Hoje é o Dia Mundial da Paz – Que tenhamos muita paz e saúde em 2021!!

Hoje é Dia Mundial da Paz e como temos uma sessão chamada “datas curiosas”, é claro que não deixamos passar batido. A data foi instituída oficialmente pelo papa Paulo VI em 1967, que escreveu uma mensagem propondo a criação da data, a ser festejado no dia 1 de janeiro de cada ano por apontar o caminho da vida humana para o futuro, com o mesmo fim em mãos: a paz(1.relação entre pessoas que não estão em conflito; acordo, concórdia; 2. relação tranquila entre cidadãos; ausência de problemas, de violência).

A paz é um sentimento de harmonia com outras pessoas e a relação entre os seres humanos e o tempo sempre foi de admiração e agradecimento. Há mais de 2000 mil anos, os povos babilônicos comemoravam o início do ano apenas em março, devido à chegada da primavera no hemisfério norte.

Era nessa época que eles voltavam a praticar a agricultura e esse momento ficou conhecido como o reinício da vida. Os romanos definiram posteriormente o dia 1º de janeiro como a data símbolo dessa renovação de vida, o Ano Novo. Em 1582, ela foi inserida no calendário gregoriano, promulgado pelo Papa Gregório XIII.

Neste 54º Dia Mundial da Paz, o tema é: “A cultura do cuidado como percurso para a paz”.

Papa Francisco (Foto: Vatican Media)

Na mensagem, o Papa Francisco disse:

Penso, em primeiro lugar, naqueles que perderam um familiar ou uma pessoa querida, mas também em quem ficou sem trabalho. Lembro de modo especial os médicos, enfermeiras e enfermeiros, farmacêuticos, investigadores, voluntários, capelães e funcionários dos hospitais e centros de saúde, que se prodigalizaram – e continuam a fazê-lo – com grande fadiga e sacrifício, a ponto de alguns deles morrerem quando procuravam estar perto dos doentes a fim de aliviar os seus sofrimentos ou salvar-lhes a vida”, refere Francisco. O Papa também reitera o seu apelo “aos políticos e ao sector privado para que adoptem as medidas apropriadas a fim de garantir o acesso às vacinas contra a Covid-19 e às tecnologias essenciais necessárias para prestar assistência aos doentes e aos mais pobres e frágeis “. O texto adverte também para o ressurgimento de várias formas de “nacionalismo, racismo, xenofobia e também guerras e conflitos”, que “semeiam morte e destruição”. Francisco propõe nesta mensagem “a cultura do cuidado como forma de paz” e “erradicar a cultura da indiferença, da rejeição e do confronto, que hoje costuma prevalecer”, destacando o papel da mulher, na família “e em todas as esferas sociais, políticas e institucionais“.

Portanto, entro neste novo ano totalmente desarmado de sentimentos ruins. Espero que assim eu permaneça. Portanto, queridos leitores, que em 2021 tenhamos muita saúde, paz em nossos trabalhos, família e demais relações. Que a Força esteja conosco!

Assista aqui a mensagem do Papa:

Elton Tavares
Fontes: Calendarr Brasil e O Mirante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *