Hoje tem Amazon Music no Norte das Águas

Foto: Elton Tavares.
O Quinteto Amazon Music, pilotado pelo multiinstrumentista Finéias Nelluty, se apresentará hoje (14), a partir das 21h, no Bar e Restaurante Norte das Águas, localizado no Complexo do Araxá, zona Sul de Macapá.
A banda, for mada por músicos consagrados dentro e fora do Amapá, possui a proposta de promover a música instrumental na capital amapaense. O repertório do Amazon Music é repleto de canções, em estilos diversificados como MPB, Jazz, Blues e MPA. A apresentação promete. Eu recomendo.
Foto: Elton Tavares.
O quinteto
O Amazon Music é formado pelo músicos Siney Tabóia (tompete), Paulinho Queiroga (bateria), Ezequiel Freitas (contra-baixo), Israel Cardozo (guitarra) e Fineis Nelluty – Teclados.
Serviço:
Show do Quinteto Amazon Music
Data: 04/08/2011
Hora: 21h.
Entrada: Franca, mas talvez role um couvert.
Local: Bar e Restaurante Norte das Águas, localizado no Complexo do Araxá, zona Sul de Macapá.
Elton Tavares

Céu nublado, amigo digno

                                                                                          Por Darth J. Vader 
Brunão, assim como a Jú, me tornei amigo dele nos tempos que trabalhava no Portal. O cara é gente fina.
Sou nepotista e gosto disso. Aliás, não tenho a menor vergonha em dizer que amo poucos da minha família e sou louca por meus amigos, por isso de vez em quando eles estão por aqui. Não é diferente com meu querido Brunão, o Bruno Lopes. Nos conhecemos quando ainda trabalhava no Portal Amazônia (aliás, as amizades feitas ali foram as mais fortes, advindos de meios profissionais) e me identifiquei imediatamente.
Primeiro porque eu adoro os fofos! Não conheço nenhum mal educado, ou antipático, ou que não seja grande sábio de ao menos uma coisa. Além disso, todos eles são gentis e inegavelmente inteligentíssimos. Em seguida, descobrimos algumas paixões em comum: o Vasco da Gama e os jogos eletrônicos, em especial o Super Mário, só para citar os mais fortes.
Depois, vieram as maravilhosas caronas no início da noite (quando possível, claro).
Conversa vai, conversa vem, descubro que o cara canta e, ainda por cima, escreve música! Esta, chamada Céu nublado, é a primeira que posto aqui, só para vocês terem uma ideia de como o Brunão é bom (sou nepotista, mas não lesa!).

                                                                        Foto: Elton Tavares.

Céu Nublado – por Bruno Lopes e Abraão Nascimento – Composição: Bruno Lopes
Sem mais desculpas pra viver a vida

Sem mais motivos pra me desculpar

As últimas palavras daquele que pensa

Que não vale a pena voltar atrás

E chega de pular tantas janelas

Vê se abre a porta dessa vez

Eu apago a luz pra esquecer mais depressa mas

Você sempre insiste em me lembrar, em vez…

Olhe para o céu e veja como ele está

Tão escuro e nublado e prestes a cair

Olhe para o céu e veja o que ele te diz

Será que vale a pena deixar de ser feliz?

Sentado na beira, sentindo o vento

O pulso batendo e olhos a chorar

Tem sempre o lado que te empurra pra baixo

Não olho pra cima pra não me animar

Pequenas lembranças de gestos perfeitos

São todas lembranças jogadas em vão

As últimas palavras daquele que um dia

viu que vale a pena pedir perdão

Olhe para o céu e veja como ele está

Tão escuro e nublado e prestes a cair

Olhe para o céu e veja o que ele te diz

Será que vale a pena deixar de ser feliz?

Música de hoje

Lust for life – (Tesão Pela Vida) – Iggy Pop


Lá vem Johnny Yen novamente
Com a birita e as drogas
E a máquina de carnes
Ele vai fazer outro striptease
Ei cara, onde cê arrumou esta loção?
Estou ferido desde que comprei a lorota
Sobre algo chamado amor
É, algo chamado amor
Ora, isto é como hipnotizar galinhas

Bem, eu sou apenas um cara moderno
É claro que já tomei na orelha antes
Por causa de um tesão pela vida
Pois eu tenho um tesão pela vida

Tô valendo um milhão em prêmios
Com meu filme de torturas
Dirijo um GTO
Visto um uniforme
Tudo num empréstimo do governo
Tô valendo um milhão em prêmios
É, dei um basta em dormir nas calçadas
Chega de surrar meus miolos
Chega de surrar meus miolos
Com a birita e as drogas
Com a birita e as drogas

Bem eu sou apenas um cara moderno
É claro que já tomei na orelha antes
Porque eu tenho um tesão pela vida
Por causa de um tesão pela vida
Eu tenho um tesão pela vida
Tenho um tesão pela vida
Oh, um tesão pela vida
Oh, um tesão pela vida
Um tesão pela vida
Eu tenho um tesão pela vida
Eu tenho um tesão pela vida

Bem eu sou apenas um cara moderno
É claro que já tomei na orelha antes
Mas eu tenho um tesão pela vida
Por causa de um tesão pela vida

Bem, lá vem Johnny Yen novamente
Com a birita e as drogas
E a máquina de carnes
Bem eu sei que ele vai fazer outro striptease
Ei cara, onde cê arrumou esta loção?
Sua pele começa a coçar assim que compra a lorota
Sobre algo chamado amor
Oh, amor, amor, amor
Ora, isto é como hipnotizar galinhas

Bem eu sou apenas um cara moderno
É claro que já tomei na orelha antes
Por causa de um tesão pela vida
Por causa de um tesão pela vida
Tenho um tesão pela vida
Sim, um tesão pela vida
Eu tenho um tesão pela vida
Oh, um tesão pela vida
Eu tenho um tesão pela vida
Sim, um tesão pela vida
Eu tenho um tesão pela vida
Um tesão pela vida
Tesão pela vida
Tesão pela vida
Tesão pela vida
Tesão pela vida

Música de hoje (homenagem a Amy)

Volta Ao Luto

Ele não deixou tempo pra se arrepender
Ficou na “meia bomba” com a mesma velha e segura aposta
Eu e minha cabeça embriagada
E minhas lágrimas secas, continuo sem meu cara
Você voltou para o que você já conhecia
Saindo totalmente de tudo pelo que nós passamos
E eu trilho um caminho tortuoso
Minhas chances estão empilhadas, eu vou voltar ao luto
Nós apenas dissemos adeus com palavras
Eu morri uma centena de vezes
Você volta pra ela
E Eu volto ao
Eu volto pra nós
Eu te amo tanto
Isso não é suficiente, você ama cheirar e eu amo dar um trago
E a vida é como um cano
E eu sou um minúsculo centavo rolando paredes adentro
Nós apenas dissemos adeus com palavras
Eu morri uma centena de vezes
Você volta pra ela
E eu volto ao
Nós apenas dissemos adeus com palavras
Eu morri uma centena de vezes
Você volta pra ela
E eu volto ao
Luto, luto, luto, luto
Luto, luto, luto…
Eu volto ao
Eu volto ao
Nós apenas dissemos adeus com palavras
Eu morri uma centena de vezes
Você volta pra ela
E eu volto ao
Nós apenas dissemos adeus com palavras
Eu morri uma centena de vezes
Você volta pra ela
E eu volto ao luto

Música de hoje

A Dança – Legião Urbana
Não sei o que é direito
Só vejo preconceito
E a sua roupa nova
É só uma roupa nova
 Você não tem idéias
Pra acompanhar a moda
Tratando as meninas
Como se fossem lixo
Ou então espécie rara
Só a você pertence
Ou então espécie rara
Que você não respeita
Ou então espécie rara
Que é só um objeto
 Pra usar e jogar fora
Depois de ter prazer.
Você é tão moderno
Se acha tão moderno
Mas é igual a seus pais
É só questão de idade
Passando dessa fase
Tanto fez e tanto faz.
Você com as suas drogas
E as suas teorias
E a sua rebeldia
E a sua solidão
Vive com seus excessos
Mas não tem mais dinheiro
Pra comprar outra fuga
Sair de casa então
Então é outra festa
É outra sexta-feira
Que se dane o futuro
Você tem a vida inteira
Você é tão esperto
Você está tão certo
Mas você nunca dançou
Com ódio de verdade.
Você é tão esperto
Você está tão certo
 Que você nunca vai errar
Mas a vida deixa marcas
Tenha cuidado
Se um dia você dançar
Nós somos tão modernos
Só não somos sinceros
Nos escondemos mais e mais
É só questão de idade
Passando dessa fase
Tanto fez e tanto faz
Você é tão esperto
Você está tão certo
Que você nunca vai errar
Mas a vida deixa marcas
Tenha cuidado
Se um dia você dançar

Música de hoje

Esotérico – Gilberto Gil
Não adianta nem me abandonar
Porque mistério sempre há de pintar por aí
Pessoas até muito mais vão lhe amar
Até muito mais difíceis que eu pra você
Que eu, que dois, que dez, que dez milhões,
todos iguais

Até que nem tanto esotérico assim
Se eu sou algo incompreensível, meu Deus é mais

Mistério sempre há de pintar por aí
Não adianta nem me abandonar (não adianta não)
Nem ficar tão apaixonada, que nada
Não sabe nada
E morre afogada por mim



Música de hoje

Eu Vou Estar – Capital Inicial
 Eu não vou pro inferno
 Eu não iria tão longe por você
 Mas vai ser impossível não lembrar
 Vou estar em tudo em que você vê
 Nos seus livros, nos seus discos
 Vou entrar na sua roupa
 E onde você menos esperar
 Eu vou estar

Eu não vou pro céu também
 Eu não sou tão bom assim
 E mesmo quando encontrar alguém
 Você ainda vai ver, a mim
 Nos seus livros, nos seus discos
 Vou entrar na sua roupa
 E onde você menos esperar

Embaixo da cama
 Nos carros passando
 No verde da grama
 Na chuva chegando
 eu vou voltar
 Nos seus livros, nos seus discos
 Vou entrar na sua roupa
 E onde você menos esperar
 Eu vou estar



Projeto Sonora Brasil do SESC traz ao Estado os festejos de São Benedito

O SESC Amapá receberá nos dias 21 e 22 de julho a segunda etapa do Sonora Brasil, que este ano entra em sua 14° edição. Trata-se de um projeto temático que tem por objetivo provocar o desenvolvimento histórico da música no país.

O tema abordado para segunda apresentação do Sonora Brasil será – Sagrados Mistérios: Vozes do Brasil – representado pelo grupo Comitiva São Benedito da Marujada, de Bragança (PA).

 As exibições de danças e músicas feitas pela comitiva sempre se referem aos louvores a São Benedito. Após a exposição de seu trabalho o grupo conversará com o público a respeito da tradicional festa de São Benedito, na qual eles são responsáveis por grande parte do ritual.

A primeira apresentação acontecerá no dia 21 de julho em Macapá, às 20h no auditório da Escola SESC. Enquanto a segunda será realizada dia 22 no município de Amapá, às 19h na unidade do SESC Ler.

Thainá Rodrigues
Assessoria de Comunicação e Marketing – ASCOM
SESC Amapá
0xx96 – 3241-4440, ramal 235

Música de hoje

Amor pra recomeçar – Roberto Frejat
Eu te desejo
Não parar tão cedo
Pois toda idade tem
Prazer e medo…
E com os que erram
Feio e bastante
Que você consiga
Ser tolerante…
Quando você ficar triste
Que seja por um dia
E não o ano inteiro
E que você descubra
Que rir é bom
Mas que rir de tudo
É desespero…
Desejo!
Que você tenha a quem amar
E quando estiver bem cansado
Ainda, exista amor
Pra recomeçar…
Eu te desejo muitos amigos
Mas que em um
Você possa confiar
E que tenha até
Inimigos
Prá você não deixar
De duvidar…
Quando você ficar triste
Que seja por um dia
E não o ano inteiro
E que você descubra
Que rir é bom
Mas que rir de tudo
É desespero…
Desejo!
Que você tenha a quem amar
E quando estiver bem cansado
Ainda, exista amor
Pra recomeçar…


Quinteto Amazon Music se apresenta no Norte das Águas

Amazon Music no Norte das Águas – Foto: Elton Tavares.

O Quarteto Amazon Music, pilotado pelo multiinstrumentista Finéias Nelluty, se apresentará hoje (14), a partir das 21h, no Bar e Restaurante Norte das Águas, localizado no Complexo do Araxá, zona Sul de Macapá.

A banda, for mada por músicos consagrados dentro e fora do Amapá, possui a proposta de promover a música instrumental na capital amapaense. A novidade para o show, desta quinta-feira, será a presença do festejado saxofonista paraense Estras Torres.
O repertório do Quarteto Amazon Music é repleto de canções, em estilos diversificados como MPB, Jazz, Blues e MPA. A apresentação promete. Eu recomendo.
O quarteto 
O Amazon Music é formado pelo músicos Siney Tabóia (tompete), Paulinho Queiroga (bateria), Ezequiel Freitas (contra-baixo), Israel Cardozo (guitarra) e Fineis Nelluty – Teclados.
Serviço:
Show do Quinteto Amazon Music
Data: 14/07/2011
Hora: 21h.
Entrada: Franca, mas talvez role um couvert.
Local: Bar e Restaurante Norte das Águas, localizado no Complexo do Araxá, zona Sul de Macapá.
Elton Tavares

21 anos sem Cazuzua. O País amadureceu?

                                                                                   Por Darth J. Vader


Semana passada, no dia 07 de julho, foi lembrada a morte de 21 anos de Cazuza, um grande artista-gênio-cantor e, sem saber ou de propósito, ativista dos ‘rebeldes’.

Vamos parar pra pensar: antes, a maioridade vinha aos 21 anos, conforme a lei. Aí o tempo foi passando e esta idade foi diminuindo, até chegar aos 18 (oficialmente).

Duas décadas depois, mesmo com os ensinamentos de Cazuza, o País continua imaturo, um atraso em muitas situações e diria retrógrado em outras. Não é para generalizar, afinal nem todo mundo é igual – só uns mais iguais que os outros (já diria outro compositor).

O que nos disse o grande poeta e que ainda pode ser visto a olhos nus? Muita coisa, a começar pela música ‘Brasil’. É uma beleza falar sobre ela, já que é tema de abertura da novela Vale Tudo, reprisada em um canal da TV Paga.

‘Mostra a tua cara! Quero ver quem paga para gente ficar assim!’

Minha cara é esta: uma jornalista que quer, sim, ajudar a mudar o mundo para melhor. Uma mulher cujos princípios, para alguns, são de extrema necessidade e, para outros, pura utopia vanguardista. Uma mãe que não quer a filha grávida e tenta ensinar a ela o certo e o errado. Uma esposa que quer continuar com um casamento feliz. Um ser humano, simplesmente, que deseja a todos o ‘felizes para sempre’.

É pedir demais, né? #fail.

Luz e sombra

Foto: Elton Tavares.
“Minha sombra corre comigo
 Sob o enorme sol branco
 Minha sombra vem comigo enquanto nós deixamos tudo
 Deixamos tudo para trás”
*Trecho da música Far Behind – Eddie Vedder – Trilha sonora do filmaço “Into the Wild” (Na Natureza Selvagem).