Conselho Superior do MP-AP realiza posse virtual de promotores de Justiça por promoção e remoção

O Conselho Superior do Ministério Público do Amapá (CSMP) realizou na manhã desta segunda-feira (3), por meio virtual, a remoção na entrância final, por merecimento, do promotor de Justiça Jander Vilhena, e a promoção para entrância final, pelo critério de antiguidade, do promotor de Justiça Marcelo Guimarães de Moraes. Os familiares e amigos puderam acompanhar, ao vivo, a transmissão pelo Canal do MP-AP na plataforma eletrônica Youtube.

A audiência de posse foi conduzida pela presidente do Colegiado, procuradora-geral de Justiça, Ivana Cei, com participação do corregedor-geral, Jair Quintas, e dos conselheiros, procuradores de Justiça Nicolau Crispino e Joel Chagas. O secretário do CSMP, promotor de Justiça Vinicius Carvalho, fez a leitura dos termos de posse, que designam o exercício das novas funções dos membros, a partir da data do ato.

O promotor de Justiça Jander Vilhena foi removido, na entrância final, para a titularidade da 1ª Promotoria de Justiça Criminal de Macapá, deixando a Promotoria com atuação na 3ª Vara Criminal e Auditoria Militar. Enquanto que o promotor de Justiça Marcelo Guimarães de Moraes foi promovido para a entrância final, e assume a titularidade da 4ª Promotoria de Justiça Criminal de Macapá, deixando a Promotoria de Justiça de Porto Grande.

Os empossados agradeceram e reafirmaram o compromisso de trabalharem cada vez mais em prol da sociedade, no cumprimento da missão institucional.

Os membros do Conselho Superior parabenizaram os promotores de Justiça, destacando suas trajetórias, bem como a atuação do promotor Marcelo Guimarães no cargo que ocupa, atualmente, no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). “São dois promotores com a carreira em ascensão dentro do MP-AP que tive a oportunidade de acompanhar”, ressaltou Jair quintas.

Joel Chagas parabenizou os dois promotores que estão sendo efetivados, e ressaltou a memória do promotor Eraldo Zampa, que por muitos anos foi titular da 1ª Promotoria Criminal de Macapá.

“São dois momentos distintos na carreira dos colegas. Primeiramente a promoção do promotor Marcelo a uma Promotoria da capital, ele que tem se mostrado eficiente no Conselho Nacional. O promotor Jander também tem sido aguerrido na área criminal e auditoria militar, demonstrado ser competente servidor público e um promotor atuante. A mudança na carreira significa um novo rumo para os senhores”, destacou Nicolau Crispino.

A PGJ também falou da importância dessa movimentação na carreira dentro do MP-AP para adquirir novos conhecimentos em diferentes áreas. “Devemos fazer a mudança porque é salutar para que a gente possa crescer muito mais. Meus parabéns, tenho certeza que os dois farão um excelente trabalho”, manifestou Ivana Cei.

No final da audiência, os conselheiros autorizaram a abertura de edital para as vagas nas Promotorias de Justiça do Meio Ambiente, em decorrência da promoção da titular, Ivana Cei, para a cargo de procuradora de Justiça, bem como das Promotorias de Justiça 3ª Vara Criminal e Auditoria Militar e da Comarca de Porto Grande, cujos titulares foram empossados.

SERVIÇO:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Gerente de Comunicação – Tanha Silva
Núcleo de Imprensa
Texto: Gilvana Santos
Contato: (96) 3198-1616
E-mail: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *