Estagiária do TJAP apresenta TCC sobre projetos sociais beneficiados com recursos da Justiça do Amapá

A estudante do Curso de Jornalismo da Universidade Federal do Amapá (Unifap) e estagiária da Secretaria de Comunicação (Secom) do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP), Rafaelli Marques apresentou, de forma virtual, na segunda-feira (13), seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) com o tema “Projetos sociais são beneficiados com recursos da Justiça do Amapá”. O TCC foi feito e apresentado juntamente com a também acadêmica Mariana Ferreira e orientado pela professora Laiza Mangas. As acadêmicas obtiveram aprovação.

De acordo com Rafaelli Marques, inspirada em sua experiência como estagiária da Secom TJAP, ela foi a idealizadora do tema do TCC, que inicialmente seria uma reportagem para a disciplina de Jornalismo Policial. A acadêmica relatou que o objetivo foi fugir de pautas comuns na editoria policial, que costumam tratar de crimes violentos.

Após ela e a colega se aprofundarem na pesquisa, foi decidido, por conta da relevância do assunto, usá-lo para o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) e focado no estudo da utilização de medidas como mecanismo de promoção da dignidade humana e respeito aos direitos fundamentais.

Na monografia apresentada, as estudantes reportaram o trabalho da então Vara de Execução de Penas e Medidas Alternativas (VEPMA), que agora é a Central de Garantias do TJAP, desenvolvido a partir de medidas judiciais que visam ser uma opção à prisão e superlotação das penitenciárias.

“Finalizar a graduação com uma reportagem de viés social colaborou positivamente no nosso exercício do jornalismo. Foi a possibilidade de conhecer e divulgar os trabalhos da Vepma e Casa Nosso Lar, ambas que atuam, cada um de sua maneira, pela garantia de direitos da população amapaense. Sem sombra de dúvida, isso enriqueceu a nossa jornada profissional, pois nós jornalistas aprendemos e guardamos cada uma dessas experiências”, ressaltou a Rafaelli Marques.

A ideia foi informar através de uma reportagem especial como as aplicações de penas feitas pela Justiça Estadual impactam de forma positiva em ações sociais, como exemplo o trabalho realizado na Casa ONG Nosso Lar, que acolhe pacientes que estão em tratamento fora de domicílio.

A professora universitária que orientou as duas acadêmicas elogiou a abordagem. “A temática do trabalho é relevante para sociedade ter ciência da existência de alternativas à pena de prisão. Elas destacaram os benefícios, como a redução da superlotação carcerária e o engajamento em trabalhos sociais. Desta maneira, acreditamos que o TCC desempenha o papel do jornalismo ao fornecer informações de forma acessível ao público e deixa um legado à Universidade”, detalhou Laiza Mangas.

Por sua vez, a coordenadora do Curso de Jornalismo da Unifap, professora Roberta Sheibe, também reforçou a importância do tema.

“A temática apresentada no trabalho de TCC da Rafaelli e da Mariana é importantíssima, não somente no âmbito do jornalismo mas de todas as áreas do conhecimento. Por meio do assunto apresentado, além de aprendermos sobre as ações do judiciário, percebemos investimentos sociais e a humanização de processos que são vitais pra sociedade”, comentou Roberta Sheibe.

Resultados efetivos

O TJAP devolveu quase R$ 880 mil à sociedade por meio de apoio a projetos sociais em 2023. Desde janeiro de 2024, mais de 500 pessoas para já foram beneficiadas com essa iniciativa.

– Macapá, 15 de maio de 2024 –

Secretaria de Comunicação do TJAP
Texto: Elton Tavares
Arte: Nina Ellen
Central de Atendimento ao Público do TJAP: (96) 3312.3800

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *