Covid-19: Prefeitura de Macapá dá continuidade às fiscalizações dos decretos municipais

As equipes das forças de segurança de Macapá deram continuidade às ações de fiscalização na última semana em pontos estratégicos da cidade. A ação, chamada de Tolerâncias Zero, tem como objetivo fiscalizar o cumprimento das normas municipais que dispõem sobre as medidas restritivas, sanitárias e de prevenção ao Coronavírus na capital. A operação, realizada pela Guarda Civil Municipal de Macapá, Companhia de Trânsito e Transportes e Secretaria de Meio Ambiente, conta também com o apoio da Polícia Militar do Estado.

Segundo o diretor de Operações da Guarda, Erlon do Espírito Santo, o Município orienta aos estabelecimentos quanto às normas de funcionamento como bares e restaurantes. “Além da fiscalização quanto às normas estabelecidas nos decretos, principalmente sobre horários e condições de funcionamento nos estabelecimentos, nossas equipes fazem o reforço orientando sobre as regras de distanciamento social, medidas sanitárias e de prevenção para evitar a proliferação do contágio pelo novo Coronavírus”, destacou.

Ainda segundo o diretor, a colaboração e a compreensão da população são imprescindíveis quanto ao cuidado com a própria saúde, ao uso de máscara, que, além de obrigatório, ajuda a prevenir a transmissão do vírus. Em Macapá, o uso da máscara de proteção facial, com proteção da boca e nariz, é obrigatório em todos os espaços abertos e fechados. O não cumprimento acarreta em multa de um salário mínimo, sendo no valor de R$ 1.045,00 para quem for flagrado sem o acessório; e multa de dois salários mínimos, sendo no valor de R$ 2.090,00, para quem for reincidente. O valor arrecadado será convertido em doações a entidades sem fins lucrativos.

A Operação Tolerância Zero realizou no período de 11 a 14 de novembro:

– 2 autos lavrados de empreendimentos infringindo decreto;
– 3 autos de infração de trânsito;
– 2 veículos recolhidos;
– 105 veículos abordados.

Secretaria de comunicação de Macapá
Amelline Borges
Assessora de comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *