Ciência e tecnologia: INALC apresenta ao MP-AP o relatório do programa “Amazon Scientist” e anuncia eventos com a presença de engenheiro da NASA

A procuradora-geral de justiça do Ministério Público do Amapá (MP-AP), Ivana Cei, e o subprocurador-geral de Justiça para Assuntos Administrativos e Institucionais, Nicolau Crispino, receberam na sexta-feira (3), as representantes do Instituto Nacional Leva Ciência (INALC), que apresentaram o Relatório de Impacto das atividades realizadas pelo Programa “Amazon Scientist”, desde abril deste ano. O MP-AP é parceiro do INALC e Embaixada Norte Americana nesta iniciativa de incentivo para jovens, crianças e adolescentes para a ciência e tecnologia.

Participaram da reunião a diretora do Instituto, Daniele Brito, a gerente de projetos, Aira Beatriz, além de Carol Campos e Larissa Rabelo, professora e monitora, respectivamente. A gerente de projetos do INALC, mostrou que, desde o início do programa, em abril deste ano, os 60 alunos selecionados no Amapá participaram da Olimpíada Brasileira de Astronomia e 52 participaram da Mostra Brasileira de Foguetes. Foram ministradas mais de 150 horas de conteúdo nas áreas de astronomia e aeronáutica e abordados os temas: corrida espacial, satélites e foguetes.

Parceria MP-AP e INALC para incentivo à ciência, pesquisa e tecnologia

O Acordo de Cooperação Técnica entre o MP-AP e INALC foi assinado em novembro de 2021, para execução do programa “Amazon Scientist”, que terá a duração de 12 meses. Em abril foi realizada a abertura oficial com a presença de representantes da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, entre eles o adido cultural Todd Miyahira. Os estudantes que participam do programa são oriundos de escolas públicas e o Instituto deu enfoque para alguns critérios, como ser do sexo feminino, estudar em escolas periféricas. Os alunos repetentes, portadores de Transtorno de Espectro Autista (TEA), quilombolas e indígenas também tiveram preferência.

Jornada de Palestras e lançamento de foguetes artesanais

Na próxima semana, o programa “Amazon Scientist” terá continuidade com a Jornada de Palestras que contará com a presença do engenheiro de Estruturas da NASA, George Gabe Gabrielle, que vem divulgar a pesquisa científica e astronômica e falar sobre sua experiência pessoal, que antes de assumir um dos postos mais relevantes na NASA, foi chapeiro da rede Mc Donald’s. Ele irá palestrar no Instituto Federal do Amapá, Campus Porto Grande, e em Macapá.

George Gabe também estará presente no evento de lançamento de foguetes artesanais construídos pelos atuais alunos do programa, que acontecerá dia 6 de junho, no Estádio Zerão. Durante este evento receberão premiações os alunos amapaenses que se destacaram na Mostra Brasileira de Foguetes, em 2019, no Rio de Janeiro, com o lançamento de foguetes de propulsão líquida e química, inclusive o construído a partir de garrafas pet.

Science Days

Danielle Brito confirmou para o mês de setembro deste ano, o “Science Days” e a primeira edição da Mostramazônia. Este evento terá a duração de três dias com atrações como a mostra Kennedy Space Center, um centro de lançamento de foguetes da NASA; mobília expositora da NASA, distribuída em mais de 200 m2; a Mostramazônica que é uma feira científica e tecnológica da Amazônia, onde terá a apresentação de projetos científicos do Amapá, Rio Grande do Sul e São Paulo; e contará com a presença do embaixador dos EUA e representantes consulares. Para realização do evento, o Instituto solicitou o apoio do MP-AP e a PGJ Ivana Cei requereu o projeto do Science Days, para que possa avaliar as formas viáveis para o apoiamento.

“O Instituto pode contar sempre com o apoio do Ministério Público do Amapá, dentro das nossas possibilidades jurídicas. Desde o início somos parceiros do Leva Ciência e do Programa, por sua finalidade científica, de pesquisa e social, voltado para esse público que carece de oportunidades para incentivar a busca pelo conhecimento. Hoje, o Amapá representa o Brasil junto à Embaixada Americana e Consulado, e a participação em um programa dessa grandiosidade significa que as portas estão se abrindo para os estudantes de escolas públicas”, manifestou Ivana Cei.

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Núcleo de Imprensa
Coordenação – Gilvana Santos
Texto: Marileia Maciel / CAO-Ambiental
E-mail: [email protected]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.