Ifap concederá mais de R$ 500 mil em auxílio emergencial para seus estudantes

O Instituto Federal do Amapá (Ifap) está com inscrições abertas para concessão de auxílio emergencial a seus estudantes em situação de vulnerabilidade social até o próximo dia 19/4. Para participar da seleção, o estudante deve estar regularmente matriculado em um dos cursos presenciais do nível médio técnico ou do ensino superior de qualquer uma das unidades da instituição. Atendido esse requisito, o estudante deve ler na íntegra o edital e preencher o formulário de inscrição.

São aptos a pleitear o auxílio estudantes que: tenham sido contemplados no Programa de Assistência Estudantil 2019 até o mês de dezembro, estudantes que tenham realizado sua inscrição no edital do Programa de Assistência Estudantil – 2020 e estudantes que comprovem situação de vulnerabilidade socioeconômica ocasionada ou agravada pela pandemia da Covid-19.

Ao todo, serão contemplados 1.419 estudantes do Ifap com auxílios de R$ 180,00 durante dois meses. Esse número de auxílios será dividido entre as unidades do Ifap da seguinte forma: Campus Laranjal do Jari (360 auxílios), Campus Macapá (729), Centro de Referência em Educação a Distância Pedra Branca do Amapari (30), Campus Porto Grande (110), Campus Santana (120) e Campus Avançado Oiapoque (70).

O pagamento do auxílio emergencial será feito por meio de transferência bancária para a conta informada pelo estudante no formulário de inscrição. Sobre esse ponto específico, o pró-reitor de Ensino do Ifap, Romaro Silva, explica que “é necessário que o estudante inscrito seja o titular da conta informada, sendo esta vinculada ao seu CPF. Não serão validados pagamentos em contas de terceiros, bem como em contas inativas, inválidas ou encerradas. Por isso, pedimos que no ato da inscrição, nossos estudantes tenham o máximo de atenção ao digitar seus dados para que esses erros possam ser evitados”.

Após a inscrição, as informações prestadas pelos estudantes serão avaliadas pela equipe de Serviço Social do Ifap, que observará fatores sociais e econômicos que possam interferir diretamente no risco de contágio das respectivas famílias pela Covid-19, tais como: condições de moradia, membros da família pertencentes aos grupos de risco, renda familiar. A seleção também irá priorizar estudantes que ainda não recebam outros recursos provenientes da assistência estudantil.

Para a reitora Marialva Almeida, “o momento pelo qual nossa sociedade passa exige de todos nós solidariedade, calma e, mais do que nunca, otimização dos recursos que temos disponíveis para reduzir, ao máximo possível, os impactos negativos desse vírus em nossas cidades. O Ifap interrompeu as aulas e as atividades administrativas em suas unidades, mas está focado, através do teletrabalho de seus servidores, para que ações como essa de concessão do auxílio emergencial possam ser realizadas e beneficiem nossos estudantes o mais rápido possível”

Por Alexandre Brito, jornalista da Reitoria
Departamento de Informação, Comunicação e Eventos – Deice
Instituto Federal do Amapá (Ifap)
E-mail: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *