Eleições 2020: MP Eleitoral participa da abertura da votação paralela do TRE-AP

O Ministério Público Eleitoral, por meio do promotor Eleitoral da 2ª Zona, Iaci Pelaes, participou, às 7h, deste domingo (6), na Escola Estadual Gonçalves Dias, da abertura do processo de Votação Paralela das Eleições 2020 realizada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP). O procedimento tem por objetivo assegurar a lisura do processo eleitoral e tem acompanhamento do MP Eleitoral, auditores do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), além de representantes de partidos políticos.

A titular da 2ª ZE, juíza Eleusa Muniz, e o juiz eleitoral auxiliar, Marconi Pimenta, conduziram o processo no local de votação, que é uma auditoria pública da Justiça Eleitoral que consiste na simulação da Eleição com urnas oficiais, que seriam utilizadas no pleito e que, portanto, já haviam sido alimentadas com lista de candidatos e de eleitores. A amostragem objetiva validar a confiabilidade das máquinas.

O promotor Eleitoral participou da auditoria da urna eletrônica e destacou o aporte de segurança pública da Polícia Militar no local, devido a importância para o processo eleitoral. “É um ato formal necessário que tem, por fim, verificar se as urnas estão zeradas e devidamente habilitadas para funcionar e receber o eleitor. É a comprovação da confiabilidade do sistema”, manifestou Iaci Pelaes.

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Gerente de Comunicação – Tanha Silva
Núcleo de Imprensa
Texto: Gilvana Santos
Contato: (96) 3198-1616
E-mail: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *