Colégio de Procuradores celebra Dia Estadual do MP-AP com homenagens aos primeiros membros

Neste 1° de outubro, quando o Ministério Público do Amapá (MP-AP) comemora 29 anos de instalação, o Colégio de Procuradores de Justiça homenageou os primeiros membros empossados, procuradores de Justiça Clara Banha e Jair Quintas. Na abertura da sessão ordinária, realizada de forma híbrida, com a presença do presidente da Associação dos Membros do Ministério Público do Amapá (Ampap), José Cantuária Barreto, e da promotora de Justiça Gláucia Crispino, a procuradora-geral de Justiça, Ivana Cei, conduziu a celebração, registrando o Dia Estadual do MP-AP.

A presidente do Colegiado apresentou um vídeo contando a história do MP-AP, que iniciou suas atividades em 1º de outubro de 1991, com a posse do Colégio de Procuradores, composto por Romualdo Covre, Clara Banha e Jair Quintas, que se tornou o marco inicial de implantação da instituição no recém criado Estado do Amapá. No mesmo ano, foram empossados os promotores de Justiça do primeiro concurso e, em 1996, tomaram posse os servidores efetivos do MP-AP.

“Parabenizo todos aqueles que construíram e que fizeram desta, uma instituição reconhecida e de importância crucial para o nosso Estado”, manifestou José Barreto, em nome dos membros do MP-AP.

Gláucia Crispino falou do orgulho de ter entrado logo na primeira turma de promotores de Justiça empossados. “O Ministério Público foi meu primeiro e único emprego, onde entrei muito jovem, e fico feliz em poder fazer parte da história dos seus 29 anos”, pontuou a promotora de Justiça.

Os membros do Colégio de Procuradores de Justiça: Maria do Socorro Milhomem; Fernando França; Nicolau Crispino; Joel Chagas; Jayme Ferreira; Estela Sá; e Maricélia Campelo de Assunção, parabenizaram os homenageados, pelo pioneirismo e dedicação ao Ministério Público.

Jair Quintas agradeceu as palavras de carinho, ressaltando que sempre foi muito bem acolhido pelos seus pares, e pelo respeito mútuo de todos da classe. “Juntos pudemos construir nosso Ministério Público, com amor, carinho e muito prazer em trabalhar pela sociedade”, ressaltou o procurador de Justiça homenageado.

A decana do MP-AP falou dos anos de trabalho nessa edificação, destacando que tem 39 anos de Ministério Público, sendo 10 anos dedicados na esfera Federal e 29 anos de MP Estadual. “Continuo atuando porque amo o que faço. Eu sou MP”, exclamou Clara Banha.

“Parabéns aos procuradores de Justiça Clara Banha e Jair Quintas, que deram início a esta caminhada. Agradeço a todos que contribuíram nessa construção de uma instituição forte, sempre com foco na nossa missão institucional, em defesa da ordem jurídica e democrática para promover a pacificação e justiça social”, manifestou Ivana Cei.

Assista ao vídeo comemorativo dos 29 anos do MP-AP:

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Gerente de Comunicação – Tanha Silva
Núcleo de Imprensa
Texto: Gilvana Santos
E-mail: [email protected]
Contato: (96) 3198-1616

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *