Prefeitura de Macapá imuniza 17 mil pessoas no primeiro dia de vacinação contra a gripe

IMG-20160408-WA0031

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) saiu na frente e deu início na sexta-feira, 8, a mais uma edição da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. No primeiro dia, 17 mil pessoas foram imunizadas. A vacina está disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde, das 8h às 17h, para as pessoas que compõem o público-alvo determinado pelo Ministério da Saúde, que são: bebês a partir de seis meses e crianças menores de cinco anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias), idosos a partir dos 60 anos, gestantes, puérperas, pessoas com doenças crônicas, população privada de liberdade, trabalhadores do sistema prisional e os profissionais de saúde. A campanha continua até o dia 15 de maio.

A coordenadora municipal de Imunização, Jorsette Cantuária, reforça que neste primeiro momento somente as pessoas que fazem parte do grupo prioritário devem ir até uma unidade. “Os portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais deverão apresentar documentos como laudo médico, receita, carteirinhas doIMG-20160408-WA0003s programas de saúde, prescrição médica ou outro documento que comprove a sua condição clínica para receber a vacina. Essa medida é necessária para que não haja a possibilidade de extravio de doses para o público que não seja prioritário”.

Em todas as unidades está sendo disponibilizada uma sala extra para a vacinação contra a gripe e a separação do público por grupos, a fim de otimizar o atendimento. “Em algumas UBS’s as filas ocupavam os corredores. Tivemos uma grande procura neste primeiro dia, e é preciso que a população também tenha paciência. Todos os mecanismos para agilizar o atendimento foram implantados, como a criação de salas extras dentro das unidades e a separação do público por grupos”, informou Jorsette.

O aposentado Antônio Chucre, de 67 anos, procurou a UBS Rubim Aronovicth para se vacinar. “Há sete anos eu tomo religiosamente a vacina da gripe. Gostei que este ano fizeram uma fila exclusiva só para idosos e outra só para crianças. Como a maioria aqui é criança, não precisei esperar muito”.

Prevenção

O Ministério da Saúde reforça que, além da vacinação, a população deve adotar medidas de prevenção para evitar a infecção por gripe, como lavar sempre as mãos e evitar locais com aglomeração de pessoas que facilitam a transmissão de doenças respiratórias, cobrir a boca com o braço ao tossir ou espirrar, utilizar álcool gel nas mãos.

Jamile Moreira/Asscom Semsa

Prefeitura de Macapá abre inscrições para Curso de Inclusão Digital no CEU das Artes

Apresentação1

Cada turma será formada por 10 alunos, totalizando 40 vagas. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no CEU das Artes no período de 12 a 16 de abril. O início das aulas está previsto para 19 deste mês. O curso é uma alternativa para a democratização das tecnologias de informação e comunicação que, além de alfabetizar em informática, também promove a melhoria do quadro social por meio do conhecimento adquirido pelos participantes.

O curso será ministrado pelo professor Yuri de Lima, técnico em informática, que inicialmente atenderá quatro turmas mistas com clientela a partir dos dez anos de idade. As aulas acontecerão no telecentro da praça e abordarão os conceitos básicos, sistemas operacionais, ferramentas utilitárias e segurança, dentre outros.

A finalidade é que a comunidade do entorno do CEU das Artes, principalmente as pessoas de baixa renda, possam ter acesso a informações, fazer pesquisas e uso da tecnologia, de modo a facilitar sua própria vida neste momento em que cada vez mais serviços são disponibilizados por meio da internet, tanto pelos computadores quanto pelos dispositivos portáteis.

Paulo Rocha/Asscom Fumcult

Prefeito participa de abertura dos projetos sociais “Anjos da Guarda” e “Bombeiro Civil Mirim”

DSC2

O prefeito Clécio Luís participou no sábado, 9, da aula inaugural dos projetos sociais “Anjos da Guarda” e “Bombeiro Civil Mirim”. A cerimônia aconteceu no Complexo Macapá Criança e contou com a presença da comunidade do bairro Pedrinhas, secretários municipais, além da presidente do Conselho Tutelar da zona sul, Huelma Medeiros e da presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente, Fabíola Rocha.

“Anjos da Guarda” é destinado a adolescentes carentes, na faixa etária de 11 a 15 anos, que são atendidos pelo Centro de Referência de Assistência Social (Cras), vinculado à Secretaria Municipal de Assistência Social e do Trabalho (Semast). “Eu mesma peguei meus documentos, tirei cópia e trouxe minha mãe aqui para fazer minha inscrição no projeto ‘Anjos da Guarda’. Estou muito ansiosa para começar, sei que vou aprender bastante coisa”, disse Rachiele dos Santos, 11 anos.

O coordenador do “Anjos da Guarda”, Marco Antônio Couto, destacou que o projeto existe desde 2009 no distrito de Fazendinha. “Ele DSC1surgiu das rondas que eram feitas pela Guarda Municipal, onde era comum ocorrência com jovens. Essa foi uma forma de ocupá-los. Mais de 400 pessoas já fizeram parte desse projeto”.

“Bombeiro Civil Mirim” tem o objetivo de proporcionar atividades que auxiliem na formação integral das crianças e adolescentes de famílias em estado de vulnerabilidade social, na faixa etária de 8 a 15 anos. O comandante do Corpo de Bombeiro Civil, José Augusto Oliveira, destacou que os alunos terão noções de primeiros Socorros e de combate a incêndio. “As crianças terão noções de civismo e outras atividades. Não posso deixar de agradecer a Prefeitura de Macapá pelo apoio, pois sem isso, não seria possível a realização dessas atividades”.

Tiago Sérgio Silva, 8 anos, disse que não vê a hora de aprender a nadar e também quer saber 10254999_300214800134543_1019557301417545630_nmais noções de primeiros socorros. “Quero logo que chegue segunda-feira para iniciar as aulas do projeto”, contou. As atividades que serão oferecidas são: acompanhamento escolar; noções de primeiros socorros; educação para o trânsito; ética e civismo; combate a incêndio; educação ambiental, antidrogas, sexual e religiosa; informática; educação à cidadania; jogos; recreações e curso de artesanato.

Segundo a secretária municipal de Assistência Social e do Trabalho, Suênia Bezerra, o objetivo é promover ações socioeducativas para crianças e adolescentes em situação de risco social. “Logo que assumi a Semast, uma das primeiras missões dadas pelo prefeito foi arrumar uma forma de trazer a população para o Macapá Criança por meio de diversas atividades, e hoje estamos concretizando com a aula inaugural desses dois projetos”.sC1RASuVXxA

O prefeito Clécio Luís enfatizou que, quando assumiu, o Complexo Macapá Criança estava inacabado e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) pedia a devolução do recurso porque a obra não estava concluída. “Conseguimos negociar com o banco, terminar e entregar à sociedade. Esse espaço foi vocacionado para atividades e projetos como esses que estão iniciando hoje. Eu tenho certeza que ainda vamos utilizar esse espaço do Macapá Criança para muitas outras atividades, pois acredito que só fazendo parcerias como essa, com o Corpo de Bombeiros, vamos conseguir vocacionar esse espaço para o que realmente ele foi criado”.

Adryany Magalhães/Asscom PMM

Prefeitura de Macapá inicia nesta sexta-feira campanha de vacinação contra Gripe H1N1

vacina-H1N1

A Prefeitura de Macapá inicia nesta sexta-feira, 8, em todas as Unidades Básicas de Saúde, a 18ª edição de Vacinação contra o Vírus Influenza – causador da gripe. A meta é imunizar 86.260 pessoas que compõem o grupo prioritário da campanha. A vacinação termina no dia 15 de maio e estará disponível para bebês a partir dos seis meses e crianças menores de cinco anos de idade, idosos a partir dos 60 anos, gestantes, puérperas (mulheres que tiveram filhos nos últimos 45 dias), pessoas com doenças crônicas, população privada de liberdade, trabalhadores do sistema prisional e os profissionais de saúde.

Além de imunizar a população contra a Gripe A H1N1, a campanha também irá proteger a população contra outros dois tipos do vírus Influenza – A (H3N2) e B. “É importante que o público-alvo procure uma unidade de saúde para fazer a imunização. A vacina é segura, não apresenta reações adversas, além de ser a forma mais eficaz para a prevenção da gripe”, ressalta a coordenadora municipal de Imunização, Jorsette Cantuária.

Portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais deverão apresentar documentos como laudo médico, receita, carteirinhas dos programas de saúde, prescrição médica ou outro documento que comprove a sua condição clínica para receber a vacina. As crianças a partir de seis meses que nunca foram imunizadas contra a Influenza precisam receber duas doses com intervalo de 30 dias entre elas. Aquelas que foram vacinadas no ano passado só recebem uma dose.

A vacina contra influenza é a trivalente, não contém vírus vivos e não causa a doença, sendo contraindicada para pessoas com alergia grave ao ovo de galinha e para aqueles que já apresentaram reação anafilática a doses anteriores.

Jamile Moreira/Asscom Semsa
Contato: 99135-6508

Prefeito Clécio Luís entrega uniformes e lousas digitais para comunidade do Bailique

IMG_3458

Neste fim de semana, na comunidade de Vila Progresso, no arquipélago do Bailique, o prefeito Clécio Luís entregou mais de 500 uniformes escolares e 8 lousas digitais interativas para as instituições de ensino da localidade. Os objetos são fruto de uma emenda parlamentar do senador Randolfe Rodrigues, no valor de quase R$ 2 milhões.

O novo equipamento é uma ferramenta interativa, que possibilitará o melhor acesso dos alunos e professores a informações e a novas possibilidades de interação durante as aulas. Com ele, os professores terão diversas possibilidades de trabalhar e desenvolver o ensino, com a busca de dados e informações em tempo real (por meio do acesso à internet), exibir filmes e projetar trabalhos e informações.

Durante a cerimônia de entrega, o prefeito Clécio destacou a importância da aquisição do equipamento e as novas possibilidades que o equipamento proporcionará ao ensino. “A lousa digital é uma nova ferramenta que estamos adquirindo para melhorar o ensino com muito mais informação. Foram três anos tentando adquirir esses equipamentos, e este ano, com a ajuda do senador Randolfe, finalmente conseguimos tirar esse sonho do papel e adquirimos mais de 400 lousas, que serão distribuídas nas nossas instituições de ensino. Aqui, no Bailique, as sete escolas da localidade estão sendo contempladas hoje com essa nova ferramenta de trabalho”.

Para a secretária municipal de Educação, Dalva Figueiredo, a entrega dos equipamentos e dos uniformes aos alunos da comunidade é apenas mais uma das grandes conquistas que a prefeitura está proporcionando para melhorar ainda mais a qualidade do ensino. “Estar aqui hoje é motivo de muita alegria para todos nós, prefeito e secretários, que sempre estamos nos esforçando bastante para trazer melhorias para essa comunidade. Hoje, além de trazermos novas possibilidades de ensino-aprendizado aos alunos, a comunidade ganha também um novo espaço para a criançada, com a inauguração da nova escola, um espaço mais moderno e bem mais amplo, que dará a vocês mais conforto e comodidade no aprendizado, além de cursos de capacitação para os professores para o manuseio das lousas interativas”.

Para a diretora da Escola Municipal Vila Progresso, Alda Cordeiro, o novo equipamento é um dos maiores avanços que a comunidade tem recebido para a melhoria da educação dos alunos. “A partir de agora, muita coisa melhorará no nosso ensino. Com essa nova tecnologia, nossos professores e alunos finalmente terão novas possibilidades de ensino. Agora poderemos fazer pesquisas e melhorar ainda mais o conteúdo e a forma de se inteirar com nossos alunos. Hoje só temos a agradecer ao nosso prefeito Clécio por trazer esse grande benefício para todos nós”.

Ao todo, sete escolas localizadas no arquipélago receberam o equipamento: Escola Vila Progresso; Genivaldo dos Santos Barbosa (na comunidade de Jaranduba); Rosa de Saron; Freguesia do Bailique; Maranata; Canal dos Guimarães e Claudete Mota (na comunidade Limão do Curuá).

IMG_3488

Lousas digitais

Elas são a mais nova aliada dos docentes no processo de ampliação do conhecimento, visando a inclusão digital e a busca por dinamização do ensino. Uma nova ferramenta de trabalho que facilitará ainda mais o ensino dos alunos. Funciona como projetor multimídia, computador interativo e lousa digital. A tecnologia possibilitará ao aluno e ao professor interação direta com a tela projetada pelo computador com o uso de uma caneta digital ou a própria mão.

Karla Marques/Asscom PMM
Fotos: Saulo Silva

Prefeitura e Sambazon inauguram escola no Bailique e destacam parceria a favor da comunidade

IMG_0705

A comunidade de Jaranduba, no distrito do Bailique, há 12 horas via fluvial da capital Macapá, foi contemplada neste sábado, 2, com a inauguração da Escola Municipal de Ensino Fundamental Genivaldo dos Santos Barbosa, entregue pela Prefeitura de Macapá e a empresa americana Sambazon. A cerimônia foi acompanhada pelos moradores, senadores Davi Alcolumbre e Randolfe Rodrigues, deputado estadual Paulo Lemos, vereadores Nelson Souza, Lucas Barreto e Telma Nery, além de técnicos da prefeitura.

Pais e alunos puderam conhecer as novas instalações do prédio, doado à Prefeitura de Macapá pela Sambazon, juntamente com a Associação dos Moradores e Produtores Agroextrativistas de Jaranduba, em dezembro de 2015. Esta é a segunda instituição construída em regime de parceria, por meio de projetos sociais desenvolvidos pela empresa com investimentos provenientes da certificação de Comércio Justo, como forma de compensação ambiental pela exploração do produto na região.

IMG_0791
Bastante satisfeito com o resultado da parceria, Clécio Luís repassou a escola à comunidade equipada com fogão, freezer, conjunto de mesas e cadeiras para a educação infantil e ensino fundamental, lousas, armários, mesas, bancos para o refeitório, bebedouro, merenda escolar, professores, serventes e merendeiros, e com mais de 70 alunos matriculados, atendendo Jaranduba e comunidades próximas com educação infantil (1º e 2º períodos) e ensino fundamental (1º ao 5º ano).

“A primeira escola foi erguida na comunidade de Limão de Curuá. Hoje, todos estão emocionados pela história desta segunda escola que recebe o nome do Genivaldo dos Santos Barbosa, filho desta pequena localidade ribeirinha, que já não está entre nós, mas que atuou por 15 anos como líder comunitário, é reconhecido e homenageado na comunidade”, disse, emocionado, Clécio Luís.
IMG_1124
Além dos novos uniformes, a Escola Genivaldo dos Santos Barbosa é a primeira a receber da Prefeitura de Macapá as lousas digitais interativas, resultado de emenda no valor de quase R$ 2 milhões do senador Randolfe Rodrigues. O prefeito pontuou que a cooperação com a iniciativa privada fortalece e melhora a qualidade de vida da comunidade, e agradeceu o empenho dos moradores, técnicos da prefeitura e dos senadores Davi Alcolumbre e Randolfe Rodrigues pela destinação de emendas em favor da educação municipal. “Além dos uniformes e equipamentos que auxiliarão na formação de novas gerações, as lousas digitais revolucionarão a educação no município proporcionando um novo ambiente escolar”, disse Clécio Luís.

A Sambazon investiu cerca de R$ 250 mil na construção do prédio, que ocupa uma área de 527 m². São cinco salas de aula, biblioteca, secretaria, diretoria, cozinha com dispensa, refeitório, banheiros, horta suspensa e área de circulação. O diretor de Operações da Sambazon, Miguel Jorge Hauat, comemorou o resultado de um projeto feito com responsabilidade social e ambiental. “A prefeitura foi convidada a ser parceira pela demonstração de boa vontade e empenho do prefeito Clécio com projetos sociais que beneficiam diretamente as comunidades”.

A diretora da escola, Daiane Ferreira, não conseguiu esconder a emoção ao falar sobre o que representa a escola para a comunidade. “Estou muito feliz, é impossível não me emocionar, pois dei aula na ponte por causa do calor. E ver esta instituição em pleno funcionamento, pronta para formar novos cidadãos, é muito bom”. Mãe de aluno, a dona de casa Gilmara Barbosa desejou que as parcerias sejam ampliadas para ajudar o Bailique, esquecido pelo Governo Estadual. “Se o prefeito não olhar para gente, ninguém mais vai olhar. É na gestão do prefeito Clécio que está nossas esperanças. O Governo do Estado não tem compromisso com o Bailique”.

IMG_1132
Garibaldi Barbosa, irmão de Genivaldo (o homenageado com o nome da escola), agradeceu a homenagem e disse que a instituição representa um prêmio para toda comunidade, que participou e fiscalizou uma obra que beneficiará a todos. “Parabéns a prefeitura por dialogar com a nossa comunidade”.

O senador Davi Alcolumbre e o líder do Governo na Câmara de Macapá, autor do projeto que deu o nome à escola, vereador Nelson Souza, destacaram o empenho do Município pelo fortalecimento da bandeira em favor daqueles que mais precisam. “Pela terceira vez, com sede funcionando oficialmente no distrito do Bailique, a Prefeitura de Macapá segue com a programação de diversos serviços nas áreas da educação, saúde, assistência social, esporte e lazer aos moradores da região. Parabéns pela iniciativa de todos da gestão do prefeito Clécio”, relatou Nelson Souza.

Andreza Sanches/Asscom PMM
Fotos: Max Rene

Grupo de Macapá organiza exposição de clássicos dos videogames

gameretro1

Por Carlos Alberto Jr

Um grupo de amigos aficionados por jogos eletrônicos vai promover um resgate histórico e cultural da evolução dos videogames por meio de uma exposição com consoles clássicos e atuais. A 1ª Mostra AP Games Retrô vai acontecer entre os dias 1º e 17 de abril, num shopping localizado na Zona Sul de Macapá.

Durante os 17 dias de exposição, os visitantes poderão comprar e trocar acessórios, jogos e videogames. Além disso, segundo os organizadores, a exposição quer valorizar a convivência e a interação coletiva entre fãs de videogames, tanto dos clássicos, quanto dos de última geração.gameretro12

“Queremos que essa exposição sirva para um encontro de gerações. Afinal, os videogames são democráticos, tanto no gosto, quanto na idade”, disse Fabrício Holanda, de 32 anos, um dos membros do grupo.

Mesmo que voltada aos jogos clássicos, a exposição também contará com jogos e videogames atuais, uma vez que o material exposto é uma junção das coleções pessoais dos membros do grupo AP Games Retrô.

“Alguns membros colecionam até os novos. No meu caso, minha coleção é apenas de videogames com cartuchos ou fitas. Cada um tem seu critério na coleção” completa Fabrício.gameretro123

Para a abertura da mosta, um quarteto de músicos de cordas estarão tocando os temas de principais clássicos dos games, como o de Super Mario World, Legend Of Zelda, Sonic, Top Gear, entre outros.

De acordo com a organização, as inscrições para os torneios acontecem a partir da abertura da mostra até uma hora antes do início deles.

Veja a programação da 1ª Mostra AP de Games Retrô:

1º de abril
Abertura com jogatina de consoles antigos e atuais, cosplay gamer
Horário: de 18h30 às 21h
2 de abril
Jogatina Nitendo Virtual Boy e “Nitendinho”
Horário: de 14h às 18h
3 de abril
Torneio de Mario Kart 64 e Motal Kombat de Super Nitendo
Horário: a partir das 14h
4 e 5 de abril
Exposição

6 de abril
Jogatina Master System e Super Scope Super Nitendo
Horário: a partir das 14h
7 e 8 de abril
Exposição

9 de abril
Jogatina Atari e Odyssey
Horário: de 14h às 18h
10 de abril
Torneio de FIFA (console a definir) e Super Smash Bros de WI U
Horário: a partir das 14h
11 e 12 de abril
Exposição

13 de abril
Jogatina Mario Paint de Super Nitendo e Donkey Konga de Game Cube
Horário: de 14h às 18h
14 e 15 de abril
Exposição
16 de abril
Torneio de Bomberman de Super Nitendo e Street Fighter de Mega Drive
Horário: de 16h às 21h
17 de abril
Encerramento com desafios de jogos com Mario Kaizzo e Donkey Kong Competition
Horário: a partir das 17h

Fonte: G1 Amapá

Prefeitura inicia programação no Bailique com sessão de cinema para crianças

IMG_2883
A Secretaria Municipal de Educação (Semed) promoveu na noite de sexta-feira, 1º de abril, sessão de cinema na Vila Progresso, iniciando assim as atividades no arquipélago do Bailique. Uma plateia de pais e alunos assistiu a vídeos sobre o combate ao vírus Aedes Aegypti, que faz parte do projeto “Macapá mais bonita, sem Dengue, sem Zika”. A sessão continuou com a exibição do filme Tartaruga Ninja, escolhido pelo público, com direito a pipoca.

A moradora Danielle Rodrigues levou seus dois filhos Victor Rodrigues, 7 anos, e Danilo Rodrigues, 11 anos, para a sessão. “Sempre que posso levo minhas crianças para participar dessas programações, além de diversão, eles também recebem conhecimento”, destacou.

IMG_2898

Para a secretária municipal de Educação, Dalva Figueiredo, que esteve presente e conversou com a plateia, a intenção da prefeitura é fazer o entretenimento, buscando levar informação. “Neste sábado, teremos mais uma sessão dos filmes sobre o combate ao mosquito transmissor da dengue e uma extensa agenda de atividades lúdicas e educativas, com apresentação teatral, oficinas, palestras e rodada de conversa, dança, música e torneio esportivo, que se estenderá até domingo, 3”.

Pérola Pedrosa/Asscom PMM
Fotos: Saulo Silva

Comel e CEU das Artes abrem inscrições para modalidades esportivas

ceu_das_artes

A Coordenadoria Municipal de Esporte e Lazer (Comel) e o Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU das Artes) abrem inscrições para atividades esportivas do programa “Despertando Atletas”. As modalidades são: futsal e vôlei, voltadas para crianças e adolescentes de 7 a 17 anos; e Ginástica Funcional, para todas as idades.

As inscrições podem ser feitas até 8 de abril, no CEU, na Avenida Carlos Lins Cortes, das 8h às 12h e das 14h às 21h. Os documentos necessários são: cópias do RG dos pais ou responsáveis; RG ou certidão de nascimento do participante; comprovante de residência e declaração escolar. São 30 vagas por turno para cada modalidade. As atividades estão previstas para iniciar no dia 13 de abril, no CEU das Artes.

Confira os horários das aulas:

Futsal
Manhã (terças e quintas-feiras) – 8h às 11h
Tarde (segundas e quartas-feiras) – 15h às 18h
Faixa etária: 7 a 17 anos

Vôlei
Manhã (segundas e quartas-feiras) – 8h às 11h
Tarde (terças e quintas-feiras) – 15h às 18h
Faixa etária: 12 a 17 anos

Ginástica Funcional – noite
Faixa etária: livre

Cliver Campos/Asscom Comel
Contatos: 98126-0880 / 99175-8550

Dado início às atividades do Conselho do Patrimônio Histórico Artístico e Cultural

vzLgWMrUbY4

Nesta segunda-feira, 28, aconteceu a primeira reunião ordinária do Conselho Municipal do Patrimônio Histórico Artístico e Cultural do Município de Macapá. Foram apresentados os membros nomeados que compõem as treze cadeiras do conselho, integrado por representantes do poder público e da sociedade civil organizada, que terão o mandato de dois anos. Os serviços prestados pelos membros não são remunerados, mas considerados de relevante interesse social ao município.

Na composição do conselho estão representantes de secretarias municipais com finalidades associadas ao setor cultural. Já a representação da sociedade civil é formada por historiadores, arquitetos, sociólogos, antropólogos e museólogos, assim como mestres de saberes e ofícios ligados às áreas culturais e de meio ambiente indicados por entidades representativas. No encontro, também foi estabelecido o calendário anual das próximas reuniões ordinárias e apresentada a proposta de tombamento da igreja São José, processo que será analisado por uma comissão especial indicada pelo conselho.

O Conselho do Patrimônio Histórico Artístico e Cultural, criado em 2013, é um órgão colegiado de caráter deliberativo e consultivo vinculado à Fundação Municipal de Cultura (Fumcult), que institucionaliza a relação entre a administração e os setores da sociedade civil, participando da elaboração e fiscalização da política de patrimônio cultural de Macapá. Além disso, pode propor ou receber propostas de tombamentos de bens municipais, fomentar estudos, eventos, atividades permanentes e pesquisas na área cultural, bem como executar outras competências previstas no estatuto que rege a entidade.

Confira a composição do conselho:

Representatividade do Poder Público
Jansen Rafael da Silva (Fundação Municipal de Cultura)
Sérgio Fernando Pontes Dias (Secretaria Municipal de Meio Ambiente)
Arlena Ferreira Soraia Ferreira da Silva (Instituto Municipal de Turismo)
Edinaldo Pinheiro Nunes Filho (Universidade Federal do Amapá)
Djalma Guimarães Santiago (Instituto do Patrimônio Artístico e Histórico Nacional)

Representatividade da Sociedade Civil
Maria Petry Cabral
Eloane de Jesus Ramos Cantuária
João Carlos do Rosário Souza
João Darcy de Moura da Silva Costa
Lúcio Flávio Siqueira Costa Leite
Piedade Lino Videira

Paulo Rocha/Asscom Fumcult

Ação emergencial garante nova limpeza e desobstrução de canais durante chuvas em Macapá

IMG_0090

Desde a madrugada de segunda-feira, 28, as chuvas voltaram a cair com intensidade em Macapá. A Defesa Civil Municipal, juntamente com a equipe da Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura Urbana (Semob) e Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Semduh), continua o monitoramento e trabalho de limpeza e desobstrução nos principais pontos de alagamento.

Os serviços estão sendo contínuos nos canais do Jandiá e dos bairros Beirol e Nova Esperança. No total, foram mapeados seis pontos de maior incidência de alagamento. A chuva na madrugada de segunda-feira marcou, de acordo com os pluviômetros da Defesa Civil, a média de 90 mm de chuva nas últimas 24 horas. Várias chamadas foram feitas por moradores por conta do transbordamento do canal do bairro Nova Esperança.

No local, as equipes executaram o trabalho de desobstrução, onde foram retirados materiais como colchão, bicicleta, pedaços de madeira, sacos plásticos e garrafas PET. Além disso, no período de 28 de janeiro a 22 de fevereiro foram recolhidas cerca de 3.200 toneladas de lixo, durante ação de limpeza.

De acordo com o coronel Macedo, comandante da Guarda Municipal, é importante que os moradores destas regiões não obstruam ou façam o aterramento das áreas onde ocorre vazão das águas das chuvas. “Esse tipo de atitude causa um transtorno enorme para as pessoas que moram nessas áreas baixas. É necessária a conscientização de que ações como estas não podem ser feitas”.

Os alagamentos dos canais de vazão natural ocorridos no dia 28 de março deram-se principalmente por coincidência da chuva forte com a maré alta. A ação de desobstrução de bueiros e manilhas, além da limpeza de canais, faz parte de um plano de ação emergencial, que é composto pela Guarda Municipal, Semob, Semur, Semduh, Semed, Semsa, Secsub, Semast e Segov.

Márcia Fonseca/ASSCOM PMM
Contatos: 98139-7609 / 99118-7183
Fotos: Max Renê

E os sujões seguem sujando – (Égua-moleque-tu-é-doido) – Via @alcileneblog

lixo-colchoes
Prefeitura recolhendo colchão jogado nas vias.

Por Alcilene Cavalcante

Temos que reconhecer que a gestão do prefeito Clécio Luiz, em Macapá, deixou a cidade muito mais limpa e com coleta regular do lixo em toda a cidade. Fato.

Mas os sujões continuam sujando. Jogam lixo nos canais e ruas e criam lixeiras viciadas.

Parece que não há como dar vencimento nas atitudes de pessoas sujas e egoístas, que desse modo provocam alagamentos, aumentam o custo da limpeza pública e contribuem para a proliferação de doenças, aumentando também o custo da saúde pública.

E olha que a prefeitura de Macapá também investiu em campanhas educativas pedindo que a população faça sua parte pra manter a cidade limpa.

Fonte: Blog da Alcilene Cavalcante

Prefeito Clécio Luís entrega Feira Central revitalizada a feirantes e consumidores

IMG_9827

O prefeito Clécio Luís entregou na manhã deste sábado, 26, a obra de revitalização da Feira Central. Localizada em pleno centro comercial da capital, a antiga Feira do Mercado Central há quase uma década foi desativada para receber melhorias que nunca chegaram. De lá para cá, já funcionou precariamente no interior dos mercados de peixe e carne, a contragosto dos feirantes que, pouco a pouco, retornaram para o antigo local, na Rua São José.

De forma improvisada, sem nenhum planejamento, exalando mau cheiro, a feira transformou-se também em abrigo para ratos e desocupados, e em um incômodo para os trabalhadores e a vizinhança do entorno. Apesar de tantos problemas, os clientes nunca deixaram de frequentá-la em busca de frutas, verduras e crustáceos. A Prefeitura de Macapá fez a obra tão aguardada pelos 42 feirantes, objetivando reduzir os problemas do local e melhorar o ambiente de trabalho. A abrangência da obra reduziu-se ao entorno, já que o terreno de origem está sob a responsabilidade do Governo do Estado para construção do Shopping Popular.

IMG_9864

A integração das secretarias municipais de Desenvolvimento Econômico (Semdec), Obras e Infraestrutura Urbana (Semob) e demais envolvidas proporcionou ao local um novo aspecto com 42 bancas tamanho padrão de 2 metros, balcões com revestimento em alumínio galvanizado, reconstituição das instalações elétricas e hidráulicas, sistema de esgoto e pintura dos espaços. O calçamento conta com piso tátil e rampa de acesso para portadores de deficiência, além de dois sistemas de drenagem nas áreas externa (águas pluviais) e interna (retenção de areia proveniente da lavagem do caranguejo). Melhorias que contribuíram para racionalizar a divisão do espaço urbano entre feirantes, pedestres e veículos, na qualidade ambiental e, principalmente, na promoção de políticas que visam minimizar situações com impactos negativos no meio urbano.

A obra de revitalização foi orçada em R$ 110.330,33. Um avanço diante das dificuldades orçamentárias e escassez de recursos que atravessa o poder público municipal. O envolvimento e o comprometimento da gestão municipal contaram com o respaldo dos feirantes que reconheceram a importância da obra, já que vivenciavam péssimas condições de trabalho. “Tenho 71 anos, 48 como feirante. Sempre tirei meu sustento daqui e não achava justo nos deixarem trabalhar na lama. Agora temos um lugar digno, adequado para uma feira tão antiga, vizinha da Fortaleza de São José, do Mercado Central e da parte histórica da nossa capital”, ressaltou Maria Assunção dos Santos, feirante mais antiga e homenageada durante a solenidade de entrega.

Para a titular da Semdec, Suely Collares, a obra traduz o alto nível de comprometimento do prefeito Clécio para com as demandas mais urgentes da população. “O poder público precisa estar atento e sensível às demandas de todos os segmentos da sociedade sob sua gestão. As melhorias que a prefeitura fez foram urgentes e fundamentais para os pequenos empreendedores que desenvolvem suas atividades na feira, mas irão refletir em benefícios para todos”. O investimento garantiu um espaço decente aos feirantes, promoveu um maior diálogo entre o poder municipal e os trabalhadores do local e respeitou o direito a um ponto tradicional de comercialização de alimentos que obedeça às normas sanitárias adequadas.

IMG_9884

“Essas são condições básicas e necessárias de acordo com a importância da feira no contexto histórico, econômico e social do município. Trata-se da promoção de um local decente de trabalho, aumentando a produtividade e melhorando o cotidiano da cidade. A razão de estarmos aqui hoje são vocês. Não estamos fazendo um favor, e sim cumprindo com a nossa obrigação. Essa obra beneficia os feirantes e também os consumidores, tirando esses trabalhadores de cima da lama e do esgoto. Mesmo sem muitos recursos, sem ajuda, fizemos um trabalho com carinho e qualidade. Um local modesto, mas limpo, bonito e adequado. Isso representa dignidade para o trabalhador”, disse o prefeito.

Participaram da entrega os senadores Davi Alcolumbre (DEM/AP) e Randolfe Rodrigues (Rede/AP), vereador Nelson Souza e secretariado municipal.

Ruth Helena Carrera/Asscom Semdec
Fotos: Max Renê

Espetáculos teatrais alusivos à Semana Santa continuam hoje em Macapá

Uma-Cruz-para-Jesus-_-Arquivo-1-768x509

Hoje terão continuidade as encenações da Paixão de Cristo em Macapá. Iniciadas na última quarta-feira (23), as apresentações são espetáculos teatrais alusivos à Semana Santa. Com apoio da Prefeitura de Macapá, as montagens que integram a programação foram selecionadas por meio de Chamada Pública da Fundação Municipal de Cultura (Fumcult).

Os Autos da Paixão são iniciativas culturais reconhecidas não apenas pelos fatores religiosos, mas também, enquanto produções artísticas desenvolvidas por grupos locais, com ampla aceitação e participação popular e que se tornaram tradição durante o período da quaresma. As encenações, com base em textos bíblicos ou adaptados, abordam a história dos últimos dias de Jesus Cristo, encerrando com a sua morte, ressurreição e ascensão aos céus. As peças se desenrolam em palcos, praças, salas de espetáculos e espaços alternativos, sempre visando a acessibilidade e a participação ativa da comunidade que, muitas vezes, entra em cena ou apoia as produções.

Programação:

26/03 (Sábado)

Nazareno o Filho de Deus 2016 (Artes Piracui)
Praça da Caixa D’água do Buritizal (Buritizal), às 20h

27/03 (Domingo)

Musical de Páscoa Aleluia (Cia. Viva de Teatro)
Igreja Bom Samaritano (Zerão), às 10h

O Cordeiro de Deus (Cia. Teatração)
Praça Raimunda Capiberibe / Praça do Lago da Vaca – (Novo Horizonte 2), às 20h

29/03 (Terça-feira)

Jesus a Luz do Céu (Movimento Cênico Artheatrum)
Praça da Vila do Coração (Vila do Coração), às 18h

30/03 (Quarta-feira)

Seguidores (Cia. de Artes Tucuju)
CEU das Artes (Infraero II), às 19h

31/03 (Quinta-feira)
Jesus O Salvador (Grupo de Teatro Educ’art)
Escola Antônio João (Santa Rita), às 17h30min.

Asscom Funcult