Júlia Canto gira a roda da vida. Feliz aniversário, querida amiga!

Tenho alguns velhos amigos com quem mantenho uma relação de amizade e respeito, mesmo a gente com pouco contato. É o caso da Júlia Canto. Hoje, essa mulher linda, inteligente e gente fina, gira a roda da vida.

Júlia é filha do Fernando Canto, esposa do Jerry Max Hilder, designer de ambientes, flamenguista, apaixonada pela boemia, Rock e cervas enevoadas, entre outras tantas coisas legais, além de muito querida amiga deste jornalista.

Rebecca, Júlia, Anderson e eu, em algum lugar do passado.

Conheci a Júlia há 20 anos, em um desses julhos quentes, durante as férias. Um período de muita diversão, amizade e construção das pessoas que somos hoje. Bons tempos!

Ela mora em Denver, no Colorado (EUA), o que lhe rendeu o breve apelido de “americana”, dado pelo Adroaldo em uma de nossas dezenas de amanhecidas etílicas e felizes. Graças ao seu pai, de vez em quando dá o ar da graça em Macapá e é sempre muito bom rever a menina.

Julinha em uma de suas vindas ao Amapá. A gente já pirou um bocado juntos.

A Júlia aparece do nada e sua estadia por aqui é sempre um evento. A maluca tem o poder de reunir o pessoal em festas improvisadas, que sempre são muito legais.

Julinha é linda, por dentro e por fora, uma pessoa cativante, sorridente, louca varrida, dona de uma paideguice que irradia. Além de muito inteligente e queridona por mim, nossos amigos e, é claro, sua família.

Júlia Canto e Jerry Hilder, no casamento deles, há exatamente um ano.

Os anos passam, as turmas mudam, mas a amizade e consideração que nutro pela Júlia continuam as mesmas de sempre.

Júlia, que teu novo ciclo seja ainda mais porreta. Que tu sigas com saúde, sucesso, paz e Rock and Roll. E que não demores tanto a pisar em nossas terras novamente. E que eu consiga te ver, bater papo, escutar um som e tomar cervejas pra matar um pouco das saudades que todos sempre temos de ti.

Com a Júlia, na última vez que ela veio aqui em Macapá. Não lembro o ano, mas acho que foi em 2015 ou 2016.

Que essa data se repita por muito tempo, no mínimo mais uns 100 anos. Tu moras no meu coração há décadas e sabes disso.

Meus parabéns e feliz aniversário!

Elton Tavares


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *