Boletim oficial 18/06, às 15h30: Amapá tem 19.387 casos confirmados de coronavírus; em Macapá são 8.111 casos e 342 óbitos em decorrência do Covid-19 #FicaEmCasa

O Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COESP) traz novo relatório com dados sobre o Covid-19 no Amapá com 769 novos casos confirmados sendo 149 em Macapá, 168 em Santana, 42 em Laranjal do Jari, 20 em Mazagão, 47 em Oiapoque, 61 em Pedra Branca, 76 em Porto Grande, 8 em Serra do Navio. 52 em Vitória do Jari, 29 em Tartarugalzinho, 15 em Amapá, 13 em Ferreira Gomes, 38 em Cutias e 51 em Calçoene.

Também há o registro de 4 óbitos, todos em Macapá, ocorridos entre os dias 13 e 21 de maio, e que estavam sob investigação. Duas mulheres, ambas sem comorbidades declaradas, de 43 e outro 69 anos. E dois homens, ambos sem comorbidades declaradas, um de 58 e outro de 72 anos.

Painel geral de casos pelo COVID-19:

Casos confirmados: 19.387 (sendo: Macapá 8.111 / Santana 2.448 / Laranjal do Jari 2.402/ Mazagão 619/ Oiapoque 1.164/ Pedra Branca 1.669/ Porto Grande 472/ Serra do Navio 351/ Vitória do Jari 608/ Itaubal 156/ Tartarugalzi.nho 243/ Amapá 206/ Ferreira Gomes 204/ Cutias do Araguari 314/ Calçoene 330/ Pracuúba 90)

Recuperados: 8.766
Óbitos: 342

Casos confirmados hospitalizados: 150
Sistema público: 127 (47 em leito de UTI / 80 em leito clínico)
Sistema privado: 23 (17 em leito de UTI / 6 em leito clínico)

Casos suspeitos hospitalizados: 106
Sistema público: 32 (1 em leito de UTI / 31 em leito clínico)
Sistema privado: 74 (13 em leito de UTI / 61 em leito clínico)

Total em isolamento hospitalar: 256

Isolamento domiciliar: 10.129
Em análise laboratorial: 10.740
Descartados: 14.708

Informações sobre casos suspeitos declarados pelos municípios:

Macapá: 8.455
Santana: 2.478
Laranjal do Jari: 2.001
Mazagão: 430
Oiapoque: 316
Pedra Branca do Amapari: 10
Porto Grande: 320
Serra do Navio: 60
Vitória do Jari: 681
Itaubal: 15
Tartarugalzinho: 403
Amapá: 95
Ferreira Gomes: 67
Cutias do Araguari: 515
Calçoene: 40
Pracuúba: 119

Total: 16.005

Assessoria de comunicação do GEA

Ministério divulga portaria com 10 servidores do Amapá que agora fazem parte do quadro Federal

Hoje (17), foi publicada a portaria Nº 13.841 no Diário Oficial da União (DOU) com a listagem de 10 nomes de amapaenses que foram transpostos para o quadro da União por meio da Emenda Constitucional Nº 98. Os servidores do Ex-Território do Estado do Amapá aguardavam a finalização desse processo, que tem sido defendido pelo senador Randolfe Rodrigues (REDE-AP).

A portaria divulga a relação dos interessados do Ex-Território e Estado do Amapá que fizeram o pedido de inclusão no quadro em extinção da Administração Pública Federal e tiveram o processo deferido pela Comissão Especial dos ex-Territórios Federais de Rondônia, do Amapá e de Roraima (CEEXT).

No último dia 26 de maio, uma outra portaria com 75 nomes de amapaenses foi divulgada. A transposição se dá por meio da da EC 98/2017, que prevê o direito ao enquadramento de pessoas que atuaram nos Ex-Territórios entre outubro de 1988 e outubro de 1993.

No Amapá, cerca 19 mil pessoas apresentaram os documentos para pleitearem a transposição para o quadro federal. Cerca de 3.700 processos foram analisados pela Comissão, o resultado concreto.

O senador tem atuado para acelerar o processo de transposição dos servidores. “Estive em audiência com o presidente da comissão responsável pela análise dos processos com o objetivo de buscar alternativas para que todos sejam atendidos. O que nos foi informado é que a comissão já encerrou a revisão dos processos anteriores e agora vai avançar as ATAs e portarias”, explicou Randolfe.

Em decisão recente, o Supremo Tribunal Federal (STF) assegurou o direito aos ex-servidores do Amapá e de suas prefeituras municipais de serem enquadrados definitivamente na folha de pagamento da União, não restando dúvidas sobre a constitucionalidade da matéria.

Assessoria de comunicação do senador Randolfe Rodrigues

Boletim oficial 17/06, às 15h30: Amapá tem 18.618 casos confirmados de coronavírus; em Macapá são 7.962 casos e 338 óbitos em decorrência do Covid-19 #FicaEmCasa

O Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COESP) traz novo relatório com dados sobre o Covid-19 no Amapá com 594 novos casos confirmados sendo 369 em Macapá, 14 em Santana, 20 em Laranjal do Jari, 38 em Mazagão, 16 em Oiapoque, 35 em Pedra Branca, 13 em Porto Grande, 57 em Vitória do Jari, 18 em Itaubal, 1 em Amapá, 1 em Ferreira Gomes e 12 em Calçoene.

Também há o registro de 01 novo óbito, em Macapá, ocorrido no dia 10 de junho e que estava sob investigação: um homem de 74 anos, sem comorbidade declarada,.

Painel geral de casos pelo COVID-19:

Casos confirmados: 18.618 (sendo: Macapá 7.962/ Santana 2.280/ Laranjal do Jari 2.360/ Mazagão 599/ Oiapoque 1.117/ Pedra Branca 1.608/ Porto Grande 396/ Serra do Navio 343/ Vitória do Jari 556/ Itaubal 156/ Tartarugalzinho 214/ Amapá 191/ Ferreira Gomes 191/ Cutias do Araguari 276/ Calçoene 279/ Pracuúba 90).

Recuperados: 8.529
Óbitos: 338

Casos confirmados hospitalizados: 146
Sistema público: 119 (45 em leito de UTI / 74 em leito clínico)
Sistema privado: 27 (21 em leito de UTI / 6 em leito clínico)

Casos suspeitos hospitalizados: 99
Sistema público: 25 (3 em leito de UTI / 22 em leito clínico)
Sistema privado: 74 (8 em leito de UTI / 66 em leito clínico)

Total em isolamento hospitalar: 245

Isolamento domiciliar: 9.605
Em análise laboratorial: 10.707
Descartados: 14.283

Informações sobre casos suspeitos declarados pelos municípios:

Macapá: 8.480
Santana: 2.401
Laranjal do Jari: 1.954
Mazagão: 456
Oiapoque: 278
Pedra Branca do Amapari: 8
Porto Grande: 403
Serra do Navio: 60
Vitória do Jari: 681
Itaubal: 15
Tartarugalzinho: 363
Amapá: 108
Ferreira Gomes: 82
Cutias do Araguari: 456
Calçoene: 100
Pracuúba: 119

Total: 15.964

Assessoria de comunicação do GEA

Covid-19: unidades de referência registram mais de mil consultas em 24 horas

As Unidades Básicas de Saúde Lélio Silva, Marabaixo, Álvaro Corrêa, Santa Inês e a Carreta da Saúde, que são referência para atendimento de casos suspeitos de Covid-19, registraram na última terça-feira, 16 de junho, a realização de 2.513 procedimentos, entre consultas, testes rápidos e receitas. Em um dia, foram 1.116 consultas. A UBS Lélio Silva recebeu 376 pacientes.

Já a unidade Álvaro Corrêa, na zona norte, atendeu 335 pessoas. Na UBS Marabaixo 138; na unidade Santa Inês 248; e na Carreta da Saúde, 19 pessoas procuraram assistência médica com sintomas da síndrome gripal. Ao todo, 463 pessoas realizaram testes rápidos.

Outro dado registrado é o total de kits de medicamentos entregues no mesmo dia, onde 934 pessoas saíram dessas unidades com a medicação prescrita para o tratamento terapêutico. Na Lélio Silva, foram 458 kits, onde 104 foram distribuídos no ponto de distribuição em frente a unidade. Já na Álvaro Corrêa, das 306 receitas atendidas, 88 foram na van. Na UBS Marabaixo 108, na UBS Santa Inês 43 kits, e na Carreta, 19 kits foram entregues.

Registrando assim a entrega de 4.670 comprimidos de azitromicina e 3.736 de ivermectina.

Secretaria de Comunicação de Macapá
Jamile Moreira
Assessora de comunicação
Contato: 99135-6508

Com atendimento online, grupo de psicólogos dá suporte a profissionais da saúde que estão no combate à Covid-19 – Por @danalvesjor

Com horas de plantões e o número elevado de pacientes da Covid-19, os profissionais da saúde estão na pressão para salvar vidas. Como forma de trazer um alívio para esses homens e mulheres, um grupo de psicólogos do Amapá está oferecendo a eles atendimento por meio do WhatsApp. A iniciativa voluntária, busca ajudar nos processos vivenciados, diagnosticando, prevenindo e tratando os distúrbios emocionais e doenças mentais que venham a surgir.

Desde o início da pandemia, a população tem contado com o trabalho incansável de médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, fisioterapeutas, entre outros profissionais da saúde que estão na linha de frente no combate à doença. Lutando para salvas vidas, essas pessoas podem passar por quadros de estresse, ansiedade e fobias, por esse motivo, esses psicólogos que atuam em clínicas e instituições públicas se uniram para oferecer todo apoio psicológico.

Por meio de ligações via WhatsApp, os especialistas conseguem ajudar com orientações de cuidados com a saúde mental. De acordo com uma das psicólogas do grupo, “Existem muitos profissionais que estão atuando diariamente na linha de frente, com recursos precários e pouca estrutura. As coisas tem melhorado, mas longe de serem ideias. O trabalho é árduo, gera grande estresse, ansiedade, tristeza e o nosso foco é atendê-los da melhor forma possível, oportunizando um espaço de acolhimento emocional com objetivo de mitigar o sofrimento psíquico que gera adoecimento”, pontuou Ivie Zorthea.

Os agendamentos das consultas virtuais ocorrem pelos números: (96) 99115-3350 / (96) 99184-6233 / (96) 98115-7890 / (61) 99914-1510.

Daniel Alves – Jornalista e colaborador do site Blog De Rocha.

Concurso público: Prefeitura de Macapá iniciará fase documental para convocados no último certame para área da Assistência Social

A Prefeitura de Macapá iniciará nesta quarta-feira, 17 de junho de 2020, a fase de exame documental dos candidatos convocados no concurso público da área de Assistência Social, realizado em 2018 pela Fundação Carlos Chagas (FCC). A apresentação dos documentos ocorrerá das 8h às 12h, na sede da Secretaria Municipal de Gestão, localizada na Avenida General Osório, nº 365, 4° andar, Laguinho.

Serão exigidas, obrigatoriamente, a apresentação original e cópia dos documentos relacionados no item 1.2 do Edital de Convocação. Posterior à entrega dos documentos, os candidatos convocados receberão encaminhamento para a Junta Médica, onde deverão apresentar os resultados de todos os exames exigidos obrigatoriamente no item 2.1 do edital (https://macapa.ap.gov.br/concurso-semast-2018/).

Entre os exames exigidos estão: hemograma; EAS; Parasitoses das Fezes; VDRL; Anti HCV; HBS AG; Glicemia de Jejum; Raio-x do tórax com laudo; Eletrocardiograma com laudo (acima de 50 anos de idade); PCCU (para mulheres); PSA total e livre (para homens acima de 45 anos); Fator RH e tipagem sanguínea.

A avaliação médica ocorrerá nesta quinta-feira, 18 de junho de 2020. A Junta Médica do Município de Macapá está localizada na Avenida General Osório, nº 329, bairro Laguinho. O atendimento ocorrerá das 8h às 12h, impreterivelmente.

Com as avaliações médica e dos exames complementares, o candidato será considerado apto ou inapto para o exercício do cargo.

Cronograma:

• Exame documental – 17/06 (8h às 12h)

• Realização do exame médico – 18/06 (8h às 12h)

• Resultado preliminar exame documental – 19/06

• Prazo recurso – 22 e 23/06

• Homologação e resultado final – 25/06

• Nomeação e posse – 29/06

Confira a lista dos convocados:

Clique para acessar o Anexo-I-Convocados.pdf

Secretaria de Comunicação de Macapá
Amelline Borges
Assessora de comunicação

Rodízio de veículos: entenda como funcionará a dinâmica do fluxo no trânsito de Macapá por 15 dias

Iniciou na última terça-feira, 16, o rodízio de veículos autorizado pelo Decreto Municipal n° 2.236/2020, que instituiu o funcionamento do regime de restrição de circulação de veículos automotores em toda área urbana e rural do município de Macapá. O rodízio ocorrerá todos os dias, incluindo sábados, domingos e feriados, das 6h à 0h, durante 15 dias.

“O objetivo é reduzir o fluxo de veículos e pessoas para os demais bairros da cidade. Nos próximos quinze dias, a Companhia de Trânsito, com o apoio da Guarda Civil e Polícia Militar, irá abordar os que estejam circulando em desobediência às regras previstas no Decreto Municipal. Ou seja, nos dias pares, somente poderão transitar veículos cujo último número de sua placa for par, zero e veículos novos sem registro. Nos dias do mês de número ímpar, é permitido o trânsito de veículos cujo último número da placa for ímpar”, informou diretora-presidente da CTMac, Selma Miranda.

O diretor de Trânsito da CTMac, Manoel Filho, explicou que veículos que possuem mais de três passageiros no interior do veículo serão abordados. “Mesmo os de numeração permitida para circulação daquele dia serão abordados caso estejam com um número maior de passageiros. O objetivo é reduzir o fluxo de pessoas e a aglomeração dentro dos veículos particulares de transporte, para diminuir a proliferação da Covid-19 entre os bairros”, reforçou.

Confira o cronograma:

– Início do rodízio de veículos: 16 de junho de 2020;

– Período de duração do rodízio: pelos próximos 15 dias, incluindo sábados, domingos e feriados, das 6h à 0h, a partir do dia 16, podendo ser prorrogado, caso ocorra necessidade.

Veículos que serão abordados:

– Automotores, incluindo caminhões não licenciados em Macapá, de acordo com o final da numeração da placa;

– Em dias do mês de número par, a numeração permitida são números pares (0, 2, 4, 6 e 8) e veículos novos sem registro;

– Em dias do mês de número ímpar, a numeração permitida é a que o último número da placa seja ímpar (1, 3, 5, 7 e 9).

Secretaria de Comunicação de Macapá
Clauriana Costa
Assessora de comunicação

Boletim oficial 16/06, às 16h30: Amapá tem 16.813 casos confirmados de coronavírus; em Macapá são 7.593 casos e 337 óbitos em decorrência do Covid-19 #FicaEmCasa

O Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COESP) traz novo relatório com dados sobre o Covid-19 no Amapá com 1.211 novos casos confirmados sendo 645 em Macapá, 80 em Santana, 25 em Laranjal do Jari, 16 em Mazagão, 174 em Oiapoque, 101 em Pedra Branca, 6 em Porto Grande, 20 em Serra do Navio, 38 em Vitória do Jari, 1 em Itaubal, 41 em Amapá, 1 em Ferreira Gomes, 28 Cutias do Araguari, 12 em Calçoene e 23 em Pracuúba.

Também há o registro de 08 novos óbitos. Um deles ocorrido no dia 14 de maio e os demais no período de 11 a 15 de junho, que estavam sob investigação. Em Macapá, foram 05 óbitos, todos do sexo masculino, com 44 anos (hipertenso), 51 anos (hipertenso), 62 anos (diabético), 72 e 80 anos (ambos diabéticos e hipertensos). Em Santana, um homem de 77 anos (sem comorbidade declarada). Em Vitória do Jari, um homem de 90 anos (hipertenso). E em Oiapoque, um homem de 90 anos (hipertenso).

Painel geral de casos pelo COVID-19:

Casos confirmados: 18.024 (sendo: Macapá 7.593/ Santana 2.266/ Laranjal do Jari 2.340/ Mazagão 561/ Oiapoque 1.101/ Pedra Branca 1.573/ Porto Grande 383/ Serra do Navio 343/ Vitória do Jari 499/ Itaubal 138/ Tartarugalzinho 214/ Amapá 190/ Ferreira Gomes 190/ Cutias do Araguari 276/ Calçoene 267/ Pracuúba 90).

Recuperados: 8.041
Óbitos: 337

Casos confirmados hospitalizados: 155
Sistema público: 127 (52 em leito de UTI / 75 em leito clínico)
Sistema privado: 28 (24 em leito de UTI / 4 em leito clínico)

Casos suspeitos hospitalizados: 96
Sistema público: 19 (1 em leito de UTI / 18 em leito clínico)
Sistema privado: 77 (0 em leito de UTI / 77 em leito clínico)

Total em isolamento hospitalar: 251

Isolamento domiciliar: 9.491
Em análise laboratorial: 10.651
Descartados: 13.788

Informações sobre casos suspeitos declarados pelos municípios:

Macapá: 8.164
Santana: 2.401
Laranjal do Jari: 1.889
Mazagão: 498
Oiapoque: 273
Pedra Branca do Amapari: 8
Porto Grande: 386
Serra do Navio: 60
Vitória do Jari: 652
Itaubal: 14
Tartarugalzinho: 363
Amapá: 90
Ferreira Gomes: 82
Cutias do Araguari: 456
Calçoene: 112
Pracuúba: 102

Total: 15.550

Assessoria de comunicação do GEA

Covid-19: com condicionantes, Prefeitura de Macapá autoriza retomada da primeira etapa gradual das atividades econômicas

O prefeito de Macapá, Clécio Luís, assinou nesta segunda-feira, 15 o Decreto nº 2.236/2020, que autoriza a retomada gradual das atividades econômicas na capital amapaense a partir desta terça-feira, 16 de junho de 2020, com novas regras e restrições. O processo será dividido em etapas e atenderá em cinco modalidades, como delivery (entrega em domicílio); drive-thru (pagamento e aquisição do produto no veículo); expresso (retirada de produtos adquiridos previamente, com hora marcada, sendo proibida a entrada de clientes no interior dos estabelecimentos); por agendamento (atendimento presencial e individual do consumidor, com hora marcada); e presencial (atendimento aberto ao público).

Segundo o chefe do poder Executivo municipal, alguns setores econômicos poderão fazer a retomada de suas atividades desde que atendam as normas estabelecidas para o enfrentamento da pandemia do novo Coronavírus. “Entendo que há pressa em reabrir as atividades econômicas, mas devemos priorizar a saúde e a segurança da população. Por isso, defendo o cumprimento de algumas condicionantes, como, por exemplo, a ampliação de leitos, tanto clínico, como de Unidade de Tratamento Intensiva, na rede pública e privada, sendo esta fundamental”, ponderou Clécio.

“Precisamos também do apoio da população para contermos a aceleração da transmissão do vírus e, para isso, o isolamento social ainda continua sendo imprescindível. Sair de casa apenas se for de extrema necessidade. Além das normas sanitárias e protocolos de biossegurança, que deverão ser seguidas pelas empresas que terão autorização para essa primeira etapa”, completou o prefeito.

Todos os setores deverão atender às medidas de controle e distanciamento social dos clientes e funcionários, regras sanitárias de limpeza constante e ventilação do ambiente, além da contínua conscientização do processo de higiene de colaboradores e clientes sobre o risco de transmissão do vírus. Estas deverão contar com o apoio de suas entidades representativas, como a Federação de Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Amapá (Fecomércio), Associação Comercial e Industrial do Amapá (Acia), Federação da Indústria do Estado do Amapá (Fieap), entre outras.

A retomada das atividades na capital valerá por 15 dias e será dividida por meio de bandeiras, que irão delimitar as novas regras de funcionamento.

Bandeira Amarela

São as atividades que já estavam em funcionamento e continuarão com as mesmas regras, como agências bancárias, consultório médico, clínicas e laboratórios de análises; distribuidora de água mineral com indústria, entre outras.

Bandeira Laranja

O que passa a funcionar a partir dessa primeira etapa de retomada gradual das atividades econômicas. São as que atenderão as cinco modalidades: delivery, drive-thru, expresso, agendamento e presencial com restrições e recomendações. Cada item com horário específico, como, por exemplo, atividade de comercialização de móveis e eletrodomésticos; bijuterias e acessórios; calçados e acessórios; comércio varejista de materiais e equipamentos para escritório; empreendedor popular (com local fixo); e bancas de revistas, que poderão fazer suas atividades na primeira etapa nas categorias delivery, drive-thru e expresso das 9h às 17h.

Ainda na bandeira laranja, na categoria agendamento das 8h às 16h, poderão exercer suas atividades as agências de viagens, turismo e afins; clínicas de estética; clínicas de podologia; concessionárias e revendas de veículos; serviços odontológicos, entre outros. Já na categoria presencial, retomam suas atividades empreendimento religioso, como igrejas, templos, terreiros, entre outros; e lojas de conveniência, cada item com horário específico (veja no decreto).

Em estabelecimentos religiosos (fechados e abertos) deverão ser seguidas ainda as orientações de distanciamento de uma pessoa a cada quatro metros quadrados e máximo cinquenta pessoas por cômodo, não ultrapassando esse quantitativo. Para atividades que serão permitidas a presença de clientes, o Decreto Municipal prevê normas como a instalação de pias na entrada dos estabelecimentos, espaçamento social de um metro e meio e o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs).

Motéis

Também foram liberados o atendimento presencial em motéis, com devidas normas, como delimitar a quantidade de, no máximo, duas pessoas por ambiente, não permitir aglomeração no interior do estabelecimento (recepção e outras), realizar todas as medidas sanitárias e de proteção para colaboradores e clientes.

Bandeira Vermelha

Segmentos econômicos cujo funcionamento estava autorizado com restrições legais e/ou apenas com entrega em domicílio (delivery), drive-thru e expresso, e fechados para atendimento ao público. Continuarão nestas condições e modalidades bares e similares; docerias; lanchonetes, hamburguerias; fast food e similares; restaurantes de qualquer natureza; sorveterias; pizzarias e churrascarias.

Bandeira Preta

São as atividades que continuarão suspensas nesta primeira etapa, como cinemas, clubes de recreação, buffet, boates, teatros, casas de espetáculos e de shows, bares, entre outros. Ainda de acordo com o prefeito, as atividades, de cada modalidade, serão permitidas por 15 dias.

“Faremos esse teste da retomada gradual das atividades econômicas, e, após esse período, faremos uma avaliação. Se os números aumentarem, teremos que recuar com medidas mais rígidas. Por isso, volto a fazer um apelo para que a população só saia de casa se houver real necessidade”, frisou Clécio.

Uso de máscara

O uso da máscara de proteção facial, com proteção da boca e nariz, é obrigatório a todos os colaboradores e clientes nos espaços internos e públicos dos empreendimentos. O não cumprimento acarreta em multa de um salário mínimo, sendo no valor de R$ 1.045,00 para quem for flagrado sem o acessório; e multa de dois salários mínimos, sendo no valor de R$ 2.090,00, para quem for reincidente. O valor arrecadado será convertido em doações a entidades sem fins lucrativos.

Rodízio de veículos

O município de Macapá retornará ainda com o rodízio de veículos, a partir desta terça-feira, 16 de junho de 2020. A restrição ocorrerá todos os dias, incluindo sábados, domingos e feriados, das 6h à 0h. Nos dias pares será permitido o trânsito de veículo cujo último número de sua placa for par (0, 2, 4, 6 e 8) e veículos novos sem registro e licenciamento. Nos dias ímpares será permitido o trânsito de veículo cujo último número de sua placa for ímpar (1, 3, 5, 7 e 9).

Ficam excluídos da obrigatoriedade do rodízio os veículos de profissionais de saúde, segurança, defesa civil ou de uso oficial, entre outros. Também estão liberados táxis, ônibus e veículos de abastecimento de água, cargas de gêneros alimentícios, imprensa, carro funerário e coleta de lixo. Os transportes por aplicativos poderão circular, mas funcionarão também por sistema de rodízio de placas.

Transitar em locais e horários não permitidos pela regulamentação estabelecida pela autoridade competente, para todos os tipos de veículos: Infração – média e Penalidade – multa, conforme inciso I, do Art. 187 do CTB, no valor de R$ 130,16. Em todos os casos permitidos de circulação é obrigatório o uso de máscara e o cumprimento das demais regras previstas na legislação em vigor.

Infrações

Para o descumprimento de quaisquer normas serão lavrados auto de infração. As novas regras serão fiscalizadas pelos órgãos competentes. Caberá à Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá fiscalizar o uso de máscara e de álcool em gel 70% por passageiros, motoristas e cobradores do Serviço de Transporte Público Coletivo do município de Macapá.

Compete à Guarda Civil Municipal, à CTMac, à Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Postura Urbana e à Polícia Militar do Amapá a fiscalização das disposições deste decreto, com a atuação das fiscalizações tributárias e da Vigilância Sanitária.

Secretaria de Comunicação de Macapá
Amelline Borges
Assessora de comunicação

Interrupção programada: Caesa faz manutenção de esgoto nos conjuntos Macapaba 1 e 2

A Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) informa que nesta quarta-feira, 17, a distribuição de água será interrompida nos conjuntos habitacionais Macapaba 1 e 2, zona norte de Macapá. A interrupção acontecerá no período de 7h às 16h.

A manobra é necessária para que a Companhia realize a retirada e diagnóstico das bombas submersas da elevatória de esgoto da localidade, atualmente paradas, para que tenham seu uso regularizado.

Camila Ramos
Ascom Caesa

Boletim oficial 15/06, às 17h30: Amapá tem 16.813 casos confirmados de coronavírus; em Macapá são 6.948 casos e 329 óbitos em decorrência do Covid-19 #FicaEmCasa

O Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COESP) traz novo relatório com dados sobre o Covid-19 no Amapá com 301 novos casos confirmados sendo 36 em Macapá, 40 em Santana, 15 em Laranjal do Jari, 64 em Mazagão, 2 em Oiapoque, 42 em Pedra Branca, 20 em Porto Grande, 50 em Vitória do Jari, 10 em Itaubal, 1 em Tartarugalzinho, 11 em Ferreira Gomes, e 10 em Calçoene.

Também há o registro de 05 novos óbitos, em três municípios. Um ocorreu no dia 17 de maio e os demais no período de 6 a 15 de junho, que estavam sob investigação. Em Macapá, 3 óbitos. Um homem de 35 anos, sem comorbidade declarada; uma mulher de 58 anos, hipertensa e diabética; uma mulher de 65 anos, sem comorbidade declarada. Em Porto Grande, um homem de 72 anos, hipertenso e diabético. Em Pedra Branca, uma mulher de 53 anos, sem comorbidade declarada.

Painel geral de casos pelo COVID-19:

Casos confirmados: 16.813 (sendo: Macapá 6.948/ Santana 2.186/ Laranjal do Jari 2.315/ Mazagão 545/ Oiapoque 927/ Pedra Branca 1.472/ Porto Grande 377/ Serra do Navio 323/ Vitória do Jari 461/ Itaubal 137/ Tartarugalzinho 214/ Amapá 149/ Ferreira Gomes 189/ Cutias do Araguari 248/ Calçoene 255/ Pracuúba 67).

Recuperados: 7.460
Óbitos: 329

Casos confirmados hospitalizados: 191
Sistema público: 101 (43 em leito de UTI / 58 em leito clínico)
Sistema privado: 90 (39 em leito de UTI / 51 em leito clínico)

Casos suspeitos hospitalizados: 115
Sistema público: 33 (6 em leito de UTI / 27 em leito clínico)
Sistema privado: 82 (0 em leito de UTI / 82 em leito clínico)

Total em isolamento hospitalar: 306

Isolamento domiciliar: 8.833
Em análise laboratorial: 10.601
Descartados: 13.145

Informações sobre casos suspeitos declarados pelos municípios:

Macapá: 8.114
Santana: 2.370
Laranjal do Jari: 1.824
Mazagão: 400
Oiapoque: 260
Pedra Branca do Amapari: 80
Porto Grande: 380
Serra do Navio: 40
Vitória do Jari: 658
Itaubal: 14
Tartarugalzinho: 363
Amapá: 126
Ferreira Gomes: 82
Cutias do Araguari: 442
Calçoene: 99
Pracuúba: 80

Total: 15.332

Assessoria de comunicação do GEA

Covid-19: Macapá Previdência disponibiliza canais digitais para acesso à cédula C e contracheques de beneficiários durante pandemia

A Macapá Previdência disponibilizou o acesso a contracheques e Cédula C de beneficiários pelo endereço eletrônico [email protected]. A medida tem como finalidade permitir que as solicitações sejam feitas à distância durante a quarentena e, assim, evitar aglomerações no prédio do órgão. Além do e-mail, outros canais de atendimento estão disponíveis, como os números 99970-5095, 99970-5096 e 99970-5097.

“Também estamos fazendo o atendimento presencial em casos excepcionais, onde o beneficiário faz o agendamento junto à Macapá Previdência. Por meio do WhatsApp e e-mail, nós enviamos a documentação de acordo com a solicitação feita. Essa é uma forma de atender os beneficiários respeitando as medidas de combate ao novo Coronavírus”, explica o presidente do órgão, Franco Aurélio de Souza.

Secretaria de Comunicação de Macapá
Mônica Silva
Assessora de comunicação

Hoje é o Dia Mundial da Conscientização Contra o Abuso de Idosos – Mensagem do deputado Dr. Furlan

Hoje, 15 de junho, é o Dia Mundial da Conscientização Contra o Abuso de Idosos. A data foi instituída em 2006, pela Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa.

O objetivo da data é promover uma reflexão a respeito das condições desse segmento da população, que tem sofrido severas violações de direitos ao longo da história.

Perolina Penha Tavares, matriarca da minha família e Dr. Furlan

Sobre isso, o Dr. Furlan deixa sua mensagem:

A minha profissão me ensinou a ter um carinho muito grande pelas pessoas, em especial pelos idosos. Eles representam tanto pra nós, com suas histórias de vida e força para seguir em frente.

Mas, em pleno 2020, nos deparamos com o aumento da violência contra os idosos.

Segundo o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Macapá, somente neste ano, foram registrados 11 óbitos e 54 casos de agressões contra pessoas acima dos 60 anos.

Em comparação com o mesmo período do ano passado, o Conselho registrou mais que o dobro de casos de violência.

É devastador e inadmissível assistirmos pessoas maltratando nossos idosos. Chega de violência! Precisamos cuidar e amar quem tanto fez por nós.

Denuncie casos de abusos e violência contra os idosos através do número: (96) 98413-3769.

Deputado estadual e médico cardiologista, Antônio Furlan.

 

*O Dr. Furlan operou a minha mais que maravilhosa avó Peró há alguns anos (ela, com ele na foto) e encaminhou sua mensagem, juntamente com a fotografia dele e vovó,  aos meus tios na manhã de hoje.

Mesmo com reabertura gradual do comércio, frota de ônibus permanece em 30% até nova avaliação

Mesmo com a retomada das atividades econômicas a partir desta terça-feira, 16, o transporte público não sofrerá alteração na frota, que atualmente é de 30%. O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap) informou que não houve nenhuma determinação acerca da ampliação da frota.

O Setap vai avaliar como a demanda de passageiros ocorrerá para, se necessário, acionar a Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMAc), no caso das linhas urbanas, e a Secretaria de Estado dos Transportes (Setrap), em relação às linhas metropolitana e intermunicipal.

Em relação ao atendimento presencial na sede do Setap para aquisição de vale transporte e recarga meia-passagem, o atendimento também continuará das 13h às 17h. Caso a demanda aumente, o Setap voltará a atender nos dois horários, a partir da próxima semana.

Ascom/Setap