Cultura da paz para casais: TJAP e MP-AP alinham preparativos para o lançamento do Projeto Recomeços, nesta sexta-feira (15)

Com o objetivo de ajudar casais que vivenciam conflitos intensos, mas desejam superar as dificuldades e permanecer juntos, o Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP), por meio do Centro de Justiça Restaurativa (Cejure) de Santana, lançará, nesta sexta-feira (15), no Fórum da Comarca, o Projeto “Recomeços – É Possível Fazer a Diferença”. O evento ocorrerá de 8h30 às 12h e será realizado em parceira com o Ministério Público Estadual (MP-AP) e demais instituições parceiras. O encontro, que será transmitido pelos Canais do TJAP e do MP-AP (@CanalMPAP), e contará com palestra da juíza Vanessa Aufiero da Rocha, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP), magistrada especialista na temática.

A iniciativa é organizada pela coordenadora do Cejure Santana e titular do Juizado Especial Cível daquela Comarca, Carline Negreiros, com a promotora de Justiça do MP-AP, Silvia Canela. A oficina preparatória reunirá tanto instrutores quanto servidores que estão lotados nas unidades que atendem as famílias.

De acordo com a juíza Carline Nunes, este projeto é de educação para um relacionamento e convivência saudável, para que casais que estão com conflitos familiares, recomecem com respeito. A coordenadora do Cejure Santana ressaltou que, para isso, os instrutores precisam ser preparados. Esse projeto é inspirado na oficina de parentalidade e construído com a participação de várias instituições, por conta da necessidade e importância de fortalecer a família.

Participarão do evento a coordenadora do Grupo Gestor da Justiça Restaurativa (NUPEJURE) do TJAP e titular da Vara da Infância e Juventude de Santana, juíza Larissa Antunes, diretora do Fórum de Santana, juíza Aline Perez e titular Juizado Especial Criminal e de Violência Doméstica e Familiar, juíza Michelle Farias. Além de servidores do Sistema de Justiça da Rede de Atendimentos da cidade.

Mais sobre o Projeto Recomeços

A Oficina para casais é um projeto piloto no Estado do Amapá, desenvolvido pelo Ministério Público e Tribunal de Justiça, em parceria com Governo do Estado do Amapá, Prefeitura Municipal de Santana e Assembleia Legislativa do Estado do Amapá. É um projeto educacional e preventivo destinado às famílias, especificamente a casais em situações de conflitos intensos, mas que querem transformar suas relações, sem necessidade de rompimento de vínculos familiares.

Os conflitos fazem parte da vida humana, e eles costumam ser compreendidos como indesejáveis ou como sinais de fraqueza, provocando a necessidade de evitá-los em vez de transformá-los em oportunidade de melhoria da qualidade dos relacionamentos pessoais ou sociais. Os conflitos nas relações familiares podem ser percebidos e tratados de forma diferente.

Parceiros

Também são parceiros da atividade a Assembleia Legislativa do Estado (ALAP), Governo do Estado do Amapá, por intermédio do Núcleo de Práticas Restaurativas do Instituto Penitenciário do Amapá (Iapen), a Delegacia de Mulheres de Santana, e a Prefeitura Municipal de Santana.

– Macapá, 14 de março de 2024 –

Secretaria de Comunicação do TJAP
Texto: Elton Tavares
Central de Atendimento ao Público do TJAP: (96) 3312.3800

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *