Jesus, o maior cozinheiro que já existiu

Por Edson Aran
 
Jesus Cristo já virou psicólogo (“Jesus, o maior psicólogo que já existiu”, veja a lista de best-sellers), general (“Jesus, o maior líder que já existiu”, veja a lista de novo) e até gerente (“Jesus, o maior executivo que já existiu”, outra vez). Mas dá pra faturar mais dinheiro com o cara, gente boa. Um livro de culinária, por exemplo.
 
E seus discípulos lhe rogaram: Mestre, come. Mas Jesus lhes disse: A comida que tenho para comer, vós não conheceis.
(João 3; 31-32)
 
Como escolher um bom cozinheiro
 
O homem que lhe dará de comer tem de ser puro de coração e de conduta ilibada. Certifique-se de que ele seja filho do seu pai, e o pai dele do avô, Eli. E Eli de Matate, e Matate de Levi, e Levi de Uéstope, e Uéstope de Melqui, e Melqui de Manaqueu, e Manaqueu de Balacobaco, e Balacobaco de Ziriguiduum, e Ziriguiduum de Zorobabel, e Zorobabel de Zoologicus, e Zoologicus de Booz, e Booz de Babalu, e Babalu de Ragú, e Ragú de Fuagrá, e Fuagrá de Ganso, e Ganso de Sete, e Sete de Adão, e Adão de Deus. Mas exija que ele lave as mãos, mesmo assim.
 
Pães e peixes à moda da montanha
 
Nem só de pão vive o homem. É preciso o acompanhamento de peixe salgado e algumas gotas de azeite extra-virgem. Pegue cinco pães e dois peixes secos. Reserve. Pulverize os peixes com o sal da terra. Abra o pão, passe o azeite e acrescente o peixe. Sirva imediatamente. Porção para cinco mil pessoas.
 
Bezerro Cevado à Filho Pródigo
 
Tome um de seus filhos, reserve e o mande passear. Quando o filho pródigo voltar para casa, mande abater um bezerro cevado e sirva imediatamente. Caso outro de sua prole observe que é comida demais para um parente ausente, vagabundo e gastador, responda: “Santo de casa não faz milagre, Manézeque. Vai pegar outra garrafa de vinho.”
 
Salada de sementes
 
Recolhei apenas as sementes que floresceram, pois que as que caíram sobre terreno pedregoso não têm gosto bom. Lave-as bem e deixe-as imersas em água límpida para que fiquem al dente. Bom mesmo é temperá-las com sal. Mas se o sal perde o sabor, como você o restituirá? Tenha o sal dentro de você e coma as sementes sem tempero.
 
Carne cozida no vinho
 
Deposite a carne temperada numa vasilha de barro, cubra o alimento com água e leve à fogueira. Aos poucos, vá acrescentando o vinho que sobrou das bodas de Canaã. A carne não deve ficar muito seca nem encharcada. Sal da terra a gosto. Convide os amigos, pois quem come da minha carne e bebe do meu vinho, estará comigo para sempre. Peça que eles tragam a sobremesa.
 
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*