?” Imagine como o cara estava “virado no cavalo do cão”…

anselmo-soco

Então rolou a “negra”, uma terceira partida, em campo neutro, realizado há exatos 34 anos, no Estádio Centenário, em Montevidéu, no Uruguai. O Mengão, que tinha infinitamente mais bola, venceu pelo placar de 2×0, com dois gols do Galinho.

Mario Soto, do Cobreloa do Chile, após levar um soco de Anselmo, do Flamengo, na finalíssima da Taça Libertadores da América de futebol. Montevidéu, Uruguai. Publicada na revista Placar, edição 1206, em 1223/11/2001, página 37.

Mas ainda faltava a forra contra Soto, foi aí que, no finalzinho do jogo, o técnico do Mengo, Paulo César Carpeggiani, chamou Anselmo, um jovem atacante de 22 anos, e disse: “ vai lá e dá um soco na cara do Mario Soto”. Anselmo entrou na partida, se aproximou do zagueiro chileno e, na primeira jogada, deu um pau na cara do chileno, que foi a nocaute. O lance causou um porradal, o jogador do Flamengo foi expulso junto com Mario Soto. A decisão logo acabou e o Flamengo virou campeão da América.

1981_fla-x-cobreloa-volta-olimpica

Depois foi só festa. No desembarque do time no Galeão, a delegação se deparou com uma imensa faixa escrito: “Anselmo vingador!” Pronto, Anselmo era tão herói quanto Zico. Mesmo suspenso, o “Vingador” viajou com o time para o Japão, onde o Mengão derrotou o Liverpool e sagrou-se Campeão Mundial Interclube, em 1981.

fea14-zico
Li várias reportagens sobre este fato, mas as duas melhores declarações foram:

Este episódio exprime uma contradição insolúvel do futebol e da vida. Todos nós temos discursos humanistas e politicamente corretos em favor do espírito esportivo e do sentimento cristão. Mas quem sofre uma agressão covarde não esquece. Futebol é arte, balé, xadrez, mas é um jogo viril e abrutalhado em que façanhas como a de Anselmo refletem o alto grau de testosterona e de agressividade primitiva que nos leva a correr atrás da bola. Nosso lado civilizado homenageia aqueles que descartam a vingança física e se contentam com dar o troco na bola e no placar. Mas dentro de cada fã do futebol existe um brutamontes-mirim que não resiste à poesia de um murro bem dado” – Jornalista Braulio Tavares – Jornal da Paraíba.

1981_fla-x-cobreloa-trofeu
Tenho sobre essa porrada uma tese irrefutável – ali, graças a Anselmo, as ditaduras latino-americanas que assombraram o continente durante a Guerra Fria começaram a desabar. O destino do próprio Pinochet foi selado naquele momento. Não é a toa que, em recente pesquisa publicada na Inglaterra, acadêmicos de renome consideraram que as três quedas mais impactantes da história foram a do Império Romano, a do Muro de Berlim e a de Mario Soto na final da Libertadores.” – Luiz Antonio Simas, professor carioca.

07f670c766ea34a696e9bf2364d37eee
Anselmo Vingador!

Bom, acredito que em certos momentos, extremos claro, um murro vale mais do que mil palavras (risos). Aquele soco dado que lavou o peito de milhões de rubro-negros. Viva o Mengão e o Anselmo Vingador! Há 37 anos, direto do túnel do tempo…

Elton Tavares – Jornalista, flamenguista em tempo integral e bom de porrada. 

Aluna do município traz duas medalhas de ouro para Macapá

Acontecendo desde segunda-feira, 19, em São Paulo, os Jogos Paralímpicos Escolares 2018 contaram com representações amapaenses de peso que trouxeram medalhas de ouro para o estado. Claudiane da Silva Melo, 18 anos, aluna da Escola Municipal Profª. Neusona foi para São Paulo disputar nas modalidades 100m e 400m rasos e não decepcionou, em ambas categorias foi medalha de ouro.

Claudiane frequenta a 3ª etapa da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e faz parte dos 184 alunos que também desenvolvem atividades de cunho esportivo dentro da unidade escolar. A adolescente possui necessidades especiais físicas e intelectual. “Este mês, tivemos a primeira edição dos Jogos Internos da EJA na escola, que contou com a participação dos nossos alunos. Esse tipo de atividade desenvolvido com os estudantes desse segmento é essencial para manter o ambiente escolar atrativo para eles. Nós, como escola, sempre procuramos auxiliar no possível para que esses alunos se sintam parte importante do processo educacional e pedagógico”, explicou Vera Favacho.

“Para mim, os jogos são importantes porque, com eles, eu não preciso me esconder da realidade, muitas coisas boas aconteceram na minha vida e isso mudou ela”, contou Claudiane Melo. O professor Robson Nobre, que também auxilia nos treinos dos estudantes da EJA patrocinou a estudante com a compra do uniforme com o qual ela competiu. Marlon Gomes, professor e treinador de Claudiane, acompanhou a aluna na competição e reforçou o compromisso com o esporte. Ele faz o acompanhamento de paratletas no estado. “Este ano ela surpreendeu a gente. Se ela continuar no esporte e aumentar a participação, o rendimento dela será muito grande. Em 2019, se ela participar, pode ficar entre uma das três melhores do Brasil”, comentou o professor com orgulho.

A viagem da estudante é resultado de parceria entre a Coordenadoria Municipal de Esporte e Lazer (Comel) e a Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel). Ao todo, são 17 paratletas amapaenses que também conquistaram medalhas nas demais categorias. A comitiva amapaense volta ao estado no dia 24 de novembro.

Assessoria de Comunicação/Semed