DOMINGO É DIA DE POESIA NA PRAÇA

10610595_10153770225611773_5789272597466487152_n

O Movimento Poesia na Boca da Noite estende o Pano da Poesia neste domingo, 20, na Praça da Bandeira.

Um varal com mais de mil poesias será montado. Ao final do encontro essas poesias serão distribuídas ao público. O Movimento vai distribuir também 600 origamis poéticos e cem flores com versos.

Haverá rodada de declamação e de música (violão e gaita). O encontro começa às 17h e termina às 19h. Qualquer pessoa pode participar, basta gostar de poesia. Portanto, leve sua poesia ou de seus autores preferidos para declamar ou colocar num varal especial.

10527505_10153770226431773_3649236787383104495_n

Dentre as milhares de poesias que serão distribuídas, estão belíssimos poemas das gerações anteriores, como de Álvaro da Cunha, Alcy Araújo, Aluízio Cunha, Arthur Nery Marinho, Ivo Torres, Isnard Lima, Aracy Mont’Alverne, entre outros.

Nas fotos uma pequena amostra do que os integrantes do Movimento Poesia na Boca da Noite prepararam para este domingo.

Alcinéa Cavalcante

2013f

Meu comentário: admiro os poetas, sejam cultos, que usam refinados recursos de linguagem ou ignorantes, que versam sem precisar de muita escolaridade. Eles movimentam o pensamento e tocam corações. Não é a toa que as pessoas têm sido tocadas pela poesia há séculos. E nem interessa se o escrito fala de sensatez ou loucura. Tanto faz. O que importa é a criatividade, a arte de imprimir emoções em textos ou declamações. Por isso sempre divulgo e parabenizo ações como essa de hoje. Valeu, Alcinéa e demais envolvidos. e viva a Poesia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *