Exposição “Entre-linhas” irá até o dia 28, na Galeria do Museu da Fortaleza de São José

cartaz-expo

Aberta no último dia 7, a exposição de artes visuais “Entre-Linhas” estará aberta para visitação, na galeria do Museu da Fortaleza de São José de Macapá, até 28 de outubro. A mostra poética exibe trabalhos das artistas Antoniele Xavier, Carla Marinho, JJ Nunes e Pietá Miranda. O horário para visita é de 8h às 18h, com entrada gratuita.

O grupo, que também leciona na área de artes visuais, se juntou com o objetivo de expor obras com foco na ilustração contemporânea. Os temas são tão diversificados quanto às quatro mentes de distintas gerações, que promovem a mostra. Os desenhos são compostos por técnicas de aquarela e nanquim sobre papel, assim como pigmentos e fibras naturais.

“Entre-linhas” é uma exposição que pesca e costura ecos do tempo e fantasia. O texto curatorial é assinado por Fátima Garcia, arquiteta e professora do curso de Artes Visuais na Universidade Federal do Amapá (UNIFAP), além de Mestra em Teoria e Crítica de Arte pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

antoniele-xavier

Sobre as artistas

Antoniele Xavier é macapaense, artista visual, palhaça e atriz. Em seus trabalhos (seja desenho, pintura ou performance) é enfatizado o diálogo entre a poética líquida, o tempo e a memória. É formada em Artes Visuais pela UNIFAP e Administração Geral pela Faculdade do Estácio do Amapá (FAMAP).

Carla Marinho é macapaense e artista visual. Participou de várias exposições, recebendo premiação e títulos. Seus trabalhos se apropriam de questões do cotidiano, associado ao universo feminino infantil, ilustrando fantasia e ludicidade. É Mestra em Ensino das Artes Visuais pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e pesquisas relacionadas a poéticas contemporâneas, produção em artes visuais, ensino das artes e mediação cultural. Leciona na rede estadual de ensino.

jj-nunes

JJ Nunes é soteropolitana criada em terras tucujús, está entre a música e as artes visuais. Faz desenhos em preto e branco, se molha em lagos da psiqué humana e do feminino. Participou de exposições e intervenções urbanas com o coletivo de artes Catita Clube. Foi premiada no 9º Salão de Artes do Sesc Amapá (2012), com a instalação “Neutra”. Participou do “Projeções do Feminino” (PA), obra de videomapping com artistas mulheres da região Norte, em 2014. Formou-se pela UNIFAP e leciona na área.

Pietá Miranda é macapaense, artista visual e atua como professora no Centro de Educação Profissional em Artes Visuais Cândido Portinari. Sua produção é artesanal, utilizando como suporte fibras e pigmentos naturais. Aqui o olhar se volta ao cotidiano, à invisibilidade social e minorias.

Serviço:

Exposição “Entre-linhas”
Local: Galeria do Museu da Fortaleza de São José
Período da exposição: 7 a 28/10 de 8h as 18h
Entrada gratuita

Jenifer Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *