Feliz aniversário, José Jardim!

541280_365938703484565_659864247_n
José Marques Jardim

Hoje aniversaria o jornalista, poeta, escritor, assessor de comunicação, cronista, ex-colaborador deste site, baterista dos bons, fã de Rock and Roll e brother deste editor, José Marques Jardim. Nem lembro onde e quando conheci o cara, mas sempre me dei muito bem com ele. Além do jornalismo, temos outras afinidades e dezenas de amigos em comum, o que facilitou a aproximação. O figura é parceiro!

Jardim integrou, nos final dos aos 80, o movimento Rock de Garagem no Amapá. Na época, teve contato com bandas como “Misantropia”, “Anonimato” e “Prisioneiros do Lar”. Foi baterista da banda “URA”, precursora do punck rock amapaense naqueles tempos. Nos primeiros anos da década de 90 fundou, com outros dois integrantes, a banda Silver Beatles, que durou 16 anos.

Ainda nos anos 90, teve ligação com o movimento estudantil e também ingressou na Literatura entrando para a Associação Amapaense de Escritores. Foi um dos organizadores da “Primeira Mostra de Poesia Marginal”, que percorreu várias escolas privadas e públicas da capital. Lançou dois livros de poesia; “Poesia Marginal” e “Conspirações do Silêncio”.

jardimbatera
Jardim tocando em uma “Jam Session”, no Bar do Rui – 2010 – Fotos: Elton Tavares

Antes disso, escrevia artigos e crônicas para jornais até ser chamado para reportar a área policial. Depois disso assumiu a editoria geral de importantes jornais do Estado, passou a trampar na TV, foi redator e diretor de Jornalismo do SBT, Record e Band, Rede TV, MTV e Canal Brasil. Hoje em dia, atua como assessor de comunicação de um mandato parlamentar. O cara é um grande profissional!

Declaradamente apaixonado pela música e boemia, vez ou outra participa de jam sessions onde o “prato principal” é o bom e velho Rock and Roll.

Quando o perguntam como concilia tanta coisa, Jardim responde: “estava casado com a Música e com a Literatura, aí o Jornalismo passou na minha frente, feito uma mulher de pernas lindas usando saia curta e um decote maravilhoso que deixava os seios à mostra. Não deu outra; fui atrás querer saber mais sobre ela. Hoje, nós três dividimos a mesma cama”.

13699943_1247590271960668_1116642223962728432_n
Eu e Jardim no show do Legião Urbana em Macapá – Julho de 2016

A gente pouco se encontra, mas ele gosta de mim e eu dele. Nossa amizade e respeito são mútuos, e por isso deixo aqui registrado o meu apreço pelo brother. Podem ter suspendido os Jardins da Babilônia, mas o Zé Jardim tem as raízes bem fincadas na cultura, jornalismo e música. Saúde e sucesso sempre, mano velho!

Meus parabéns e feliz aniversário!

Elton Tavares

*Texto republicado, mas de coração. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *