Governo do Amapá recebe plano e diagnóstico da Fecomércio sobre o turismo no Amapá

O governador Clécio Luís acompanhou na segunda-feira, 27, a apresentação da pesquisa “Turismo no Amapá 2024” sobre os meios de hospedagem, atrativos turísticos e alimentação fora do lar nos 16 municípios do estado, realizada pelo Conselho Empresarial de Turismo e Hospitalidade do Amapá (Cetur/AP), vinculado a Federação do Comércio (Fecomércio).

O objetivo foi expor dados que sirvam de base para diversos projetos públicos e privados, que contribuam para o desenvolvimento regional do turismo amapaense. Dessa forma, será possível traçar uma radiografia concreta das atividades turísticas, mapeando quais são os principais pontos, assim como as reais necessidades e tendências de evolução, dentro de cada município.

“Todo esse trabalho é muito importante, pois foi feito pelo olhar empresarial. Nós fizemos o nosso, entregamos no começo do ano um inventário, o olhar público, os dois se complementam e poderemos atuar nos pontos que realmente precisam de investimentos. Enquanto isso, estamos tocando a nossa política de valorização de eventos que promovam negócios, turismo e geração de emprego e renda no Amapá”, destacou o governador, Clécio Luís.

De acordo com a organização, a pesquisa levou seis meses para ficar pronta, levando em conta a coleta presencial dos dados, os registros fotográficos dos principais pontos turísticos e a análise dos materiais coletados.

“Estamos apresentando um diagnóstico completo que vai servir para os empreendedores, setores públicos e privados, além da comunidade. Esse trabalho vai aquecer os setores econômico e de desenvolvimento do estado”, enfatizou o presidente da Fecomércio Amapá, Ladislao Monte.

Junto com a apresentação da pesquisa também foi anunciado o lançamento do livro e do Portal do Turismo no Amapá. O evento ocorreu no auditório da Fecomércio, em Macapá, e contou com a presença de autoridades públicas, empresários, parceiros e de todo o trade turístico do estado.

O Instituto Fecomércio foi o responsável pela coleta dos dados que contou com o apoio do Serviço Social do Comércio (Sesc), do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e de todas as entidades que compõe o Cetur/AP.

Texto: Weverton Façanha
Foto: Maksuel Martins/GEA
Secretaria de Estado da Comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *