Mara Caldas gira a roda da vida. Feliz aniversário, querida amiga!

Tenho alguns companheiros (brothers e brodas) com quem mantenho uma relação de amizade e respeito, mesmo a gente com pouco contato. É o caso da Mara Caldas. Hoje é aniversário dela, que gira a roda da vida neste décimo nono dia de agosto.

A Mara é esposa do Yurgel e mãe amorosa, professora, servidora pública, mestranda em Cultura Portuguesa na faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (FLUL) – sim, lá na terra de Cabral – fã de boa música, livros e vinhos, além de queridona deste jornalista.

Nem sei desde quando conheço a Mara, mas faz tempo. Ela é uma pessoa agradável, dona de vasta cultura geral, sorridente, gentil, entre outras tantas paideguices. Sobretudo uma mulher do bem.

Como a maioria dos meus “brodis”, ela é inteligente e tem uma visão diferenciada de mundo. Faz parte de algumas das minhas memórias afetivas em relação à época do Colégio e festinhas na Macapá dos anos 90.

A gente se ameaça, diz que vai tomar umas e bater papo, mas nunca rola. Não é culpa dela e nem minha, mas sim de nossas vidas (agora da pandemia). Já faz tempo que não nos encontramos, somente interagimos via redes sociais. Nem por isso ela deixa de ser considerada por mim, e tenho certeza que é recíproco.

Mara, velha e querida amiga, que teu novo ciclo seja ainda mais paid’égua. Que sigas com essa garra, sabedoria, coragem e talento em tudo que te propões a fazer. Que a Força sempre esteja contigo. Saúde e sucesso sempre, broda. Parabéns pelo teu dia e feliz aniversário!

Elton Tavares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *