Mais homofobia no País

                                                                                       Por Darth J.Vader

Passei alguns dias pensando se iria escrever sobre mais um ato homofóbico gritante e já tinha resolvido passar essa quando li o texto de Régis Sanches. Pois bem, agora o negócio ficou feio.
Devo dizer, primeiramente, que brancos não sofrem preconceito por serem brancos, apenas se estiverem rodeados de negros, e daí já começa o porém. Tenho a cor da minha gente de Manaus, um tipo “pardo”, como consta na minha certidão de nascimento e isto nunca foi motivo para preconceito. Mas minha digníssima Cláudia já foi tratada muito mal, e várias vezes, por ser branca.

Quanto a mim, quando abro a boca pra dizer que sou gay…Sabem, existem vários tipos de preconceito e alguns são exagerados. Quando você diz que tem orgulho de ser branco, tudo bem, mas vai dizer que é gay, negro ou gordo! Foge totalmente do tal esteriótipo “perfeito”! E é assim que tudo começa.

Não posso dar um beijo na minha esposa em plena rua. Não é porque os héteros vão se sentir mal – como já tiveram a coragam de dizer isso na minha cara e se calaram quando lembrei dos vários chupões se comendo dos casais homem-mulher – , mas é porque eu corro o sério risco de apanhar e de ser morta! Não sei aí em Macapá, mas em Manaus morre ao menos um gay por mês, simplesmente porque gosta da mesma fruta.

Aí me vem uma “criatura” e fala esse monte de merda! E desta vez não estou falando só de Régis, mas também do Bolsanaro.

É para falar de religião? Então engula, ignorante: nós somos seres de Deus e, se Ele não nos queria assim, por que fomos criados?

Aprendam de uma vez por todas: ninguém é gay porque quer, e sim porque NASCEU ASSIM!!

Outra coisa engraçada é a falta de memória. Ninguém lembra que cortar o cabelo com um homossexual fica 300 mil vezes melhor do que com um hétero? As dondocas esqueceram de quem desenha seus vestidos? Os músicos não pensam em quem criou os instrumentos de batuque? Acham mesmo que a maioria das coisas criativas foram feitas por héteros?


Régis, por favor, você tem a sua opinião e respeito isso. Mas você gostaria se eu jogasse na sua cara: olha, você é branco, ou seja, não entende absolutamente de nada a não ser alienações da rede bobo! Você é um idiota sem cultura, que não entende valores diferentes daqueles monetários? Sabe por que não há uma associação tipo UBRAM (União dos Brancos da Amazônia)! Porque os brancos não são perseguidos, nem perdem empregos para os negros ou deixam de declarar o companheiro por ser gay.


Agora Régis entende como me senti quando li seu post? Pois é…


Para terminar, porque isto está longo demais, eis aqui alguém que AMA PRETA GIL!! Ela é filha de quem é? Claro que sim! Ela é menos por conta disso? Só se você também for! Ela é uma pessoa com sentimentos, que paga impostos e que trabalha honestamente. Os seus pais não são famosos ou não fizeram nada para entrar para História (sim, porque a verdadeira se escreve com HI, não começando com E – ofende mas não assassina o português, tá?!) isso só é problema seu!


Sabe quem AMA PRETA GIL?? Espero resposta, porque ninguém merece ler mais preconceito além do que já convive diariamente! E-mail: jucaramenezes@gmail.com

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

Commentários
  1. Gustavo alves

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*