Empenho: GEA traça estratégia para execução de recursos federais

Foto: Márcia do Carmo
O governador do Amapá, Camilo Capiberibe, reuniu-se, nesta sexta-feira, 26, no Palácio do Setentrião, com gestores de órgãos estaduais que trabalham para garantir que o recurso de emendas parlamentares, de 2011 e anos anteriores, alocados pela Bancada Federal amapaense em Brasília (DF), não sejam perdidos por conta do não cumprimento dos prazos de execução ou falta de projetos, como determina o governo federal.

Participaram do encontro os titulares das Secretarias de Estado do Planejamento, Orçamento e Tesouro (Seplan), Juliano Del Castilo Silva, da Infra-Estrutura (Seinf), Joel Banha e do Meio Ambiente (Sema), Graiton Toledo, Gabinete Civil, Kelson Vaz, Agência de Desenvolvimento do Amapá (Adap), Ivana Antunes e do Instituto do Meio Ambiente e de Ordenamento Territorial do Estado do Amapá (Imap), Mauricio Souza.

Na reunião, ficou estabelecido que os órgãos terão procedimentos comuns, ou seja, as instituições trabalharão integradas e com o mínimo de burocracia entre elas. E com celeridade na elaboração de projetos, regularização e licenciamento de terras, além de identificação de áreas que estão elencadas nas emendas parlamentares e execução das obras pelo Estado.

Na próxima segunda-feira, 29, será entregue ao governador um relatório com o detalhamento dos recursos. Camilo Capiberibe terá o mapeamento que está alocado para o Estado, municípios e organizações sociais.

“Estabelecemos um padrão entre órgãos envolvidos com emendas parlamentares. Desta forma, pretendemos agilizar os projetos e dinamizar os processos para não perdermos a verba destinada ao Amapá. É um esforço do governo para executar recursos federais alocados para a construção de obras no Estado”, ressaltou o governador.

Elton Tavares
Assessor de Comunicação
Secretaria de Estado da Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *