Em semana de Lockdown e regime diferenciado de trabalho, Justiça do Amapá realiza mais de 130 mil movimentações processuais

Para a Justiça do Amapá a vida está em primeiro lugar. Mas, mesmo com a adoção de medidas mais restritivas, o Tribunal de Justiça mantém suas atividades com a utilização inteligente das ferramentas tecnológicas. Em meio ao lockdown, entre os dias 22 e 28 de março, a Justiça amapaense realizou 929 audiências. Os números de audiências se somam ainda a 1.469 sentenças, 5.544 despachos, 6.034 decisões e 120.415 atos cumpridos pelos servidores. Ao todo, foram contabilizadas 134.391 movimentações processuais.

O presidente do TJAP, desembargador Rommel Araújo, reafirmou o compromisso com a sociedade, mantendo a prestação jurisdicional com estratégias para conter as altas taxas de contágio e preservar a vida.

“Sensíveis ao momento crítico que enfrentamos no sistema de Saúde, intensificamos as medidas restritivas, mas sem deixar de lado as atividades jurisdicionais, que continuam sendo realizadas por nossos magistrados, servidores e colaboradores com o mesmo afinco, prova disso são os bons índices de produtividade obtidos nesta semana de Lockdown”, afirmou o magistrado.

O índice de produtividade é levantado semanalmente pela equipe da Secretaria de Gestão Processual e Eletrônica e enviado ao Conselho Nacional de Justiça. Desta forma, o CNJ pode apurar o desempenho de cada tribunal brasileiro durante a pandemia.

Texto: Mauricio Gasparini
Assessoria de Comunicação Social do TJAP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *