Confirmado Festival Estadual do Arraiá do Meio do Mundo para o Sambódromo, de 30 de julho à 7 de agosto

A Federação das Entidades Folclóricas do Amapá (Fefap) anunciou oficialmente que o Festival Estadual junino do Arraiá no Meio do Mundo será no Sambódromo, em Macapá, com a disputa entre os 36 grupos da categoria Estilizada e 10 da categoria Tradicional. O evento seria realizado no município de Santana, porém o Conselho Deliberativo de Presidentes da entidade decidiu, por unanimidade, mudar para a capital. Os concursos acontecem de 30 de junho à 7 de julho, a partir das 19h, na área principal do Sambódromo.

Os presidentes do Conselho Deliberativo desistiram da realização do Festival Estadual em Santana, alegando intromissão de pessoas que não fazem parte da Federação e nem das instituições parceiras na administração do evento. Antes do Festival Estadual, que seria de 23 à 29 de junho, no estádio Vilelão, algumas autoridades tentaram criar tumultuo incitando a população para obrigar a Fefap a liberar a bilheteria, o que não pode ser feito em razão da necessidade de arrecadação de renda para manutenção dos eventos da entidade.

“A proposta de Fefap foi de descentralizar o Festival Estadual, e levar para outros municípios, onde os efeitos positivos da quadra junina pudessem ser sentidos, como na geração de renda, emprego temporário, movimentação do turismo cultural, e proporcionar entretenimento para a população. Mas infelizmente nossa instituição, foi martirizada com posicionamentos de pessoas com fins políticos, para fazer média com a população. E isso não podemos aceitar, e para evitar transtornos no Festival, trouxemos de volta para Macapá”, disse a presidente Daiana Ronieli.

O Arraiá no Meio do Mundo é realizado há dez anos pela Fefap, que é formada pela presidência, diretores e presidentes de cerca de 80 grupos de todo o estado. O Arraiá inicia ainda em abril, com os pré-festivais nos polos municipais, concursos para escolher a Corte Junina, seletivas nos polos, e Festival Estadual. Em todos os eventos são cobrados ingressos a preços populares, e quadrilheiros ligados à grupos da Fefap pagam com desconto. A renda arrecadada é dividida entre a Federação e grupos federados, e investido nas despesas.

“Vamos retornar para o Sambódromo e realizar mais uma vez uma festa brasileira no meio do mundo, com direito à shows feitos pelas quadrilhas juninas, que estarão disputando os títulos após meses de trabalho e ensaios, é o resultado de muito esforço e dedicação de todos. As disputas na maioria das vezes é o único momento em que um jovem pode ser aplaudido de pé, tem os holofotes voltados para ele, ali esses são os atores principais, e esta emoção queremos passar para o público que com certeza irá ao sambódromo”, disse Daiana.

Do Festival Estadual da categoria Estilizada, de 30 de junho à 3 de julho, participam os 36 grupos selecionados nas disputas nos Polos Municipais Leste, Norte e Macapá, e os do Polo Jari, que não realizaram a seletiva por transtornos com as chuvas. Os grupos tradicionais são 10, e se apresentam no dia 4 de julho, quando também são avaliados pela banca de jurados. De 5 à 7 de julho são realizadas as seletivas entre as mais bem avaliadas no quesito Estilizadas, e no dia 7 as campeãs são anunciadas.

PROGRAMAÇÃO DO FESTIVAL ESTADUAL

Local: Sambódromo
Hora: 19h
Ingresso individual: R$ 6,00
Mesa: R$ 40,00
Área Vip: R$ 10,00

30 de junho – Sábado: Cruzeiro do Sul, Verde e Amarelo, Flor Junina, Minha Flor, Flor da Mocidade, Explode Coração, Fogo e Folia, Estrela Junina (MCP) e Estrela Santanense.

1º de julho – Domingo: Pequena Dama, Fuzuê Junino, Tradição Junina, Explosão Junina (PG), Gaviões do Norte, Luar do Sertão, Explosão Junina (MCP), Art’s da Amazônia, Coração Brasileiro.

2 de julho – segunda-feira: Guerreiros de Fogo, Simpatia da Juventude, Estrela Junina (FG), Revelação, Renovação Junina, Estrela Brasileira, Constelação Junina, Reino de São João, Coração Valente.

3 de julho – Terça-feira: Encanto Junino, Império Amapaense, Coração Vitoriense, Magia da Juventude, Sorriso Cristalino, Fera Negra, Audácia Junina, Fera do Jari, Coração Vermelho e Branco.

4 de julho – Quarta-feira: Considerados dos Matutos, Lacração Junina, Coração Caipira, Os Bagunçados dos Matutos, Aventureiros do Norte, Filhos dos Matutos, Xodó Junino, Rosa dos Ventos.

Mariléia Maciel
Assessoria de Comunicação
Fotos: Márcia do Carmo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *