Domingo


Domingo, dia silencioso e cinza que nos coloca no numa espécie de limbo:  costuma não ter muitas opções e antecede a segunda-feira, quando as obrigações recomeçam. 

No domingo, a programação televisiva é pífia, com um formato chato e ultrapassado. E os apresentadores então? Todos são medíocres.  Fora aquela sensação de “acabou o final de semana, puta merda!” que o dia traz. 

Muitos vezes, parafraseio os Titãs: “domingo eu quero ver o domingo passar”, ou o Biquini Cavadão: “sonho acabar domingo, sem começar segunda-feira”. 

Mas domingo também rola almoço de família (hoje foi firmeza aqui), dia dos malucos piarem de novo (“não faço mais isso, mas entendo muito bem”), dia das velhinhas irem à missa e outras “dominguices”.

Eu vou dar um rolê. Bom fim de domingo pra todos nós. 

Elton Tavares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *