Devaneio de hoje: libertação


Ao acordar, a realidade dá um soco na cara a cada ressaca. Acusações giram na cabeça como facadas no coração. Escolhas e riscos assumidos. Às vezes não tem volta e nem cola para consertar o que se quebrou. Na memória doçura e dureza.

Jogos e recados virtuais, corações partidos, lembranças de palavras mal ditas, histórias inacabadas, instabilidade emocional, liberdade, incertezas, melancolia, explosão de euforia e ausência. Um telefonema e uma dúvida. Uma decisão errada. Burrice? Sabe lá.

Arrependimento, remorso, mágoa e culpa. Injustiça mútua, egoísmo repartido e crueldade, paralelo a lembranças de tudo que foi um dia e tudo que poderia ter sido. Noites em claro, ansiedade e amor. 

É hora de deixar o passado e viver o presente, que aliás, está cheio de possibilidades. Sim, libertação! 

Hoje é sexta-feira, por pior que tudo possa parecer, sempre existe um motivo pra sair da cama e escrever mais alguns parágrafos da história tragicômica de nossas vidas.

Caprichem nos próximos capítulos!” – do blog TRETA. 

Elton Tavares
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*