Governo do Amapá faz lançamento do ‘Arraiá do Povo 2024’, com 12 dias de programação gratuita

O Governo do Amapá lançou na quarta-feira, 5, no Palácio do Setentrião, a programação do “Arraiá do Povo 2024”. O evento será de 21 de junho a 2 de julho, na Cidade Junina, que será construída pela primeira vez no Parque de Exposições da Fazendinha, em Macapá.

Organizado pelas secretarias de Estado da Cultura (Secult) e do Turismo (Setur), o evento conta com recursos do Tesouro Estadual e emendas parlamentares articuladas pelos senadores Davi Alcolumbre e Randolfe Rodrigues.

“Juntamos esforços para fazer a melhor festa possível para o Amapá. A quadra junina é uma tradição, além de um momento produtivo para a cultura e economia do estado. Vão passar por este palco quadrilhas do Oiapoque ao Jari, se apresentando com orgulho e animação para realizar uma festa inesquecível”, destacou o governador Clécio Luís.

O fomento irá custear toda a estrutura da Cidade Junina, como palcos, tendas, sonorização, iluminação, cachês artísticos, e também integra o investimento direto feito nos grupos juninos para a realização das apresentações.

“Eu sou um apaixonado pelo São João e defendo o que acredito. Nós fomos buscar caminhos com parceiros, e finalmente chegou o dia em que estamos sendo valorizados e respeitados por nossa cultura”, ressaltou o presidente da Liga Junina de Macapá (Ligajum), Cláudio Vaz.

Novidades

Serão 12 dias de programação envolvendo grupos juninos dos 16 municípios do estado, totalizando mais de 80 apresentações. O espaço receberá nestes dias os Festivais Juninos da Ligajum, da Federação das Entidades Juninas e Folclóricas do Amapá (Fejufap) e da Federação de Entidades Folclóricas do Amapá (Fefap) – Arraiá no Meio do Mundo.

“Nossa festa acontece em conjunto com as entidades que fazem a quadra junina. Essa programação é muito esperada, com danças, brincadeiras e trazendo a beleza do segmento. Investir na cultura é economia, pois estimula uma cadeia produtiva que envolve trabalhadores e pessoas que se preparam o ano inteiro para este momento”, evidenciou a secretária de Estado da Cultura, Clícia Vieira Di Miceli.

Entre as novidades da edição 2024, estão a construção de dois palcos e parques com brincadeiras tradicionais, a assistência de hospedagem e alimentação para quadrilheiros que vierem para Macapá, e o apoio para as quadrilhas campeãs representarem o Amapá em competições nacionais.

A programação também conta com dois shows nacionais, nos dias 21 e 27 de junho, na abertura do evento e no Dia do Quadrilheiro.

Texto: Fabiana Figueiredo
Foto: Max Renê/GEA
Secretaria de Estado da Comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *