Covid-19: Santana começará aplicar vacinas Pfizer em grávidas e puérperas com comorbidades na segunda-feira, 10

A Prefeitura de Santana iniciará na próxima segunda-feira, 10 de maio, a vacinação contra a Covid-19 para grávidas com comorbidades e puérperas, (mulheres que tiveram bebê há menos de 45 dias). Para este grupo, a Secretaria de Saúde destinará inicialmente 354 doses de vacinas Pfizer/BioNTech, que foram entregues pelo Ministério da Saúde ao município.

Para a imunização desse público, a Secretaria Municipal de Saúde reservou o Centro de Diagnóstico da Mulher, localizado a rua Cláudio Lúcio Monteiro, no bairro Hospitalidade. O atendimento ocorrerá de 9h às 15h.

Para que sejam vacinadas, as grávidas e puérperas devem comprovar o estado gestacional, apresentando a carteira de acompanhamento do pré-natal, exame laboratorial Beta HCG ou ultrassonografia para comprovação de gravidez, além do atestado de nascimento da criança, no caso das puérperas. Também será preciso comprovar a comorbidade na condição de risco, por meio de laudo médico e apresentar documentos de identidade, CPF, cartão do SUS e comprovante de residência em Santana.

Importante lembrar que a recomendação do Ministério da Saúde é que gestantes e puérperas só devem tomar a vacina contra Covid-19, 15 dias após a vacina de influenza (gripe) e/ou outra vacina do calendário de vacinação.

O intervalo entre a primeira e segunda doses da vacina Pfizer é de 12 semanas. O imunizante precisa ser armazenado entre -25ºC e -15ºC, podendo ficar até cinco dias sob uma temperatura entre 2ºC e 8ºC.

Comunicação – Prefeitura de Santana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *