Covid-19: Prefeitura de Macapá lança segundo edital para contratação temporária de 422 profissionais da saúde

A Prefeitura de Macapá lançou nesta quinta-feira, 14 de maio de 2020, o segundo edital do Processo Seletivo Simplificado da Saúde para a contratação temporária de novos profissionais. As inscrições são gratuitas e vão até as 18h do dia 16 de maio de 2020. Serão disponibilizadas 422 para enfermeiros, técnicos em enfermagem, farmacêuticos, biomédicos e outros profissionais que atuarão no enfrentamento da Covid-19.

Segundo o prefeito de Macapá, Clécio Luís, o aumento do número de casos na capital amapaense e a carência no quadro são fatores para a realização do novo processo. “Precisamos reforçar ainda mais a nossa frente de combate à Covid-19 em nossas Unidades Básicas de Saúde. O aumento do número de casos também afastou alguns profissionais por licença médica, por infecção pelo Coronavírus ou por fazerem parte do grupo de risco. Os novos profissionais devem vir com esse sentimento de ajudar a cuidar e a dar esperança ao nosso povo. Temos que unir forças, cada vez mais, e usar todos os recursos possíveis para sairmos vitoriosos nesta luta”, enfatizou.

As contratações terão prazo de 120 dias (4 meses), podendo ser prorrogado por igual período. O processo seletivo se dará por meio de análise curricular, seguindo critérios estabelecidos em edital, disponibilizado no link: http://processoseletivo.macapa.ap.gov.br/inscricao/edital-no-007-2020-gestao-pmm-ii-processo-seletivo-simplificado-para-area-da-saude/.

De acordo com o secretário de Gestão de Macapá, Michel Fonseca, o candidato deve ficar atendo a todas as exigências estipuladas em edital. “Vale ressaltar que ele deverá enviar, além do currículo profissional, os documentos digitalizados exigidos em edital, constantes nos itens 5.1 e 5.2”, explicou. Ainda de acordo com Fonseca, o novo processo abre vagas para profissionais com mais de um vínculo, desde que tenham horários compatíveis.

O resultado será divulgado dia 22 de maio, no site da Prefeitura de Macapá (www.macapa.ap.gov.br). Os candidatos habilitados deverão se apresentar, munidos dos documentos comprobatórios, na Escola Municipal de Ensino Fundamental Hildemar Maia, localizada na Avenida Cônego Domingos Maltês, nº 52, Trem.

Às pessoas com deficiência, é assegurado o percentual mínimo de 5% das vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade do certame, exceto para a função de condutor de ambulância de urgência e emergência.

Das vagas

Nível superior

Enfermeiros – ampla concorrência: 151 / Pessoas com deficiência: 08

Biomédico – ampla concorrência: 12 / Pessoas com deficiência: 01

Farmacêutico – ampla concorrência: 20 / Pessoas com deficiência: 02

Fisioterapeuta – ampla Concorrência: 20 / pessoas com Deficiência: 01

Nível técnico

Técnico em Enfermagem – ampla concorrência: 184/ Pessoas com deficiência: 10

Técnico Laboratorial – ampla concorrência: 44/ Pessoas com deficiência: 03

Condutor de Ambulância – ampla concorrência: 01 / Pessoas com deficiência: 00

Salário inicial

Enfermeiros – R$ 2.100,00

Biomédicos – R$ 2.100,00

Farmacêuticos – R$ 2.100,00

Fisioterapeuta – R$ 2.100,00

Técnicos em enfermagem – R$ 1.216,80

Técnico laboratorial – R$ 1.216,80

Condutor de ambulância – R$ 1.045,00

Cronograma

14/05/2020 (quinta-feira) – Lançamento do edital;

14, 15 e 16/05/2020 (quinta, sexta e sábado) – Prazo de inscrição;

18/05 das 8h às 14h (segunda-feira) – Avaliação da Junta Médica para pessoas com deficiência;

18, 19 e 20/05 (segunda, terça e quarta-feira) – Análise documental;

22/05 (sexta-feira) – publicação do Resultado;

23/05/20 (sábado) – Apresentação.

Secretaria de Comunicação de Macapá
Amelline Borges
Assessora de comunicação

Boletim oficial 14/05, às 15h: Amapá tem 3.428 casos confirmados de coronavírus; em Macapá são 2.353 casos e 101 óbitos em decorrência do Covid-19 #FicaEmCasa

O Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COESP) traz novo relatório com dados sobre o Covid-19 no Amapá com 423 novos casos confirmados, sendo 363 em Macapá, 09 em Santana, 33 em Laranjal do Jari, 02 em Oiapoque, 06 em Porto Grande, 01 em Serra do Navio, 03 Vitória do Jari, 01 em Tartarugalzinho, 04 em Amapá e 01 em Ferreira Gomes.

Também há a notificação de mais 07 óbitos, ocorridos entre os dias 29 de abril e 13 de maio. Em Macapá, as vítimas são 02 mulheres, uma de 67 anos (sem comorbidades) e outra de 79 anos (hipertensa e diabética). E também 03 homens, um de 75 anos (hipertenso), um de 40 anos (sem comorbidades) e um de 74 anos (sem comorbidades). Em Laranjal do Jari, um homem de 56 anos (sem comorbidade). Já no município de Amapá, o registro é de um homem de 69 anos, sem comorbidade declarada.

Painel geral de casos pelo COVID-19:

Casos confirmados: 3.428 (sendo 2.353 em Macapá, 470 em Santana, 07 Calçoene, 30 em Cutias do Araguari, 11 em Ferreira Gomes, 09 em Itaubal, 237 em Laranjal do Jari, 45 em Mazagão, 59 em Oiapoque, 43 em Pedra Branca, 63 em Porto Grande, 01 em Pracuúba, 36 em Serra do Navio, 12 em Tartarugalzinho, 42 em Vitória do Jari e 10 no município de Amapá).

Recuperados: 1.014
Óbitos: 101

Casos confirmados hospitalizados: 110 total
Sistema público: 56 (24 em leito de UTI / 32 em leito clínico)
Sistema privado: 54 (34 em leito de UTI / 20 em leito clínico)

Isolamento domiciliar: 2.203
Em análise laboratorial: 5.896
Descartados: 3.663

Informações sobre casos suspeitos declarados pelos municípios:

Macapá: 3.241
Santana: 923
Laranjal do Jari: 315
Mazagão: 310
Oiapoque: 154
Pedra Branca do Amapari: 59
Porto Grande: 142
Serra do Navio: 54
Vitória do Jari: 153
Itaubal: 21
Tartarugalzinho: 59
Amapá: 79
Ferreira Gomes: 29
Cutias do Araguari: 87
Calçoene: 36
Pracuúba: 0
Total: 5.662

Casos suspeitos hospitalizados: 168

Assessoria de comunicação do GEA

Boletim oficial 13/05, às 14h30: Amapá tem 3.005 casos confirmados de coronavírus; em Macapá são 1.990 casos e 94 óbitos em decorrência do Covid-19 #FicaEmCasa

O Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COESP) traz novo relatório com dados sobre o Covid-19 no Amapá trazendo 95 novos casos confirmados, sendo 24 em Macapá, 27 em Santana, 18 em Laranjal do Jari, 01 em Oiapoque, 11 em Porto Grande, 03 em Serra do Navio, 03 Vitória do Jari, 01 em Tartarugalzinho, 04 em Ferreira Gomes e 3 em Calçoene.

Também há o registro de 8 óbitos ocorridos entre os dias 28 de abril e 13 de maio. Em Macapá, 3 homens, um de 36 anos (com doença respiratória crônica), 72 e 79 anos (ambos sem comorbidades). E uma mulher de 76 anos (cardíaca e diabética). Em Laranjal do Jari, três homens: um de 56 anos (sem comorbidades), outro de 44 ano (sem comorbidades) e o outro de 75 anos (diabético). Em Porto Grande, um homem de 86 anos com comorbidade relacionada a hipertensão.

Painel geral de casos pelo COVID-19:

Casos confirmados: 3.005 (sendo 1.990 em Macapá, 461 em Santana, 07 Calçoene, 30 em Cutias do Araguari, 10 em Ferreira Gomes, 09 em Itaubal, 204 em Laranjal do Jari, 45 em Mazagão, 57 em Oiapoque, 43 em Pedra Branca, 57 em Porto Grande, 01 em Pracuúba, 35 em Serra do Navio, 11 em Tartarugalzinho, 39 em Vitória do Jari e 06 no município de Amapá).

Recuperados: 862
Óbitos: 94

Casos confirmados hospitalizados: 108 total
Sistema público: 60 (26 em leito de UTI / 34 em leito clínico)
Sistema privado: 48 (25 em leito de UTI / 23 em leito clínico)

Isolamento domiciliar: 1.941
Em análise laboratorial: 5.418
Descartados: 3.276

Informações sobre casos suspeitos declarados pelos municípios:

Macapá: 3.690
Santana: 923
Laranjal do Jari: 315
Mazagão: 285
Oiapoque: 151
Pedra Branca do Amapari: 59
Porto Grande: 134
Serra do Navio: 47
Vitória do Jari: 138
Itaubal: 21
Tartarugalzinho: 61
Amapá: 53
Ferreira Gomes: 29
Cutias do Araguari: 69
Calçoene: 36
Pracuúba: 0

Total: 6.011

Casos suspeitos hospitalizados: 167

Assessoria de comunicação do GEA

Amapá Solidário: ajude famílias atingidas pela pandemia de covid-19 no estado

O Amapá Solidário surgiu dos esforços de uma rede de voluntários que criou uma espécie de grupo para amparar diversas iniciativas de combate, prevenção e apoio às famílias atingidas pela pandemia de covid-19 no estado. O projeto reúne um coletivo com nove ações sociais que pretendem amparar cerca de 35 mil famílias.

A ideia surgiu em favor da conscientização acerca da prevenção, como forma de conter os avanços da doença, considerando fundamentalmente que as medidas preventivas devem ser acompanhadas de políticas assistenciais emergenciais de combate à fome e à desinformação e de cadastramento das pessoas em vulnerabilidade social nos programas de transferência de renda.

“Tempos como o que vivemos são também de reflexão sobre a vivência em sociedade. Como podemos contribuir para que essas ações impactem cada vez mais pessoas e salvem mais vidas?”, disse Rafael Araújo, voluntário do projeto.

Dentre os objetivos do Amapá Solidário estão arrecadar e distribuir alimentação, máscaras de uso não profissional e produtos de higiene. Além de construir uma rede de solidariedade entre sociedade civil, iniciativa privada e poder público nas três esferas.

Bem como, conscientizar, através de informações científicas, sobre a importância do isolamento social, combater as fake news, disseminar serviços delivery’s essenciais por bairro, além de apoio psicológico e jurídico.

“A solidariedade e a empatia são fundamentais para que a gente possa tecer estratégias de cuidado coletivo, sobretudo com os mais vulneráveis aos impactos da pandemia. Apoiar e manter vivo os laços de conexão afetiva com as pessoas”, explicou Alzira Nogueira, voluntária.

Outras entidades podem ser adicionadas à plataforma, basta fazer contato com os envolvidos e preencher um cadastro de informações. Maiores informações: Alzira – 99138-7549

Vejam abaixo a lista de locais de arrecadação de alimentos, produtos de higiene ou equipamentos de proteção de uso pessoal:

Igreja Nossa Senhora de Nazaré (Cáritas Diocesana)
Av. Coqueiro 400, Bairro Brasil Novo
Robertinho – 9908-6761

Igreja São Raimundo Nonato (Cáritas Diocesana)
Av. das Bacabas 648, Bairro Açaí
Robertinho – 9908-6761

Congregação Betel – Assembleia de Deus A Pioneira
Av Padre Júlio 2963 entre Paraná e Marcelo Cândia.
Euclides – 98114-3449

Comunidade Evangélica Reviver
Av. Ernestino Borges 1224, Bairro Jesus de Nazaré.
Segunda à Sexta-Feira, 08h às 12h.
Lucas Abrahao – 98101.0301

Assembleia de Deus Igarapé da Fortaleza
Rod. Salvador Diniz, 980 – Fortaleza, Santana.
Segunda à Sexta-Feira, 08h às 12h.

Centro de Atendimento às Famílias (CAF)
Rua Cláudio Lúcio Monteiro, 1717, Remédios II, Santana, CEP 68.927-003. Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Santana.
José Maria – 98133-4062

Centro de Atividades Sociais da Periferias (CASP)
Av Francisco Torquato de Araujo (10 do Congós) , 1151Carmem Duarte
Telefone: 98405-0597

Ajeum – Coletivo de Ekedjys e Ogãns de Macapá
Ekedjy Alice – 96 98419-0943
Ekedjy Elane – 96 99123-803
Ogãn Kayango – 96 98134-2004

Ministério Betel
Mendonça Furtado, 1741
Simone Palheta – 98140-4000

Central Única das Favelas (CUFA-AP)
Av. Francisco Torquato de Araújo, 1151,
Bairro Congós, Macapá-AP. CEP: 68900-000
Izam Cabrero – 96 98412-2388

Juventude de Terreiros/ Congá de São Jorge
Rua Francisco Xavier das Chagas, 477,
Jardim Felicidade I
Jomar Filho – 96 98803-7656

DCE Unifap
Rodovia JK, Campus Marco Zero
Daniel Lima – 99112-1076

Covid-19: Prefeitura de Macapá divulga resultado da chamada pública para contratação temporária de médicos

A Prefeitura de Macapá divulgou nesta terça-feira,12 de maio de 2020, a lista dos habilitados no processo de chamada pública para a contratação temporária de 50 profissionais médicos na capital amapaense. De acordo com o secretário municipal de Gestão, Michel Fonseca, foram classificados 32 médicos nas modalidades diaristas e plantonistas.

O resultado está no link: http://processoseletivo.macapa.ap.gov.br/inscricao/edital-de-chamamento-publico-no-002-2020-semsa-pmm/. Ainda segundo Fonseca, os candidatos habilitados passarão por avaliação final para a comprovação e apresentação de documentos exigidos em edital. “Nesta quarta [dia 13], todos os candidatos habilitados deverão se apresentar à Secretaria Municipal de Saúde munidos de documentos comprobatórios exigidos em edital, para que seja efetivada a aprovação, e, já no dia 14 [quinta-feira], possam nos ajudar no enfrentamento da Covid-19”, explicou.

Apresentação de documentos

Acontece nesta quarta-feira, 13, na sede da Secretaria Municipal de Saúde, localizada na Avenida General Osório, nº 365, bairro Laguinho. O atendimento será realizado na sala da Divisão de Recursos Humanos, números 209 e 211, das 8h às 16h.

Cronograma:

13/05 (quarta-feira) – apresentação dos candidatos à Secretaria Municipal de Saúde;

14/05 (quinta-feira) Início das atividades nas UBS’s de lotação.

Dúvidas, enviar e-mail no endereço eletrônico: [email protected]

Secretaria de comunicação de Macapá
Amelline Borges
Assessora de comunicação

Boletim oficial 12/05, às 16h30: Amapá tem 2.910 casos confirmados de coronavírus; em Macapá são 1.966 casos e 86 óbitos em decorrência do Covid-19 #FicaEmCasa

O Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COESP) traz novo relatório com dados sobre o Covid-19 no Amapá trazendo 239 novos casos confirmados, sendo 134 em Macapá, 37 em Santana, 06 em Laranjal  do Jari, 09 em Mazagão, 02 em Oiapoque, 03 em Pedra Branca, 12 em Porto Grande, 15 em Serra do Navio, 11 Vitória do Jari, 03 em Itaubal, 02 em Ferreira Gomes e 05 em Cutias do Araguari.

Também há o registro de 13 óbitos, ocorridos entre os dias 06 e 11 de maio. Destes, 9 são do município de Macapá, sendo 5 homens, de 54, 59, 73, 74 e 80 anos, apenas o de 74 declarou comorbidade, hipertensão. E 04 mulheres, sendo uma de 58 anos, hipertensa, uma de 69 anos, diabética e hipertensa, e duas outras sem comorbidades declaradas, de 63 e 78 anos. Em Laranjal do Jari, um homem, de 61 anos, sem comorbidades. E em Santana, 03 vítimas, sendo dois homens, um de 48 anos sem comorbidades e um de 62 anos com comorbidades relacionada a obesidade e diabetes, e uma mulher, de 21 anos, com doença imunossupressora.

Painel geral de casos pelo COVID-19:

Casos confirmados: 2.910 (sendo 1.966 em Macapá, 434 em Santana, 04 Calçoene, 30 em Cutias do Araguari, 06 em Ferreira Gomes, 09 em Itaubal, 186 em Laranjal do Jari, 45 em Mazagão, 56 em Oiapoque, 43 em Pedra Branca, 46 em Porto Grande, 01 em Pracuúba, 32 em Serra do Navio, 10 em Tartarugalzinho, 36 em Vitória do Jari e 06 no município de Amapá).

Recuperados: 837
Óbitos: 86

Casos confirmados hospitalizados: 103 total
Sistema público: 57 (20 em leito de UTI / 37 em leito clínico)
Sistema privado: 46 (32 em leito de UTI / 14 em leito clínico)

Isolamento domiciliar: 1.884
Em análise laboratorial: 5.205
Descartados: 3.237

Informações sobre casos suspeitos declarados pelos municípios:

Macapá: 3.640
Santana: 807
Laranjal do Jari: 303
Mazagão: 246
Oiapoque: 141
Pedra Branca do Amapari: 59
Porto Grande: 112
Serra do Navio: 47
Vitória do Jari: 118
Itaubal: 21
Tartarugalzinho: 51
Amapá: 53
Ferreira Gomes: 25
Cutias do Araguari: 56
Calçoene: 24
Pracuúba: 0
Total: 5.703

Casos suspeitos hospitalizados: 164

Assessoria de comunicação do GEA

Vídeo da Campanha da PMM – Sai da rua! – Via @alcinea

“Você que fica pela rua quer mesmo carregar na consciência a dor e a morte de tanta gente?”

Campanha da Prefeitura de Macapá. Forte. Mas é preciso mesmo jogar mais pesado pra ver se aqueles que acham que é só uma gripezinha se conscientizam de que se não respeitarem o distanciamento social podem tanto morrer como matar pessoas querida, como seus familiares.

Fonte: blog da Alcinéa

Zona sul lidera lista dos bairros com mais casos de Covid-19 em Macapá

Entre os 20 bairros com mais casos confirmados de Covid-19, a zona sul é a mais preocupante. Buritizal e Santa Rita lideram, com 91 casos, seguidos de Novo Buritizal, com 85, em quarto lugar está o bairro Central, com 79 casos positivos, e em quinto está o primeiro bairro da zona norte, Pacoval, com 73 casos confirmados de Coronavírus.

A lista segue com Jardim Felicidade, 62 casos; Jardim Marco Zero com 61; Congós e Infraero com 58; Muca com 55; Novo Horizonte e Universidade com 54; Brasil Novo tem 48 casos confirmados; Perpétuo Socorro com 45; Beirol com 43; Renascer e Zerão com 40 pessoas contaminadas; e Cidade Nova com 31 casos.

Os números demonstram que nos 20 primeiros bairros a zona sul possui 578 casos de Covid-19 confirmados, quase o dobro da zona norte, com 335 casos, e zona leste, com 76 casos. O bairro Santa Rita vem mantendo a liderança desde março, assim como o Pacoval, que possui mais casos na zona norte.

Em outro comparativo, com o painel de 17 de março a 17 de abril, os bairros que apresentavam mais casos confirmados eram: Jardim Marco Zero e Santa Rita, com 17; seguido por Pacoval, com 12; Buritizal com 11; e Brasil Novo e Beirol com 10 casos.

Mas, de acordo com o painel da Covid-19 do Inloco Tecnologia da Informação S.A, divulgado pela Prefeitura de Macapá, com o mapa do isolamento social, existem casos em quase todos os bairros de Macapá, com menor ou médio índice. E pode aumentar se o isolamento não for cumprindo à risca, segundo aponta a coordenadora do Comitê de Enfrentamento da Covid-19, Silvana Vedovelli.

“O isolamento social é para achatar a curva de disseminação da doença e evitar uma sobrecarga em nossas Unidades Básicas de Saúde. Estudos comprovam que uma pessoa com Covid-19 contamina três outras. Essas três contaminadas passam o vírus para nove. As nove passam para 27. E, assim, a progressão faz os casos triplicarem. Uma pessoa que fique isolada já quebra a rede, evitando milhares de casos”, explica Vedovelli.

Confira o Painel Coronavírus: http://macapa.ap.gov.br/coronavirus/painel/

Secretaria de Comunicação de Macapá
Pérola Pedrosa
Assessora de comunicação

Comitê Estadual de Saúde do Judiciário recomenda funcionamento 24 horas da Central de Regulação de Leitos para COVID-19

A reunião Extraordinária de trabalho do Comitê Estadual de Saúde Judiciário (CES-Jus) durou cerca de três horas, por meio de videoconferência, e debateu o Plano de Enfrentamento à COVID-19, a rede assistencial, o suprimento de insumos, medicamentos, EPI’s e equipamentos, e o cronograma das ações diante do agravamento da pandemia do novo Coronavírus no Amapá.

O Desembargador Carlos Tork, Presidente do Comitê, após a reunião, fez editar a Recomendação Nº 001/2020, com indicativos para aprimorar o enfrentamento ao avanço da pandemia. “Recomendamos que a Central de Regulação de leitos hospitalares funcione 24 horas, incluindo a rede suplementar (hospitais privados), e que as unidades hospitalares, em todos os níveis, alimentem a Central com informações sobre a disponibilidade de leitos de hora em hora”, destacou o magistrado.

A Recomendação aponta ainda para que os relatórios relativos às taxas de ocupação/utilização de leitos sejam enviados em intervalos de hora em hora para o Comitê de Crise, para as Defensorias Pública Estadual e da União e para o Ministério Público.

De acordo com a Procuradora Geral de Justiça, Ivana Cei, “desde o início da pandemia, o MP-AP ingressou com várias ações, incluindo a cobrança de um sistema de regulação de leitos”. O MP-AP obteve liminar favorável da Juiza Alaíde Maria de Paula, titular da 4ª Vara Cível e de Fazenda Pública de Macapá. “Agora essa recomendação visa acelerar o processo de modo que todos possam ter igualdade na busca por atendimentos”, complementou.

O Comitê também aprovou o Protocolo Médico para tratamento inicial da COVID-19, aplicado pela rede municipal de saúde de Macapá. De a acordo com o Secretário de Saúde da capital, Eldren Melo, a rede vem obtendo êxito no tratamento inicial, com a associação de fármacos orientada por especialistas espanhóis. Esses medicamentos constam em estoque na SEMSA, que possui ainda ata de registro de preços para novas aquisições.

A reunião contou com representantes do Poder Judiciário Estadual e Federal; gestores da saúde do Estado e do município de Macapá; representantes do Ministério Público Estadual; Defensoria Pública do Amapá; Ministério da Saúde; NAT-JUS; Associação de Pais e Amigos dos Autistas (AMA-AP); UNIFAP; Associação Médica do Amapá; Conselho Regional de Medicina (CRM); Conselho Regional de Farmácia (CRF); Conselho Regional de Enfermagem (CRE); OAB-AP; Sindicato de Enfermagem e Trabalhadores da Área da Saúde do Amapá (SINDESAÚDE).

Serviço: Ascom MP e Ascom Tjap

Prazo de inscrição para contratação temporária de médicos em Macapá encerra nesta segunda, 11

Iniciou no último sábado, 9 de maio de 2020, e encerra à 0h desta segunda-feira, 11, o período de inscrição para a chamada pública de contratação temporária de médicos no município de Macapá. Para fazer inscrição basta enviar currículo no e-mail: [email protected], juntamente com a cópia do certificado de conclusão de curso ou diploma de graduação em Medicina em instituição de ensino superior brasileira legalmente estabelecida ou estrangeira revalidado no Brasil e cópia do Registro no Conselho Regional de Medicina (CRM).

O edital completo está disponível no link: http://processoseletivo.macapa.ap.gov.br. As inscrições são gratuitas. Serão disponibilizadas 50 vagas. As contratações terão prazo de 120 dias, podendo ser prorrogado por igual período. A chamada se dará por meio de análise curricular, seguindo os critérios estabelecidos no edital.

Estão disponíveis oportunidades para médico plantonista, com remuneração de R$ 1.200; e médico diarista, com remuneração de R$ 12 mil.

Cronograma

11/05 (segunda-feira) – Prazo final de inscrição;

12/05 (terça-feira) – Análise documental e divulgação do resultado final;

13/05 (quarta-feira) – Apresentação dos candidatos à Secretaria Municipal de Saúde;

14/05 (quinta-feira) – Início das atividades nas UBS’s de lotação.

Secretaria de Comunicação de Macapá
Amelline Borges
Assessora de comunicação

Covid-19: Prefeitura de Macapá abre chamamento público para contratação temporária de médicos

A Prefeitura de Macapá lança neste sábado, 9 de maio de 2020, o edital para chamamento público de profissionais médicos para a composição de equipe no enfrentamento da Covid-19 na capital. As inscrições vão de 9 a 11 de maio. Serão disponibilizadas 50 vagas nas categorias plantonista e diarista.

Segundo o prefeito Clécio Luís, a medida tem como objetivo reforçar a equipe na área da saúde nas unidades básicas vocacionadas ao enfrentamento da Covid-19. “A medida é necessária para que possamos reforçar o atendimento em nossas UBS’s que tratam contra o Coronavírus. Neste momento, precisamos de toda ajuda. Por isso, faço um apelo à classe médica, que venha somar conosco para que, juntos, possamos combater o Coronavírus em nossa cidade”, pontou o prefeito.

De acordo com o secretário de Gestão de Macapá, Michel Fonseca, o processo será feito por meio de análise curricular. “Todos os candidatos devem ler atentamente os requisitos solicitados em edital. As contratações terão prazo de 120 dias, podendo ser prorrogado por igual período”, frisou. As vagas são para médicos formados em instituições de ensino superior brasileiras ou com diploma revalidado no Brasil.

As inscrições são gratuitas e ocorrem até as 18h de segunda, 11 de maio de 2020, e podem ser feitas enviando currículo para o e-mail: [email protected]. Para acessar o edital completo basta clicar no link: http://processoseletivo.macapa.ap.gov.br. O resultado será divulgado no mesmo endereço, no dia 12 de maio de 2020. Os candidatos habilitados deverão se apresentar na Secretaria Municipal de Saúde para a contratação no dia 13 de maio de 2020.

A remuneração: médico diarista R$ 12 mil e médico plantonista R$ 1.200,00.

Cronograma

09 a 11/05 (sábado, domingo e segunda) – Período de inscrição;

12/05 (terça-feira) – Análise documental e divulgação do resultado final;

13/05 (quarta-feira) – Apresentação dos candidatos à Secretaria Municipal de Saúde;

14/05 (quinta-feira) – Início das atividades nas UBS’s de lotação.

Secretaria de Comunicação de Macapá
Amelline Borges
Assessora de comunicação

Boletim oficial 09/05, às 16h: Amapá tem 2.493 casos confirmados de coronavírus; em Macapá são 1.707 casos e 69 óbitos em decorrência do Covid-19 #FicaEmCasa

O Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COESP) traz novo relatório com dados sobre o Covid-19 no Amapá trazendo 171 novos casos confirmados, sendo 91 em Macapá, 47 em Santana, 12 em Laranjal do Jari, 11 em Pedra Branca, 01 em Porto Grande, 01 em Serra do Navio, 05 em Vitória do Jari, 01 em Ferreira Gomes e 02 em Cutias do Araguari.

Também há o registro de mais 3 óbitos. Em Macapá, um homem de 39 anos, sem comorbidade declarada, internado em hospital da rede privada. Em Laranjal do Jari, uma mulher de 55 anos, e um homem de 72 anos, ambos sem comorbidades.

Painel geral de casos pelo COVID-19:

Casos confirmados: 2.493 (sendo 1.707 em Macapá, 395 em Santana, 04 Calçoene, 13 em Cutias do Araguari, 04 em Ferreira Gomes, 06 em Itaubal, 168 em Laranjal do Jari, 31 em Mazagão, 53 em Oiapoque, 32 em Pedra Branca, 28 em Porto Grande, 01 em Pracuúba, 17 em Serra do Navio, 10 em Tartarugalzinho, 22 em Vitória do Jari e 02 no município de Amapá).

Recuperados: 665
Óbitos: 69

Casos confirmados hospitalizados: 116 total
Sistema público: 72 (27 em leito de UTI / 45 em leito clínico)
Sistema privado: 44 (32 em leito de UTI / 12 em leito clínico)

Isolamento domiciliar: 1.643
Em análise laboratorial: 4.453
Descartados: 3.047

Informações sobre casos suspeitos declarados pelos municípios:

Macapá: 3.336
Santana: 709
Laranjal do Jari: 267
Mazagão: 201
Oiapoque: 112
Pedra Branca do Amapari: 40
Porto Grande: 106
Serra do Navio: 37
Vitória do Jari: 87
Itaubal: 19
Tartarugalzinho: 41
Amapá: 54
Ferreira Gomes: 21
Cutias do Araguari: 42
Calçoene: 31
Pracuúba: 2
Total: 5.105

Casos suspeitos hospitalizados: 154

Assessoria de comunicação do GEA

Mãos Que Ajudam A Preservar Vidas

O Programa Mãos que Ajudam organizado e desenvolvido por A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias realiza ações humanitárias e sociais que mobiliza milhares de voluntários em todo o Brasil. Este ano devido à realidade e às necessidades que vêm surgindo com a pandemia da COVID-19 iniciaram uma ação, Mãos Que Ajudam A Preservar Vidas, voltada à confecção e distribuição de 3 milhões de máscaras de proteção no qual beneficiará milhares de pessoas que não possuem condições de adquirir um importante item de segurança pessoal em todo o Brasil.

No Amapá, a produção e distribuição já ultrapassou 1.500 máscaras. A ação continuará nos meses de maio e junho. A voluntária Luana Araújo disse: “Ao confeccionar as máscaras para doação sentimos a real intenção de ajudar o próximo em meio ao caos da pandemia. Sem poder nos abraçar ou tocar nas mãos, costuramos e sentimos o espírito conosco, é gratificante poder trabalhar na obra do Senhor. Se todos puderem ajudar alguém ajude, ligue ou mande uma mensagem, é muito bom saber que somos amados e que se importam conosco. Somos gratos a todos que estão nos ajudando e se precisarem estamos aqui pois a Caridade nunca Falha”.

O Mãos que Ajudam é um programa permanente de ajuda humanitária e de serviço comunitário, que mobiliza milhares de voluntários de todas as idades, membros e amigos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. No Amapá já foram distribuídas cadeiras de rodas, revitalização de praças, realizados projetos de pequenas reformas e pintura em escolas públicas, entre outros.

Doação de insumos para a confecção de máscaras
Edilson Lopes – ( 96) 98134-7789

Informações à imprensa
Kleber Sainz – (96) 9199-1247
Michelle Sá – (96) 99137-4249

Direito à saúde: MP-AP garante a mais duas servidoras públicas do Estado a continuidade da assistência do Plano de Saúde GEAP

Nesta sexta-feira (8), o Ministério Público do Amapá (MP-AP), por meio da Promotoria de Defesa do Consumidor (Prodecon), garantiu a mais duas servidoras públicas do Estado a continuidade da assistência do Plano GEAP Autogestão em Saúde, seguindo sentença proferida no dia 23 de abril, nos autos do processo nº. 0013943-28.2020.8.03.0001. A nova decisão na Ação Civil Pública (ACP) movida pelo MP-AP em desfavor do GEA e GEAP, estende a ordem a uma paciente diagnosticada com Covid-19 e outra com quadro de gravidez de alto risco, que tiveram seus tratamentos comprometidos.

Na decisão inicial prolatada em favor da ACP do MP-AP, o juízo reconheceu o direito a continuidade da assistência do Plano de Saúde a duas servidoras públicas do Estado afetadas com a paralisação dos tratamentos contra o câncer, além de assegurar o mesmo direito aos servidores relacionados pelo órgão ministerial no decorrer na Ação, que também foram afetados pelo cancelamento da prestação do serviço.

Deste modo, na nova sentença da juíza titular da 4ª Vara Cível e de Fazenda Pública de Macapá, Alaide Maria de Paula, foi garantido o direito a uma servidora com o diagnóstico de Covid-19, que ficou internada em hospital privado de Macapá desde o dia 26 de abril de 2020, arcando com todos os custos do tratamento, mesmo sendo beneficiária do GEAP há mais de 15 anos, e outra servidora com quadro de gravidez de alto risco, que tem necessidade de acompanhamento contínuo até o parto.

O MP-AP apresentou ainda outros casos ao Juízo que, no momento, não considerou para evitar tumulto do andamento processual. Deste modo, os afetados deverão ajuizar demanda própria na busca pela tutela judicial, caso entendam pertinente. Na sua decisão, a magistrada citou a liminar concedida ao Estado do Amapá, no Processo nº 0015147-10.2020.8.03.0001, que determinou ao GEAP a continuidade do plano de saúde de todos os servidores estaduais beneficiários do Plano (Convênio nº 01/2018) pelo prazo de 90 dias a contar do dia 04 de maio de 2020.

A nova decisão do Juízo ampliou o direito a todos os servidores atendidos pelo Plano de Saúde, sendo que até o momento a Prodecon já recebeu diversas reclamações a respeito dos prejuízos com o cancelamento do GEAP Saúde. Deste modo, o MP-AP continuará encaminhando as reclamações enviadas pelos servidores públicos para compor a Ação do Estado. Em caso de descumprimento da decisão judicial, a Prodecon recomenda que os consumidores denunciem a prática as autoridades policiais, para que sejam tomadas as medidas cabíveis.

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Gerente de Comunicação – Tanha Silva
Núcleo de Imprensa
Coordenação: Gilvana Santos
Texto: Elton Tavares
Contato: [email protected]