Empreendedores do Vale do Jari recebem consultoria de costura avançada em modelagem industrial

Deize Pinheiro
Colaboração Vanusa Collares

O Sebrae no Amapá, por meio do Projeto Indústrias de Macapá e Santana, do segmento de confecção e moda promove aos empreendedores do Vale do Jari capacitação na solução Sebraetec intitulada “Consultoria de Costura Avançada em Modelagem Industrial”, que inicia em maio e finaliza em outubro. A consultoria  acontece nas dependências da Cooperativa de Costura Agulha Versátil, localizada na Vila do Planalto, no Distrito de Monte Dourado.
A ação é resultado da parceria entre os Agentes Locais de Inovação do Sebrae, Fundação Jari e Escritório Regional do Sebrae, sendo esta a primeira vez que empreendedoras do Vale do Jari, do segmento da confecção e moda recebem consultoria sobre modelagem industrial.
Levando em consideração o conceito de que as roupas são importantes ferramentas de marketing pessoal, de acordo com a assimilação, necessidades, praticidade ou o desejo de quem as usa. Na consultoria, também, são ensinadas noções básicas para confecção de moldes para a indústria, teorias e o desenvolvimento das principais bases do vestuário, peça piloto, graduação, encaixe, risco, enfesto, corte e tabelas de medidas.
Os moldes industriais exigem cuidados como marcação das costuras, indicação dos moldes das posições dos bolsos, botões, casas, pences, zíperes, sentido do fio do tecido, quantidade de vezes que será cortada à peça, referência, identificação da parte da peça do molde.
Essa ação tem como objetivo capacitar os profissionais para serem modelista nos ateliers ou empresa, pois passam a entender de moda e interpretar os modelos dos croquis e os consolidará. Dos modelos criados são provindos outros modelos, por esta razão a grande responsabilidade da atuação deste profissional na empresa.  A experiência é muito importante, e só será adquirida por meio da prática.

Para a diretora-técnica do Sebrae no Amapá, Ana Dalva Ferreira, a instituição foi muito cautelosa na escolha desse novo território (Vale do Jari) para implementar o Projeto Indústrias de Macapá e Santana, pois o número de empreendedoras do setor de confecção é significativo.  “Sempre que levamos ações do Sebrae ao Vale do Jari, é visível o comprometimento e o número de empreendedores dispostos a crescer na gestão de negócios, assim como no processo tecnológico”, disse a diretora-técnica do Sebrae no Amapá, Ana Dalva Ferreira.
Segundo a gestora de projetos do Sebrae, Vanusa Collares, a consultoria qualifica o profissional para o mercado, por isso a modelagem industrial e suas técnicas facilitam a confecção das roupas. “O corte é a base fundamental para um melhor caimento no corpo, ou seja, sem a modelagem a vestimenta fica comprometida”, comenta a gestora do Sebrae, Vanusa Collares.
De acordo com a consultora do Sebrae, Nazaré França da Silva, “a modelagem é fundamental nas indústrias têxtil e de confecções e para conquistar o mercado, os profissionais da área, necessitam atualizar seus conhecimentos e habilidades de acordo com as novidades”, finaliza.
As consultorias possuem carga horária de 250h/a, em duas (2) turmas, cada turma com 20 mulheres onde todas já atuam no mercado de costura. A primeira turma acontece no período de maio a julho, e a segunda turma de agosto a outubro.

Serviço:
Sebrae no Amapá
Unidade de Marketing e Comunicação: (96)3312-2832

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *