Joãozinho Gomes, Enrico Di Miceli, Val Milhomem, Zeca Preto, Neuber Uchoa e Mário Moraes no show Maniçoba Musical em Belém


Sons da Amazônia se encontram hoje (11), no palco do SESC/Boulevard, no show Maniçoba Musical. Enrico Di Miceli, Joãozinho Gomes e Val Milhomem, do Amapá,  Mário Moraes, Pará, e Zeca Preto e Neuber Uchoa, de Roraima, são os artistas amazônicos que apresentam um repertório com músicas produzidas no Norte do Brasil mostrando a diversidade sonora da região. O show tem ainda a participação dos amapaenses Patrícia Bastos e Ricardo Iraguany, e do paraense Nilson Chaves.

Enrico, Joãozinho e Val Milhomem têm carreira consolidada no Amapá e desbravaram não somente o Norte, mas outros estados brasileiros onde impuseram seus talentos e a música amapaense. Têm trabalhos individuais e em parceria, assim como as apresentações, a exemplo do show Timbres e Temperos, os CDs Amazônica Elegância e Dança das Senzalas e Tambores no Meio do Mundo. Joãozinho e Enrico estão nos discos de Patrícia Bastos, como Eu sou Caboca e no mais recente, Zulusa.    

Os roraimenses Zeca Preto e Neuber Uchôa são revolucionários e pioneiros do Movimento Cultural Roraimeira, dos anos 80, quando começaram suas carreiras. Zeca é cantor, compositor e poeta, e percorreu vários estados apresentando a música roraimense para o Brasil. Tem oitos discos gravados e dois livros publicados. Neuber segue o mesmo caminho de Zeca, tem cinco CDs solos e seis coletivos, e dois livros publicados.

O compositor e intérprete Mário Moraes representa no show Maniçoba Musical a música do Pará. Participou de diversos festivais nacionais, tem espaço na noite paraense e se apresentou em estados como o Amapá e outros. Os seis artistas amazônicos revelam a identidade da música regional no Sesc/Boulevard, com os tambores, sons indígenas, o verdadeiro ritmo do norte do país.

Serviço:


SHOW MANIÇOBA MUSICAL

Data: 11 de outubro
Local: Sesc/Boulevard
Hora: 20h
Entrada Franca

Mariléia Maciel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *