Maio Amarelo: Governo do Amapá prorroga atendimentos da carreta do Hemoap no prédio do Detran, em Macapá

O Governo do Amapá prorrogou até sexta-feira, 24, o atendimento da unidade móvel do Instituto de Hematologia e Hemoterapia do Amapá (Hemoap) no prédio do Departamento Estadual de Trânsito do Amapá (Detran-AP), em Macapá. A inicativa faz pate da campanha Maio Amarelo, que visa a redução dos índices de acidentes e mortes no trânsito.

O mutirão de doação de sangue tem como público-alvo os servidores do Detran, além de profissionais da segurança pública e a comunidade dos bairros da Zona Norte da capital. Segundo dados do hemocentro, por dia, cerca de 15 pessoas contribuem com o estoque de sangue. Até o momento, mais de 50 bolsas já foram coletadas.

“Estamos tendo uma demanda de atendimentos muito boa, mas dá para aumentar. Por isso, esperamos que mais pessoas possam vir até a carreta e contribuam com o Hemoap”, destacou a médica generalista do Hemoap, Sarah Tairine.

Como doar

Para contribuir com o estoque de sangue do Hemoap, é preciso seguir algumas orientações feitas pela unidade:

Estar em boas condições de saúde;
Não ter apresentado sinais ou sintomas de gripe comum nos últimos 14 dias;
Não ter tido COVID-19 nos últimos 30 dias;
Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos. Menores de 18 anos é necessário a presença e assinatura de consentimento dos responsáveis;
Pesar no mínimo 50kg;
Documento oficial com foto;
Estar descansado (ter dormido pelo menos 6h na noite anterior);
Não vir em jejum. Estar bem alimentado (evitar alimentações gordurosas nas 3h que antecedem a doação);
Não ingerir bebida alcóolica no mínimo 12h antes;
Não ter fumado pelo menos 2h antes.

Texto: Vithória Barreto
Foto: Arquivo/GEA
Secretaria de Estado da Comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *