Festival cultural em Macapá vai apresentar 30 novas composições de marabaixo

Festival de marabaixo vai eleger a melhor composição (Foto: Sankofa/Divulgação)

Por Jorge Abreu

Inicia nesta sexta-feira (3) o 2º Festival Cantando Marabaixo que vai apresentar 30 composições inéditas, sendo oito delas produzidas por estudantes da rede pública. O evento segue até domingo (5) na quadra da escola de samba Maracatu da Favela, na Zona Sul de Macapá.

O festival promovido pelo Movimento Nação Marabaixeira dá início a programação oficial do Mês da Consciência Negra. De acordo com a organização, oficinas de marabaixo foram ofertadas e um CD foi gravado com as composições dos alunos.

Os dois primeiros dias do evento contam com eliminatórias. Já no domingo, está previsto a final com a canção campeã. Os três melhores do festival, eleitos por uma comissão julgadora, serão premiados com R$ 3 mil (1º lugar), R$ 2 mil (2º lugar) e R$ 1 mil (3º lugar). As composições serão avaliadas por um corpo de jurados que analisarão letra, melodia e originalidade.

O projeto da programação Mês da Consciência Negra, protocolado nos governos estadual e municipal, foi orçado em quase R$ 1,5 milhão. Até o dia 30 de novembro, serão apresentados hip-hop, marabaixo, batuque, zimba, sairé, capoeira, religiões de matrizes africanas, reggae e outros.

Confira a programação do II Festival Cantando Marabaixo

Sexta-feira

20h – Abertura
20h30 – Rufar dos Tambores
21h – Início do Festival
Música: Congos de todos nós – Escola Estadual Benigna Moreira
Música: A grande lição – Escola Estadual José Bonifácio
Música: Laguinho em Festa – Escola Estadual Azevedo Costa
Música: Salve Edgar Lino – Escola Estadual Edgar Lino
Música: Mulher Capoeira
Música: Laguinho Tocar
Música: Meus Poetas
Música: Cântico dos Ancestrais
Música: Negra Bailou
Música: Maria e Joaquinas
Música: Sou Negra Sim
Música: Lindo na Foto
Música: Batuque
Música: Morena Faceira
Música: Caminho do Poço do Mato
23h – Show com o grupo Papo de Samba Raiz
2h – Encerramento

Sábado

19h – Roda de Samba
21h – Inicio do Festival

Música: Fé no Tambor – Escola Estadual Jesus de Nazaré
Música: Um Som do Coração – Escola Municipal Goiás
Música: 50 Anos Agitado – Escola Estadual Sebastiana Lenir
Música: Negra do Igarapé – Escola Estadual Augusto dos Anjos
Música: No Marabaixo é Assim
Música: Mulheres Empoderadas
Música: Conquista de um Caboclo
Música: Marabaixo é de Todos
Música: Meu Quilombo
Música: Tributo a Negra Resistência
Música: Vem Marabaixar
Música: Tenha Do De Mim
Música: Somos Mazaganenses
Música: Eu Nunca Canto Sozinho
Música: Agradecimento Mãe de Deus Piedade
23h – Show com o grupo de Pagode Rota Samba
2h – Encerramento

Domingo

19h – Show com grupo Marabaishow
21h – Final do Festival
23h – Show com a Bateria e apresentação do casal de Mestre Sala e Porta Bandeira da Escola de Samba Maracatu da Favela
2h – Encerramento

Fonte: G1 Amapá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *