Período de carnaval se torna oportunidade para evangelização através de retiros espirituais

Os dias de comemoração do Carnaval ganham um sentido diferente para alguns católicos. Longe da folia, mas cheio de muita alegria e oração, Novas Comunidades e Movimentos Eclesiais organizam retiros espirituais para promover momentos de evangelização e de experiência com Deus. Além da capital Macapá, os municípios de Laranjal do Jari e Santana sediam eventos no período de 18 a 21 de fevereiro.

Amigos Canção Nova

O grupo de Amigos da Canção Nova realiza em parceria com a Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus em Fazendinha o Celebrai 2023. “Alegrai-vos e exutai” (cf. Mt 5, 2-3) é a inspiração bíblica que norteia a realização do evento que acontece de 18 a 21 de fevereiro. A abertura será no sábado (18/2) às 19h, com missa presidida pelo pároco Jorge. O evento conta ainda com a presença dos missionários padre Bruno Antônio e Orlando Pereira. A entrada é franca.

Comunhão e Libertação

O Encontro de Carnaval CL 2023 acontece de 18 a 21 de fevereiro com o deslocamento dos participantes para a Pousada Bom Jesus, na localidade do Curicaca. A taxa de inscrição é de R$ 150,00 para hospedagem em quarto coletivo. As inscrições serão efetivadas somente mediante comprovação de pagamento encaminhado para o WhatsApp (96)99971-0051. As vagas são limitadas. Para inscrição e informações acesse o link do formulário virtual.

Renovação Carismática

Em Macapá, o Movimento Eclesial da Renovação Carismática Católica do Amapá (RCC Amapá) promove o Alegraí-vos no Senhor 2023. O mais antigo e tradicional retiro espiritual na Diocese de Macapá vai ser realizado nos dias 19, 20 e 21 de fevereiro, na quadra do Centro Diocesano de Pastorais. A programação inicia às 8h e contará com presença de pregadores missionários da Fraternidade Jesus Salvador (Salvistas). A entrada é franca.

Em Santana, a RCC Amapá promove o Vem Louvar de 18 a 21 de fevereiro. A abertura da programação acontece no sábado, às 18h e no domingo (19/2) e na segunda (20/2) a partir das 14h. Na terça-feira (21/2) de carnaval o horário é às 8h. A entrada é gratuita e o evento acontece na Quadra da Igreja São Bento, da Paróquia São Pio.

Em Laranjal do Jari, o Rebanhão acontece nos dias 18 e 19 de fevereiro com uma programação voltada à oração, missa, pregações e adoração. O evento inicia no sábado (18/2) a partir das 14h na Quadra da Escola Estadual Raimunda Capiberibe.

Shalom

A Comunidade Católica Shalom promove em Macapá e em Santana o Renascer de 19 a 21 de Fevereiro. Com o tema “Minha alma engrandece o Senhor”, o Shalom realiza o retiro com Seminário de Vida no Espírito Santo para os novos e cursos de aprofundamento da fé para os demais participantes do evento.

Em Macapá, o Renascer acontece na Escola prof. Lucimar Amoras del Castilho, av. Cora de Carvalho, nº 2849, no bairro Santa Rita. Em Santana, o Renascer será na Escola Estadual Augusto Antunes, na rua Pedro Salvador Diniz, nº 1631, bairro Nova Brasília.

Diocese de Macapá
Pastoral da Comunicação: (96) 98414-2731
www.diocesedemacapa.com.br

Macapá 265 anos: VII Festival de Iemanjá abre a programação de aniversário da cidade

Em silêncio ou fazendo preces em sussurros, pessoas vestindo branco jogam flores e frutas nas ondas do rio amazonas, na praia de Fazendinha. O gesto é repetido todos os anos no dia 2 de fevereiro, dia de Iemanjá. A festividade faz parte do calendário do aniversário de 265 anos de Macapá e abriu a programação oficial.

O evento foi realizado pela Prefeitura de Macapá, em parceria com a Federação Cultural Afro-Religiosa de Umbanda e Mina Nagô (Fecarumina). A festa fortalece a prática dos rituais de umbanda e mina, além de valorizar as manifestações tradicionais de cultura negra na capital.

“É uma honra abrir a programação de aniversário da nossa querida cidade nesta festa tão rica e diversa. Iniciamos nossas comemorações neste festival que tem papel fundamental na inclusão e isso que queremos, queremos que todos sejam incluídos”, destacou o chefe do executivo, Dr. Furlan.

Este ano, as homenagens à Iemanjá aconteceram no balneário de Fazendinha, com a união de diversas casas de matriz africanas. A atividade teve a participação direta do Instituto Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Improir) e da Fundação Municipal de Cultura (Fumcult).

Desde as primeiras horas da tarde, a praia da Fazendinha foi tomada por fiéis e turistas no objetivo de colocarem seus presentes no balaio que, no final da tarde, é depositado no Rio Amazonas, em homenagem a Iemanjá.

Teve roda de capoeira, pronunciamento de autoridades, Rufar de Tambores que entoou as cantigas de louvores e oferendas à Rainha do Mar. O momento de celebração contou também com toar de tambor e a grande roda das casas participantes. Show cultural com grupos das religiões de matrizes africanas encerraram a noite de devoção.

O Instituto Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Improir) fomentou o comércio de peças produzidas por artistas negros de Macapá, com a Feira Afroempreendedora. Ao todo, 15 artesãos apresentaram seus trabalhos.

A programação de aniversário de Macapá se estende por 3 dias, com encerramento no sábado (4), com Missa em Ação de Graças, corrida de rua, competições esportivas e shows musicais na frente do Mercado Central.

Macapá 265

No segundo dia da programação de aniversario, sexta-feira (3) acontece o 1° Festival de Artes Integradas no Centro de Cultura Negra do Amapá Raimunda Ramos (CCNA), no bairro Laguinho. A programação é conta com diferentes segmentos artísticos e culturais: música, artes visuais e literatura. O início é às 17h.

Serviço:

Texto: Maison Brito
Fotos: Rogério Lameira
Secretaria Municipal de Comunicação Social

Macapá 265 anos: Missa em Ação de Graças terá coral e encontro das bandeiras do marabaixo

Macapá completa 265 anos no sábado (4) e vai ter momento de fé e religiosidade com a realização da tradicional Missa em Ação de Graças na Igreja Histórica de São José, no Centro da cidade. A celebração será presidida pelo bispo Dom Pedro José Conti, a partir das 9h.

Além da banda de música que entoará os hinos, terá apresentação do coral “Vozes do Coração”, composto por servidores municipais. Para simbolizar o amor pela cidade, uma pequena procissão dará início à celebração, com bandeiras do Brasil, do Estado do Amapá e do município de Macapá, além de símbolos da igreja católica, como cruz e castiçais com incenso. Todas as peças levadas por personalidades e moradores da capital.

Após a missa, do lado de fora da igreja, acontece o Encontro das Bandeiras do Marabaixo, com a participação de representantes de diferentes grupos e famílias tradicionais que perpetuam a manifestação cultural e de fé por gerações. Som dos tambores, ladrões de Marabaixo e dançadeiras vão encerrar o momento.

Andreia Tavares
Secretaria Municipal de Comunicação

Festival de Iemanjá: atrações artísticas e manifestações afro-religiosas acontecem nesta quinta-feira, 2, em Macapá e Mazagão Novo

Governo do Estado apoia o evento. – Foto: Max Renê

Dia 2 de fevereiro é celebrado o dia de Iemanjá em todo o Brasil. E nesta quinta-feira, 2, acontece o Festival de Iemanjá 2023 em Macapá e Mazagão Novo. A programação irá contar com atrações artísticas e manifestações afro-religiosas.  

O evento é realizado pela Federação de Cultos Afro-religiosos de Umbanda e Mina Nagô (Fecarumina), na capital, e Igba Ase Dan Omi Ilu – Associação Estrela Guia, em Mazagão. O Governo do Estado do Amapá apoia o evento através da Secretaria de Estado de Cultura (Secult) que disponibiliza estrutura para realização do festival. 

Em Macapá, o Festival de Iemanjá acontece no balneário de Fazendinha, a partir das 16h, com momentos com o rufar dos tambores, oferenda à Rainha dos Mares e apresentações artísticas. 

Já em Mazagão, a programação acontece das 16 às 2h, com apresentações de marabaixo e capoeira, banho de cheiro, oferendas à Iemanjá, atrações afro-religiosas, e tambor de Mina Nagô. O evento será na orla de Mazagão Novo. 

Programação Festival de Iemanjá 2023

Macapá

  • Local: Balneário da Fazendinha
  • 16h – Início da programação;
  • 16h30 – Abertura oficial;
  • 17h – Fala das autoridades;
  • 17h30 – Rufar dos tambores e início dos cânticos louvando a Iemanjá;
  • 18h – Oferendas à Rainha do Mar;
  • 18h30 – Continuação das homenagens, com o Troar dos Tambores e a grande roda com as casas participantes;
  • 20h30 – Encerramento do Troar dos Tambores;
  • 21h – Show cultural de encerramento.

Município de Mazagão Novo

  • Local: Orla municipal de Mazagão Novo
  • 16h abertura – Apresentação cultural (Marabaixo e Capoeira);
  • 18h Cerimônia de abertura;
  • 18h30 Banho de cheiro;
  • 18h35 Cerimônia de Oferenda – Casas de matriz africana oferece as oferendas no rio Beija-Flor;
  • 19h30 Atração cultural afro-religiosa: Grupo afoxé dèfon e grupo cultural Estrela guia;
  • 21h Tambor de mina nagô;
  • 02h Encerramento.

Texto: Karla Marques – Ascom GEA

Festival de Iemanjá: homenagens à rainha do mar abrem programação de 265 de Macapá

O Instituto Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Improir), em parceria com a Federação Cultural Afro-Religiosa de Umbanda e Mina Nagô (Fecarumina), promove o Festival de Iemanjá 2023 com uma vasta programação, inclusa no calendário oficial do aniversário de 265 anos de Macapá. Cultura, ancestralidade e religiosidade são o tripé da cerimônia que acontece na Praia da Fazendinha, HOJE, 2 de fevereiro.

O evento inicia às 16h com apresentação de roda de capoeira. Às 16h30 inicia a abertura com pronunciamento das autoridades. O Rufar dos Tambores vai entoar as cantigas de louvores à Iemanjá. Em seguida, às 18h, começam as oferendas à Rainha do Mar.

A festividade continua com o toar de tambor e a grande roda das casas participantes. Show cultural com grupos das religiões de matrizes africanas encerram o Festival de Iemanjá.

Rainha do Mar

Iemanjá é considerada rainha dos mares e protetora dos pescadores e jangadeiros. Assim como outras entidades de terreiros, ela é professada no catolicismo, chamada de Nossa Senhora da Conceição, uma das manifestações da Virgem Maria. Durantes festejos, devotos e pagadores de promessas a homenageiam com canto, dança e orações, jogando flores nas águas.

Acompanhe a Programação:

16h – Apresentação de Capoeira

16h30 – Abertura oficial

17h – Pronunciamento das autoridades

17h30 – Rufar dos tambores e início das cantigas de louvor à Iemanjá

18h – Oferenda à Rainha do Mar

18h30 – Homenagens; toar de tambor e a grande roda das casas participantes

21h – Show cultural de encerramento do Festival de Iemanjá 2023

Serviço:

Evento: Festival de Iemanjá 2023

Local: Praia da Fazendinha, quinta-feira

Data: 2 de fevereiro

Horário: a partir das 16h

Assessoria de comunicação

Hoje é o Dia de Reis #diadereis

Hoje, 6 de janeiro, é comemorado em todo o mundo o Dia de Reis.Esta celebração católica está associada à tradição natalícia, que diz que três Reis Magos do Oriente visitaram o Menino Jesus, na noite de 5 para 6 de janeiro, depois de serem guiados por uma estrela. Eles chamavam-se Belchior, Baltazar e Gaspar e levaram de presente ao Menino Jesus, ouro, incenso e mirra.

A tradição manda que neste dia a família se volte a reunir para celebrar o fim dos festejos de Natal. Os alimentos da Noite de Reis são o bacalhau com batatas cozidas, o bolo-rei, o pão-de-ló, as rabanadas, os sonhos, entre outras iguarias de Natal.

No Brasil, mantém-se em algumas cidades do interior a Festa de Reis, ou Folia de Reis, herdada dos portugueses. Os festejos são cheios de canções e incluem visitação às casas dos moradores, recordando a visita dos reis magos. Os foliões são recebidos com comidas e bebidas e saem das casas com doações para os necessitados.

No Dia de Reis, as famílias começam a retirar os enfeites de Natal que decoram as casas durante a época de Natal.

Especialização em Ciências da Religião seleciona novos alunos

Seguem abertas até 10 de dezembro de 2022 as inscrições para processo seletivo da Especialização em Ciências da Religião, da Universidade Federal do Amapá (Unifap). Interessados devem se inscrever exclusivamente pela internet, no endereço eletrônico https://sigaa.unifap.br/sigaa/public.

O Curso de Especialização em Ciências da Religião objetiva formar profissionais em nível de pós-graduação lato sensu para aprofundamento das questões teóricas e metodológicas do campo das Ciências da Religião, no tocante a questões que envolvam o ensino religioso nas escolas de educação básica (pública e/ou privada), tendo como pressupostos a valorização e reconhecimento da diversidade cultural e religiosa presentes na sociedade brasileira.

Serão ofertadas 50 vagas, sendo 20 vagas destinadas à ampla concorrência; 20 vagas para professores e professoras com atuação no município de Santana, Macapá e do público em geral; 5 vagas para profissionais autodeclarados(as) negro(a), pardo(a) ou indígena; e 5 vagas para profissionais com deficiência.

Para efetivar a inscrição, o(a) candidato(a) deverá preencher Ficha de inscrição e anexar a fotocópia (PDF) do Diploma ou Atestado de Conclusão do Curso de Graduação, Carta Justificativa e histórico escolar do curso de graduação. Para os candidatos que concorrerão na categoria Professores de Santana, Macapá e do público em geral deverão anexar, em PDF, documento comprobatório que comprove o vínculo empregatício com escolas públicas ou privadas do município. Os(as) candidatos(as) que concorrerão na categoria de cotas para negros(as), pardos(as) e indígenas deverão anexar documento comprobatório de autodeclaração.

O processo de seleção terá as seguintes etapas: análise da Carta Justificativa; e análise do histórico escolar do(a) candidato(a). O resultado final está previsto para a partir de 21 de dezembro. As aulas iniciam no dia 9 de janeiro de 2023.

Mais informações sobre o processo seletivo podem ser obtidas no edital de seleção, disponível no link https://www2.unifap.br/cepres/files/2022/11/EDITAL-No-04-PGCR-NOVOS-ALUNOS.pdf, e pelo e-mail [email protected].

Serviço:

Processo Seletivo de novos alunos para a Especialização em Ciências da Religião
Inscrições gratuitas abertas até 10 de dezembro de 2022, exclusivamente pela internet, no endereço eletrônico https://sigaa.unifap.br/sigaa/public. 50 vagas. Edital de seleção no link https://www2.unifap.br/cepres/files/2022/11/EDITAL-No-04-PGCR-NOVOS-ALUNOS.pdf. Informações: [email protected].

Ascom Unifap

Já começou a festa para Imaculada Conceição no quilombo do Curiaú

No quilombo do Curiaú, há 78 anos, Nossa Senhora da Conceição é homenageada com novena, missa, baile, batuque almoço e recreação para as crianças, em uma programação organizada pela família de Joaquina e Joaquim Ramos, o conhecido quilombola Gorgia. Iniciou nesta quinta-feira com a primeira novena, e segue até 10 de dezembro, com o baile. O dia dedicado à santa, 8 de dezembro, é o mais aguardado pelos devotos, que se deslocam de todo o estado para a festividade.

Os festejos foram iniciados pelo casal Joaquim e Joaquina, já falecidos. A matriarca festejava o aniversário dia 8 e faziam também a devoção à Imaculada, com a família e vizinhos, na maloca no terreiro, coberta com palha, e servia-se peixe cozido para agradecer a fartura do alimento. A festa foi crescendo, o número de promesseiros aumentando, e os oito filhos do casal assumiram o compromisso com a santa e a comunidade.

O pequeno espaço onde a programação era realizada hoje é uma sede social, onde são servidas as refeições aos participantes e realizados o batuque, missa e baile. Tem programação para todos, inclusive para as crianças, que aprendem desde cedo a respeitar e ter fé em Nossa Senhora da Conceição. O calendário religioso inicia com a novena, de 1° de dezembro até 7, e cada filho é responsável por um destes dias, com a ajuda de netos, bisnetos e demais familiares.

No dia 8, quando católicos de todo o Brasil rendem homenagem à Imaculada Conceição, a programação começa às 8h, com a Santa Missa, que neste ano será rezada pelo Bispo Dom Pedro Conti, seguida da procissão, às 9h, café da manhã, almoço, recreação infantil e baile. No dia 9 a festa continua com o almoço, jantar e o tradicional batuque. O encerramento é no dia 10 de dezembro, com o baile.

Os festejos seguem os rituais antigos, como as refeições, que ainda são preparadas e servidas pela família e amigos, entre risadas e histórias de antigamente, que começam com o abate dos animais, corte das verduras e legumes, preparação do fogo no chão, e cozimento nas fogueiras do quintal ou na cozinha. Os primeiros a serem servidos são os idosos e músicos da roda de batuque, e durante a missa, todas as atenções são voltadas para a santa.

“Mantemos a tradição de família, recebemos amigos, devotos e a comunidade com muito amor e respeito, mesmos sentimentos que queremos de todos que vierem participar. Passamos a pandemia sem realizar nossa festa, mas desde 2021 voltamos e estamos organizando a programação para que todos se sintam bem, os devotos paguem suas promessas e todos se divirtam”, disse a professora Raimunda Ramos.

(Texto: Mariléia Maciel)

No Dia do Evangélico, banda Discopraise encerra a 2ª edição do Festival de Cultura Gospel em Santana

Numa noite de benção e de unção, nesta quarta-feira, 30, data que marca o Dia do Evangélico no Amapá, a apresentação de banda Discopraise encerrou a programação que marcou a 2ª edição do Festival de Cultura Gospel no município de Santana. Pessoas de várias igrejas e congregações estiveram presentes no evento que passa a fazer parte do calendário cultural da cidade.

O Festival Cultural Gospel foi transmitido ao vivo na página oficial da prefeitura. Durante a noite, apresentações de grupos de teatro, dança, corais e bandas locais, previam o momento de grande adoração. Além da programação cultural, o fomento da economia ajudou dezenas de empreendedores que aproveitam para comercializar comida dos mais variados gostos.

O público atendeu o pedido e a estimativa da organização é que mais de 15 mil pessoas estiveram presentes durante os três dias do festival. Durante as apresentações, verdadeiras demonstrações de fé e religiosidade, principalmente durante as pregações. O prefeito Bala Rocha, num ato profético, entregou a chave da cidade aos pastores da igreja evangélica e destacou a importância da ação.

“Esse é um ato simbólico que demonstra toda fraternidade entre o povo. Temos diversas religiões e o mais importante é essa união em prol da evangelização. Foram três dias de louvor, adoração e de muita fé. Em especial, dedico esse festival aos jovens que promoveram brilhantemente apresentações lindas e carregadas de fé. Conseguimos unir a cultura com o gospel e isso demonstra todo o potencial de novos talentos dos novos jovens, seja na música, dança ou teatro”, disse o gestor.

A 2ª edição do Festival de Cultura Gospel recebeu recursos oriundos de emendas federais da deputada federal Marcivância Flexa, além de parceiros como a Faculdade Madre Tereza, entre outros. Durante os dias de programação, mais de 80 atrações se apresentaram, o que acabou agradando o público que esteve no local.

“Eu não sou evangélico e gostei bastante das apresentações. O que consegui notar, é a demonstração de muita fé que surgiu com as apresentações culturais do segmento gospel. De um modo geral, eu gostei bastante e tomara que seja realizado todos os anos”, disse a policial feminina Andréa Santos.

Na noite de encerramento, teve ainda apresentação da banda Aos Pés da Cruz, New Life Dance, As Manas, do cantor Jeferson Costa entre outras. No momento mais esperado, quando a banda Discopraise pisou no palco, o público vibrou e pulou a cada louvor tocado. Momentos de grande adoração também, principalmente, quando o cantor Clayton O’Lee testemunhou, encerrando o evento.

Jonhwene Silva
Assessor de Comunicação, Prefeitura de Santana

Hoje é o Dia do Evangélico

 


Hoje, 30 de novembro, é o Dia do Evangélico. A data foi instituída no município de Santana e no estado do Amapá, em 2003 e 2004, respectivamente. Ambas as Leis foram homenagens aos evangélicos amapaenses, que de acordo com a história, formou-se mediante muitas perseguições. Os evangelizadores foram vítimas de vários ataques.

De acordo com a história, uma decisão radical do antigo vigário de Macapá, Padre Júlio Maria Lombaerd, ordenou a queima de livros dos protestantes em praça pública, com a ajuda da polícia e convocação da população.

Motivado pelas leis amapaenses, o então presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, por meio da Lei nº 12.328, de 15 de setembro de 2010, instituiu o Dia Nacional do Evangélico a ser comemorado em 30 de novembro de cada ano.

De acordo com o G1 Amapá, 28% da população amapaense é evangélica. Cerca de 187 mil protestantes. Ou seja, a cada 10 amapaenses, três são da religião cristã.

Então, sou totalmente a favor da liberdade religiosa, ideológica e de expressão. Reconheço o importante trabalho social dos evangélicos, que combatem a pobreza, drogas, prostituição, fome e outros males sociais. Porém, sou contra a pregação sem limites de uma meia dúzia e a corrupção de alguns poucos seguidores da referida religião.

Gosto do espiritismo. Já a maioria da minha família é católica e alguns são evangélicos. Acredito que todos procuram ser felizes com a religião que lhes parecer mais aprazível. Sou a favor da laicidade, tenho amigo evangélico, umbandista, espírita, messiânico, budista, católico, ateu ou jedi. Por mim, cada um com a sua devoção e respeito a fé de todos. Acredito em Deus e graças a ELE, tenho uma sorte dos diabos. Sim, minha aliança sempre foi com Deus.

Um grande abraço aos irmãos cristãos, sobretudo aos que exercem sua crença e fé com respeito com outras religiões. Em especial os amigos Tanha Silva e José Seixas, ambos exemplos de como é ser um cristão, de fato. Parabéns aos evangélicos pelo seu dia!

Elton Tavares

Festival de Cultura Gospel de Santana reúne dezenas de fiéis na 1ª noite do evento

A noite de segunda-feira (28) atraiu dezenas de fiéis à Praça do Fórum de Santana, situada no bairro Vila Amazonas, para prestigiar a primeira noite de atrações culturais do segmento gospel local.

“Serão três dias de muito louvor e adoração, é o povo de Deus ocupando a Praça do Fórum e realizando sua evangelização, em comemoração também ao Dia do Evangélico, que será esta quarta-feira (30), e nós convidamos todos vocês para fazer parte deste ato religioso que acontecerá aqui, com a presença da banda nacional, Discopraise”, anunciou o gestor municipal, Sebastião Bala Rocha.

A 2ª edição do festival, que agora integrará o calendário de programações anuais do município, levou ao palco 26 atrações nesta segunda e animou o público com música, dança e apresentações teatrais. Segundo um dos organizadores do festival, Sirlei Viana, a iniciativa começou a ser moldada há um ano pelas mãos de vários irmãos em um período de muitas incertezas, em função da pandemia. Na época, a única certeza que tinham era que precisavam semear o bem e revelar para a sociedade os talentosos artistas que nasciam nas igrejas.

“A nossa expectativa é ainda maior para este ano, na primeira vez nós tivemos que fazer no formato de live, e agora as expectativas aumentaram. Nós esperamos que os irmãos participem, para que possamos juntos engrandecer o nome do nosso Senhor nestes 3 dias de evento”, afirmou.

Além disso, o evento contou ainda com R$150 mil de recursos alocados pela deputada Marcivânia Flexa e apoio da Prefeitura de Santana para montagem da estrutura do palco; expositores para os artesãos e barracas para a venda de alimentos.

O espetáculo continuou na noite desta terça-feira (29) e segue até hoje (30), em comemoração ao Dia do Evangélico, o festival iniciará às 08h na Praça do Fórum com oferecimento de diversas ações sociais, de atendimentos médicos à cortes de cabelo, incluindo um delicioso café da manhã. À noite, a partir das 19h, a banda brasiliense Discopraise sobe ao palco para encerrar o festival com chave de ouro.

Luana Silveira
Assessoria de Comunicação, Prefeitura de Santana

2° Festival de Cultura Gospel acontece com apoio da Prefeitura de Santana

Com o objetivo de estimular projetos culturais do segmento gospel e promover integração social, acontecerá nos dias 28, 29 e 30 de novembro a 2ª edição do Festival de Cultura Gospel na Praça do Fórum de Santana.

Com emenda de R$150 mil reais da parlamentar Marcivânia Flexa, o evento contará com um menu cultural variado e promete mais de 80 atrações locais e uma nacional, divididas por segmentos, sendo eles: Teatro, dança, banda e cantor solo. Contará ainda com praça de alimentação e comercialização de itens Gospel.

Segundo Morena Trindade, uma das organizadoras do evento, o festival tem como missão fomentar a participação de grupos Gospel e outras manifestações cristãs, divulgando a cultura gospel como patrimônio nacional.

‘O principal objetivo é exaltar o nome de Cristo, fomentando projetos culturais cristãos de integração social, para visibilizar a mensagem de paz, edificação, amor e respeito’, disse.

Confira a programação para os 3 dias de festival

28/11 – Abertura oficial às 19h

Participação especial: Coral do Supermercado Fortaleza

1ª apresentação – Cantora: Nanda Carvalho. Proponente/Responsável: Fernanda Carvalho Barbosa

2ª apresentação – Dança: Agnus Dei. Proponente/Responsável: Josiane Marques

3ª apresentação – Banda: Missões Kids. Proponente/Responsável: Jaqueline Sobral Marques

4ª apresentação – Teatro: Companhia De Teatro Em Chamas. Proponente/Responsável: Genilson Fernandes Da Silva

5ª apresentação – Cantora: Cantora Divina De Jesus. Proponente/Responsável: Maria Divina Silva Santos

6ª apresentação- Dança: Companhia De Dança Oasis. Proponente/Responsável: Ekidayane Pinto Picanço Pronunciamento De Autoridades

7ª apresentação – Banda: New Hope. Proponente/Responsável: Heltennys Dantas Silva Gonçalves

8ª apresentação – Teatro: Paz Nas Ruas. Proponente/Responsável: Angela Brasil

9ª apresentação – Cantora: Shirlei Amaral. Proponente/Responsável: Shirlei Gomes Amaral

10ª apresentação – Dança: Grupo De Dança Gotas Vivas. Proponente/Responsável: Edmara Caroline Santos Ribeiro

11ª apresentação – Banda: Banda Kerigma. Proponente/Responsável: Karla Karoline Castro Guedes Liderança Cristã

12ª apresentação – Teatro: Grupo Elyan. Proponente/Responsável: Ingrid Gisele Martins

13ª apresentação – Cantora: Elizabeth Silva. Proponente/Responsável: Elizabeth Dos Santos Silva

14ª apresentação – Dança: Grupo De Dança Zamar. Proponente/Responsável: Aline Ane Amaral Da Silva

15ª apresentação – Banda: Banda Ágape. Proponente/Responsável: Victor Alefer

16ª apresentação: Cantor: Roger Clinton. Proponente/Responsável: Roger Clinton Corrêa Cardozo Liderança Cristã

17ª apresentação – Banda: Banda Bezalel. Proponente/Responsável: Silas Da Silva Veloso

18ª apresentação – Cantor: Carlos Alberto. Proponente/Responsável: Carlos Alberto

19ª apresentação – Cantor: Darlan Martins. Proponente/Responsável: Darlan Martins Nogueira

20ª apresentação – Banda: Ministério Vida Nova. Proponente/Responsável: Hugo Gustavo

21ª apresentação – Cantora: Talita Batista. Proponente/Responsável: Talita Batista Liderança Cristã

22ª apresentação – Banda: Servus D8-7. Proponente/Responsável: Paulo Sérgio Dos Santos Júnior

23ª apresentação – Cantora: Dil. Proponente/Responsável: Edilma De Carvalho Benício

24ª apresentação – Cantora: Keylla Cavalcante. Proponente/Responsável: Keila Cristina David Cavalcante

25ª apresentação – Banda: Banda & Som Graça. Proponente/Responsável: Augusto Cézas Fernandes Pereira

26ª apresentação – Banda: Banda Metanóia. Proponente/Responsável: Matheus Silva Da Silva Liderança Cristã

Encerramento oficial – 23h30min

Dia 29/11 – A partir das 19h

1ª Apresentação: Cantora: Shirley Cristina Guerreiro Trindade Proponente/Responsável: Shirley Cristina Guerreiro Trindade

2ª Apresentação – Dança: Grupo Pequeninos Do Senhor Proponente/Responsável: Tais Moreira Maciel

3ª Apresentação – Teatro: Grupo Arte Gospel Proponente/Responsável: Marlene Albuquerque De Moraes Martins

4ª Apresentação – Banda: Adorando Em Família – Márcia Batista Proponente/Responsável: Marcilene Braga Batista

5ª Apresentação – Cantor: Djavan Cardoso Proponente/Responsável: Djavan Cardoso Nunes Liderança Cristã

6ª Apresentação – Dança: Ester & Cia Proponente/Responsável: Otniel Barroso Dos Santos

7ª Apresentação – Teatro: Anfiteatro & Cia Proponente/Responsável: Edilane Santos Souza

8ª Apresentação – Banda: Acústico Gospel Proponente/Responsável: Deuzelino Sobral Marques

9ª Apresentação – Cantor: Léo Duarte Proponente/Responsável: Leonaio Duarte Dos Santos

10ª Apresentação – Banda: Luzeiros Proponente/Responsável: Mateus Machado De Souza Liderança Cristã

11ª Apresentação – Teatro: Impactando Vidas Proponente/Responsável: Valdeise Martins Dos Santos

12ª Apresentação – Cantor: Sílvio César Proponente/Responsável: Sílvio César Cardoso De Oliveira

13ª Apresentação: Teatro: Missão Jovens Em Reforma Proponente/Responsável: Maria De Nazaré Pessoa

14ª Apresentação – Banda: Ronni Santos & Banda Proponente/Responsável: Ronni Dos Santos Ferreira

15ª Apresentação – Cantor: Nathanael Rocha Proponente/Responsável: Nathanael Assunção Da Rocha Liderança Cristã

16ª Apresentação – Dança: Ministério De Dança Ágatas Proponente/Responsável: Paula Cristina Souza Da Cruz

17ª Apresentação – Teatro: #Jesus Vivo Em Cena# Proponente/Responsável: Cinara Da Silva Pinto De Melo

18ª Apresentação – Banda: Ministério De Louvor Aba Pai Proponente/Responsável: Antônio Carlos De Oliveira Castro

19ª Apresentação – Cantora: Andresa Araújo Proponente/Responsável: Andresa Araújo

20ª Apresentação – Dança: Prodígios Proponente/Responsável: Ednei Santana Guedes Liderança Cristã

21ª Apresentação – Teatro: Companhia De Teatro Ribaltas Proponente/Responsável: Rui Prata

22ª Apresentação – Cantora: Taís Moraes Proponente/Responsável: Tais De Moraes Garcia

23ª Apresentação – Banda: Hosana Moraes Proponente/Responsável: Hosana Moraes

24ª Apresentação – Cantora: Isabella Moraes Proponente/Responsável: Isabella Moraes

25ª Apresentação – Banda: Banda Kairós Proponente/Responsável: Jairo Borges Alves

26ª Apresentação – Banda: Ministério Shekinah Proponente/Responsável: Ministério De Louvor Shekinah

Encerramento oficial – 23h30min

Dia 30/11

Às 08h na Praça do Fórum – Abertura de Ação Social em paralelo à programação musical

1ª Apresentação – Cantor: Erivan Figueiredo. Proponente/Responsável: Erivan Luciano Da Silva Figueiredo

2ª Apresentação – Teatro: Lara Camila E Banda. Proponente/Responsável: Lara Camila Brandão

3ª Apresentação – Dança: Livres Para Adorar. Proponente/Responsável: Valeria Priscilla Campos Dias

4ª Apresentação – Cantora: Duda De Jesus. Proponente/Responsável: Maria Eduarda Do Carmo De Jesus

5ª Apresentação – Cantor: Lukas Santos. Proponente/Responsável: Lukas Santos Santana Liderança Cristã

6ª Apresentação – Teatro: Ludimila Barbosa Guedes. Proponente/Responsável: Ludimila Barbosa Guedes

7ª Apresentação – Dança: Grupo De Dança Divina Aliança. Proponente/Responsável: Roseni De Oliveira Dias

8ª Apresentação – Banda: Lucas 11. Proponente/Responsável: Johnatan Avelino Paiva Moreira

9ª Apresentação – Cantora: Ministério De Louvor Maanaim. Proponente/Responsável: Oziel Nunes De Moraes

10ª Apresentação – Teatro: Guerreiros Do Palco. Proponente/Responsável: Ruan Da Paixão Dos Santos Liderança Cristã

11ª Apresentação – Dança: Ministério Renovação. Proponente/Responsável: Tainara Santos Dos Santos

12ª Apresentação: Banda: Banda Éden. Proponente/Responsável: Fabiana Silva Dos Santos

13ª Apresentação – Cantora: Joana Paula. Proponente/Responsável: Joana Paula Pessoa Da Costa

14ª Apresentação – Cantora: Joabe E Larissa. Proponente/Responsável: Joabe E Larissa

15ª Apresentação – Dança: Filhos Da Promessa. Proponente/Responsável: Silvio Souza Silva Liderança Cristã

16ª Apresentação – Banda: Banda Sétimus. Proponente/Responsável: Azarias Dos Santos Ferreira

17ª Apresentação – Cantora: Tayelly Dayane. Proponente/Responsável: Tayelly Dayane Braga Alexandre

18ª Apresentação – Cantora: Jaylla Sarah. Proponente/Responsável: Jaylla Sarah

19ª Apresentação – Cantor: Zaka Brasil. Proponente/Responsável: Zacarias Brasil

20ª Apresentação – Cantor: Ton. Proponente/Responsável: Wircleton Pereira Da Conceição Liderança Cristã

21ª Apresentação – Banda: Ministério Graça & Louvor. Proponente/Responsável: Jéssica Nascimento

22ª Apresentação – Banda: Banda Efésios. Proponente/Responsável: Gleison Farias

23ª Apresentação – Cantor: Gio Silva. Proponente/Responsável: Gideão Silva

24ª Apresentação – Banda: Banda Êxodos. Proponente/Responsável: Emerson Da Silva Alves

Encerramento oficial – 14h

No mesmo dia, a partir das 19h

1ª Apresentação – Banda: Aos Pés Das Cruz. Proponente/Responsável:

2ª Apresentação – Dança: Nem Life Dance. Proponente/Responsável:

3ª Apresentação – Banda: Ministerio De Louvor Herança Divina. Proponente/Responsável:

4ª Apresentação – Banda: As Manas. Proponente/Responsável:

5ª Apresentação – Cantor: Jefferson Costa. Proponente/Responsável: Jefferson Costa

6ª Apresentação – Dança: Grupo De Dança Estrela Da Manhã. Proponente/Responsável:

7ª Apresentação – Dança: Coral Kairós. Proponente/Responsável:

8ª Apresentação – Banda: Banda H7. Proponente/Responsável: Sérgio Rocha De Souza

9ª Apresentação – Banda Discopraise. Atração nacional.

Encerramento Oficial

Luana Silveira
Assessora de Comunicação, Prefeitura de Santana.

Encontro dos Tambores, aniversário da UNA e show da Grazzi Brasil movimentam os últimos dias do Mês da Consciência Negra 2022

A Semana da Consciência Negra 2022 continua com o Encontro dos Tambores, show com a sambista Grazzi Brasil e aniversário de 36 anos da União dos Negros do Amapá (UNA). A programação iniciou dia 17 de novembro, com os cultos afros, hip-hop, reggae, shows com artistas regionais, e serviços de saúde, exposições e afroempreendedorismo. O ponto forte deste ano foi a reinauguração do Centro de Cultura Negra do Amapá –CCNA Raimunda Ramos, que foi reformada com recursos de emendas parlamentares e da Prefeitura de Macapá (PMM).

Encontro dos Tambores

Das comunidades tradicionais que preservam a cultura do marabaixo, batuque, saíré, zimba e tambor de crioula, estão se apresentando 46 grupos no anfiteatro do CCNA, todas as noites das 19:30 às 23h. Os grupos são formados por pessoas de todas as idades, que se apresentam com roupas características das danças afroamapaenses, levando as bandeiras das comunidades e santos padroeiros. No palco, percussionistas e o coral, formados pelos moradores e convidados. É a celebração da resistência da cultura afro e reencontro das famílias e amigos.

36 anos da UNA

Em 1986, descendentes dos primeiros moradores do Amapá se reuniram para organizar o movimento negro e foi criada a UNA, primeira entidade do Amapá a lutar por direitos, respeito e valorização da cultura dos povos negros do estado. Seu primeiro presidente foi o advogado e ex-deputado estadual Paulo José, que junto com outras lideranças, esteve à frente das manifestações que resultaram em conquistas como Leis em defesa dos povos e cultura afro, reconhecimento da identidade regional, que institucionalizou oficialmente o Ciclo do Marabaixo, Encontro dos Tambores, Mês da Consciência Negra, e a construção do CCNA.

Para comemorar o aniversário, será cantado parabéns às 20h do dia 25, com a presença de autoridades, pioneiros, personalidades e representantes dos movimentos afro do Amapá. Em seguida a programação continua, com apresentação de grupos de capoeira e comunidades tradicionais.

Grazzi Brasil

A sambista paulista Grazzi Brasil é atração nacional do evento. Cantora, compositora e intérprete, ela começou a carreira no carnaval de São Paulo, onde conquistou o título de primeira mulher negra intérprete de escola de samba, em 2018. Grazzi começou a cantar aos 13 anos, inspirada em Clara Nunes e Elis Regina, integrou o elenco do musical em homenagem ao Cartola, e em seu repertório, sambas de compositores consagrados.

No meio carnavalesco, Grazzi se divide entre escolas do Rio de Janeiro e São Paulo, mas ganhou o Brasil quando interpretou o samba da carioca Paraíso do Tuiutí, em 2018, “Meu Deus, Meu Deus, está extinta a Escravidão?”. Grazzi se impôs no cenário nacional no patamar de Elza Soares, Leci Brandão e Dona Ivone Lara, por conquistar espaço como mulher negra na música. No Amapá, seu repertório será de samba de raiz, samba de enredo e samba de caboclo, acompanhada de quatro ogãs de casas de cultos afros amapaenses.

E em 2022 o tema do Mês da Consciência Negra – 27º Encontro dos Tambores é “Centro de Cultura Negra do Amapá – CCNA 24 anos de Resistência, História e Luta”. O evento é uma realização da UNA, e tem o apoio da Prefeitura de Macapá (PMM), Governo do Estado (GEA), senador Randolfe Rodrigues, deputado federal Camilo Capiberibe, deputada estadual Cristina Almeida, vereadores Dudu Tavares e Claudiomar Rosa e Prefeitura de Mazagão.

Assessoria de Comunicação-27° Encontro dos Tambores

Oton Miranda de Alencar é jubilado e passa a presidência da maior igreja evangélica do Amapá, para o Pr. Iacy Pelaes.

Um “exército” de fiéis foram assistir o momento considerado histórico para os cristãos evangélicos do Amapá, a Jubilação de Oton Alencar, até ontem, presidente da igreja mãe do evangelho no estado.

Pr. Oton, é uma figura bem conhecida no estado, pelo trabalho exercído a frente da Ass. De Deus A Pioneira. Um legado, herdado por seu pai, o saudoso Pr.Otoniel Alencar.

Desde então, a igreja teve um crescimento exponencial e passou a ter congregações em todo estado, bem como em regiões de missões que ultrapassam os solos brasileiros.

Já em fase de aposentadoria, o líder resolveu passar na noite de ontem, a presidência da igreja a seu vice, Pr. Iacy Pelaes.

Conhecido por seu vasto trabalho a frente dos encontros de casais com Cristo (ECC), Iacy esteve como vice presidente da igreja por 15 anos, ganhando a simpatia e confiança dos fiéis, e hoje a presidência da instituição.

Para alguns membros, esse é um tempo histórico e desafiador para a igreja que já estava acostumada com a direção de Oton, que é reverenciado pelos membros e tratado por todos, como um pai.

Iacy por sua vez, tem a missão de fazer melhor, e traz consigo a responsabilidade da continuidade de uma brilhante administração, carregada do peso de honra que foi dada a Oton, não só Amapá mas no Ass. De Deus e nas mais importante convenções do Brasil inteiro.

“Eu estou regozijado pelo dever cumprido na obra de Deus! Fazendo votos que meu sucessor tenha sucesso com o cajado que lhe foi outorgado, para Gloria de Deus!” – ressaltou Pr. Oton.

A igreja apoiou e aceitou a mudança de presidente, como forma de obediência e pela necessidade de dar a Oton um tempo de descanso para cuidar da família e saúde, depois de mais de 4 décadas como pastor.

Assessoria de comunicação