DIA NACIONAL DOS JORNALISTAS (programação do SINDJOR/AP)

12933129_10207456200636479_3417272866824354949_n

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Amapá (SINDJOR) saúda no dia 7 de abril – Dia Nacional dos Jornalistas, a todos os trabalhadores e trabalhadoras que, nas redações de jornais e revistas, estúdios de rádio e TV, nas mídias eletrônicas, escolas e assessorias de imprensa; escrevendo, editando, desenhando, fotografando, filmando, ensinando, narrando ou apresentando notícias em todos os suportes, exercem esta profissão que é um dos pilares mais visíveis da democracia.

O SINDJOR neste dia homenageia todos aqueles que, em qualquer condição de trabalho ajudaram a consolidar a organização da categoria. Lembrando neste dia a saga de todos aqueles que vieram empunhando a bandeira de organização da categoria: Associação Amapaense de Imprensa em 1963, culminando com a formação da primeira provisória sindical em dezembro de 1992.12961612_10207451970930739_2338565248623619784_n

O SINDJOR lembra a todos que, durante a caminhada vários companheiros foram agredidos, inclusive fisicamente, mas que nunca abandonaram a luta em defesa da categoria, exaltando em bom tom cada vez mais alto: o Direito a Liberdade de Expressão e responsabilidade com a informação para a consolidação de um Estado democrático de direito.

Saudamos o empenho dos companheiros na condução sindical – Barreiro Crisanto (1992), Evandro Luiz (1994), Gilberto Ubaiara (1998), Volnei Oliveira (2004), Simone Guimarães (2013), e Denyse Quintas (2016).dia-do-jornalista-200x188

Hoje o SINDJOR de braços dados com a FEDERAÇÃO NACIONAL DOS JORNALISTAS – FENAJ empunha a bandeira de reivindicação de liberdade, de condições de trabalho, de remuneração justa e digna por parte dos patrões/empresários que enriquecem utilizando a força de trabalho do jornalista amapaense/brasileiros. Para isso, acompanha a proposta de um piso salarial nacional, garantindo assim, a melhor qualidade de vida e a independência no exercício da profissão.

O S12968685_10207459256032862_769371461_nINDJOR juntamente com a FENAJ compartilha com os cursos de Jornalismo, seus professores e alunos, a certeza que superaremos de uma vez por todas esta situação constrangedora criada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), quando da decisão desastrada e obscurantista da retirada da exigência da formação superior para o exercício do Jornalismo. Agradece, mais uma vez, ao parlamento amapaense que, sintonizado com a opinião pública, está restituindo a dignidade para o jornalista e a qualidade do Jornalismo para a sociedade.

O SINDICATO DOS JORNALISTAS PROFISSIONAIS DO AMAPA – SINDJOR finaliza reafirmando o seu compromisso de defesa na construção de um Jornalismo de qualidade: independente, informativo e ético, que assegure a liberdade de expressão contida na constituição brasileira, reconhecendo que esta liberdade não é propriedade privada de jornalistas ou empresas de comunicação e sim propriedade do cidadão Amapaense.

Vivas aos Jornalistas Amapaenses!

A Diretoria

Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Amapá – SINDJOR/AP

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*