Dificuldades na Unacon são tratadas em reunião no MP-AP

As dificuldades enfrentadas na Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (UNACON) pelos que necessitam de tratamento especializado foram tratadas em reunião nesta terça-feira (21), na Procuradoria-Geral de Justiça do Ministério Público do Amapá (MP-AP). A procuradora-geral de Justiça, Ivana Cei, acompanhada do assessor especial da Procuradoria-Geral de Justiça, Vinicius Carvalho, e do secretário-geral do MP-AP, Alexandre Monteiro, recebeu o senador da República Randolfe Rodrigues e os representantes do grupo denominado Pacientes Oncológicos Unidos pela Vida e pelo Amor (Pouva) para que expusessem os problemas.

Na reunião foram relatadas a falta de estrutura para quimioterapia, não realização de exame para diagnóstico da doença, precariedade do serviço social, entre outros. Mas, as principais reivindicações que precisam de uma solução imediata são a falta de medicamentos básicos e específicos para o tratamento e a ausência de protocolo na rede de saúde para receber pacientes oncológicos com Covid-19.

“Não temos na Unacon os remédios básicos para dor de quem sofre de câncer que é a morfina, nem sequer uma simples dipirona. As famílias estão comprando os medicamentos para suprir a necessidade dos pacientes”, relatam os integrantes da Pouva, grupo criado por pessoas que se conheceram durante tratamento na Unidade.

Randolfe Rodrigues disse que, em 2017, alocou R$ 799.990,00 em recursos para a Unacon, tendo como objeto a aquisição de equipamentos. Segundo informou, os recursos foram recebidos pelo Estado, mas não sabe onde foi empegado e por isso pede a intervenção do Ministério Público.

O senador destacou, ainda, que ao tomar conhecimento das dificuldades no atendimento às pessoas com câncer na rede estadual de saúde, apresentou ao Ministério Público Federal (MPF) e MP-AP o pedido de investigação na utilização dos recursos e não prestação dos serviços.

Os membros do MP-AP informaram que será agendada uma nova reunião, ainda nesta semana, com a participação da Promotoria de Defesa da Saúde e os representantes Estaduais da Saúde, Finanças e Infraestrutura.

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Gerente de Comunicação – Tanha Silva
Núcleo de Imprensa
Coordenação: Gilvana Santos
Texto: Gilvana Santos
Contato: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *