Intercâmbio de cultura, religião e gastronomia marcam a Semana da África no Amapá

De 19 a 25 de maio o Amapá será palco de uma vitrine da cultura afro local, nacional e internacional, período que serão promovidos eventos culturais, gastronômico, esportivo e religioso e ainda homenagens e debate. A programação comemora o Dia da África, para valorizar e conscientizar sobre a importância da cultura africana na formação da identidade cultural brasileira, especialmente no Amapá. Estão confirmadas as presenças de personalidades negras da Guiana Francesa, República do Congo, África e Saint George.

A II Semana Amapá: A África Amazônica 2023 é uma realização da Academia de Batuque e Marabaixo e tem como tema “Reescrevendo a Presença Negra no Amapá”. O Dia da África é celebrado no dia 25 de maio, em nível mundial, pela Organização das Nações Unidas (ONU), e no Amapá, por iniciativa da ativista Cristina Almeida, que aprovou através de seu mandato a Lei Estadual nº 2.711/22. A então deputada estadual justificou a Lei como um ato de resistência, considerando que, apesar do IBGE apontar que o Brasil é formado por mais de 50% de pessoas negras e pardas, o racismo e o preconceito ainda são realidades.

A programação é diversificada, uma vitrine com todos os elementos que formam esta cultura, promovendo o intercâmbio de costumes, danças e artes, proporcionando entretenimento, conhecimento e incentivando turismo e o empreendedorismo. Os eventos serão realizados em pontos diferentes do Amapá, como nos municípios de Macapá e Mazagão, e distritos de Igarapé do Lago e Maruanum, uma valorização de espaços históricos e tradições.

Cortejo, exposição, feira, celebração afro-festiva, roda de conversa, mesa de debates, apresentação da gastronomia afro, homenagem ao ex-prefeito de Macapá, Azevedo Costa, posse de novos membros da Academia de Batuque e Marabaixo, shows internacionais, apresentação de batuque e marabaixo estarão disponíveis para participação do público. O evento tem o apoio de religiosos católicos e de matriz africana, grupos de capoeira, de marabaixo e batuque, e de lideranças negras do Amapá.

PROGRAMAÇÃO

19 DE MAIO
Abertura – Cortejo Afro Amapá
15h – Concentração no Parque do Forte
16h – Abertura oficial – Rito de Exu
Roteiro do Cortejo: Parque do Forte/OAB/AP/Igreja Matriz São José/Praça do Barão do rio Branco, antigo Largo São João.

21 DE MAIO
8:30 – Encontro das louceiras do Maruanum
Local: Centro de Exposição Louceiras, no distrito de Maruanum
19:00 – Celebração Afro Festiva (Pastoral Afro Amapaense)
Com os padres Celestin Degnine, da África, e Benedito e Francivaldo, do Amapá.
Local: igreja São Benedito

22 DE MAIO
8:30 – Sessão Solene com a participação de vereadores e autoridades africanas, guianenses e do Amapá.
Local: Assembleia Legislativa do Amapá (ALAP)
15:00 – Roda de Conversa sobre história, políticas públicas, legislação e religiões.
Local: Universidade Estadual do Amapá (UEAP)

23 DE MAIO
08:00 – Apresentação da gastronomia afroamapaense
09:30 – Posse de novos membros da Academia de Batuque e Marabaixo
11:00 – Entrega do troféu Afro Destaque 2023 ao ex-prefeito Azevedo Costa
16:00 – I Encontro Internacional de Mulheres Negras em Diáspora, com a participação de Joyce Visi Bobesse, da República do Congo, Josephine Egaisi, da Guiana Francesa, Zélia Amador, do Pará, e Alzira Nogueira, do Amapá. A mediadora será Cristina Almeida.
Local: Museu Sacaca

24 DE MAIO
Confraternização
– Feira de artesanato, entrega de oficinas de produção de farinha, pintura em telas, contação de histórias e confecção de caixas de marabaixo, apresentações culturais.
Local: Comunidade de Campina Grande

25 DE MAIO
7:30 – Feira Preta
8:30 – Inauguração do Museu Afro Amazônico Josefa Perera Lau
8:30 – Apresentação do grupo Tradição Marabaixo das Cores
11:00 – Apresentação do batuque de Vila Queiroz/ Mazagão Velho
11:30 – Apresentação do grupo Raízes da Favela
12:00 – Marabaixo do Igarapé do Lago
Local: Av: Silas Salgado, 3586, bairro Santa Rita

19:00 – Celebração Afro Festiva com padre Paulo Roberto Matias, Banda Afro Brasil e Grupo de Dança Baraká.
20:00 – Apresentações do Groupe Katrepis, de Saint George, batuque e marabaixo.
Local: Centro de Cultura Negra do Amapá (CCNA).

Mariléia Maciel – Assessoria de Comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *