Luau reúne jazz, contação de histórias e bike retrô em praça de Macapá

Por Carlos Alberto Jr,

Na quarta-feira, 1º de novembro, véspera do feriado de Finados, a Praça Samaúma, localizada no bairro Araxá, em Macapá, será mais uma vez ocupada por música instrumental, exposições, contações de histórias e outras atividades. É a 3º edição do “Luau na Samaúma”, cuja programação começa a partir das 17h30.

O tema musical dessa edição será voltado para o jazz, com apresentação instrumental do Quinteto Amazon Music e convidados. Uma exposição em movimento também estará no evento por meio do encontro Bike Retrô, onde dezenas de ciclistas vestidos com roupas antigas, darão voltas no entorno da praça.

O evento multicultural terá também Contação de Histórias com o projeto Encontrar, Contar e Encantar, exposição de motocicletas, exposições de arte da Escola Cândido Portinari, comercialização de artesanato e comercialização de discos de vinil. Além de mostra com o Orquidário, que possui uma bela variedade de flores e plantas.

Foto: Rui Brandão

Para o procurador-geral, Márcio Alves, assim como as edições anteriores, o terceiro Luau será um evento voltado para a família macapaense.

“Ficamos felizes com o sucesso dos dois primeiros luais na samaúma, que consiste em cultura, e entretenimento com segurança para as famílias de Macapá”, contou.

A proposta é realizar o “Luau da Samaúma” uma vez por mês. As edições devem contar com música popular brasileira e amapaense e até clássica e instrumental, além de teatro e poesia. Haverá também a comercialização de comidas e bebidas típicas, artesanato e exposição de arte em geral.

Voltado para famílias, o evento é promovido pela Promotoria Geral de Justiça em parceria com a prefeitura de Macapá. Garantia de limpeza de espaço público, segurança e a promoção de atividades à sociedade fazem parte da ideia do projeto.

Serviço:

3ª edição do Luau na Samaúma
Data: 1º de novembro (quarta-feira)
Local: Praça Samaúma, no complexo do Araxá, no entorno do prédio do MP-AP
Hora: 17h30
Entrada: livre

Fonte: G1 Amapá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *